História Da inocência à sedução - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Anjos, Demonios, Ódio, Paixão, Romance, Vampiros
Exibições 84
Palavras 526
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Super Power, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Go Fuck Yourself - Two Feet ♡

Capítulo 16 - Imortalidade


Fanfic / Fanfiction Da inocência à sedução - Capítulo 16 - Imortalidade

Quando finalmente o carro parou de girar, eu não estava morta, apenas presa dentro do carro, fiquei uns dois minutos em silêncio admirando minha "sorte", tentei me desprender do carro.

– Aí... – Cai de cabeça no chão, e coloquei a mão na cabeça, me sentei e olhei para a estrada, a rena ainda estava lá, olhando pra mim, parecia querer chamar minha atenção, me encarava fixamente  É, acho que é o que temos pra hoje.

Me levantei e olhei ao redor e comecei a caminhar atrás da rena, ela estava me levando a algum lugar,  estava amanhecendo, depois de uns minutos avistei uma casa e logo a rena parou de caminhar, então conclui que era aqui o lugar onde ela queria me trazer. Caminhei ao redor da casa, procurei um entrada, vi uma janela lá no alto aberta.

 Acho que vou ter que escalar. – Comecei a subir na casa, chegando na janela, eu senti aquele frio, então sabia que John estava ali, olhei ao redor vi John sentado em frente.

 Estava te esperando, Isabella. – Ele me olhou de baixo acima.

– Esse não é meu nome, seu traíra. – Falei cheia de raiva.

 Agora é, eu não te trai, meu amor, você precisava morrer para tomar posse de seus poderes. – Ele olhou para os meu machucados. – Parece que você teve um longo caminho até aqui.

 O que vocês fizeram comigo? – Ele deu um sorriso irônico.  – Tudo isso é sua culpa, me usou, me fez de boba, agora me responda, o que fizeram comigo?

– Te demos poder, te demos a imortalidade, Isabella. – Sempre com aquele sorriso. – A escolha foi sua, eu não tenho culpa.

– Imortalidade, porque eu John, porque? – Me sentia mal por esta ali.

 Você tem um rosto inocente, é filha de um demônio com um anjo, pode parece dócil, mas a verdade é que você é traiçoeira e cruel.. você pode ver isso Isabella? 

 A única coisa que eu vejo e que você é um doente.

– Sua mãe está aqui nesse mundo, precisa achar alguém para substitui - la,  já  que você "morreu", ela não deve imagina que você está viva.

– E eu com isso – Falei tentando não me importar – E essa sede que não tem fim? Me diga porque tenho tanta sede.

– Você precisa matar alguém, e beber do sangue dessa pessoa, sempre  ira sabiar sua sede. Lembra da bebida que te dei, era sangue de vampiro, você é a junção de muitas forças do mal, a irmã do seu pai te deu a vida dela mais a vida de outros demônios, por isso você tem lembranças que não são suas, o Eric te deu a vida e a de bruxas.

 Porque me deram tudo isso? 

 Você é o novo equilíbrio do mal!

 Você nunca me disse nada sobre isso.

– Não? Acho que esqueci de te dizer essa parte, me desculpe, mas foi tudo pelo bem do mal.

 Você é um mentiroso, traiçoeiro, seu!?

– E muito charmoso também. – Ele levantou e veio em minha direção.  Acho, que podemos ir!

– Não vou a lugar nenhum com você.

 Quer ficar sozinha nesse mundo? E também tenho certeza de que você gostaria fazer uma visita pra sua mamãe querida. Você vem?




Notas Finais


Aceito sugestões ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...