História Daddy Issues - BoruSara - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Boruto Uzumaki, Chouchou Akimichi, Chouji Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Iruka Umino, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Konohamaru, Mitsuki, Orochimaru, Personagens Originais, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shikamaru Nara, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju, Yamato
Tags Borusara, Borusumi, Naruhina, Problemas, Saiino, Sasusaku, Shikatema
Visualizações 89
Palavras 1.057
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heyo minna-san!
Sobre o horário, ainda não consegui organizar, porque estou com pouco tempo livre.
Então por enquanto que ainda não tem o horário, terá um capítulo por dia.
Eu também queria avisar sobre minha semana de prova (que está se aproximando) não poderei tocar no celular e nem no PC, então vocês infelizmente vão ficar sem fanfic ;-;
Vou parar de falar aqui nas notas porque se não fica maior que o capítulo.
Espero que gostem!

Capítulo 3 - III - O mistério de Mitsuki


— Está doente, Sarada? — A morena ouviu uma voz que não conseguiu reconhecer na hora e acabou se assustando.

×××××

Naruto ouviu batidas na porta e se assustou.

— Entre. — Falou alto.

Logo depois viu um moreno alto adentrar.

— Sasu... — Naruto falou surpreso, pois pensou que Sasuke não voltaria mais, e Sasuke o interrompeu

— Você ainda não foi ver sua família seu idiota? — Sasuke falou colocando uma sacola que provavelmente teria comida lá pelo cheiro que exalava.

— Ah cara! Não tô tendo tempo nem pra ir no banheiro. — O loiro fez uma expressão sofrida e mostrou uma garrafinha pequena que havia um líquido meio verde, talvez fosse verde por causa da embalagem, mas na hora que Sasuke se tocou fez uma cara de nojo e Naruto se divertiu com aquilo e começou a rir, mas riu com uma aparência cansada, como a de alguém que não dormia há dias. — Brincadeira cara, isso é meu refrigerante que eu bebi um pouco de manhã.

— Você devia voltar pra casa. — Sasuke falou olhando um alvo que tinha na sala dele. — Pra que usa esses alvos se nem tem tempo pra brincar.

— Decoração. — O loiro falou pegando uma pilha de papéis e um carimbo, logo Sasuke escutou uma barulheira e viu Naruto carimbando os papéis com a velocidade da luz. — Mas me diz uma coisa... Porque a Hinata não veio... Hoje? — Falou pausadamente por conta do cansaço e sua respiração que estava inquieta.

— Isso ai eu não sei não amigo. — Sasuke falou erguendo uma faca e lançando contra o alvo na parede, acertando o centro do alvo ele sorriu orgulhoso e Naruto ficou de queixo caído.

— Nossa! — O loiro falou surpreendido e Sasuke riu.

×××

— Ah! que susto Mitsuki. — A morena colocou a mão no lugar onde estaria seu coração.

— Desculpe, não sabia que ia se assustar. — Mitsuki se sentou em uma cadeira que estava na fila ao lado da fila que Sarada sentava. — Sobre a minha pergunta?

— Que pergunta? Ah, sobre eu estar doente? Não, eu acho. — Ela falou as últimas duas palavras baixo o que fez o prateado rir.

— Foi porque estranhei você sozinha na sala no intervalo... — Ele falou e ela voltou a se aconchegar na cadeira e fechar os olhos.

— Ah, estou com preguiça de sair. Também não estou com fome. — Sarada falou num tom baixo.

— Entendi, posso ficar para te fazer companhia? — O prateado falou se virando para a frente e olhando para a lousa que tinha cálculos matemáticos.

— Ue, Claro, porque não? — Ela sorriu.

Por um momento a morena achou que poderia estar delirando, mas sentia o olhar do garoto sob si, se sentiu um pouco mal por não saber o que se passava na cabeça dele.

— Voltei Sarada!~~~ — Chouchou falou adentrando na sala. — Oh, olá Mitsuki! — Chouchou mascou chips, sarada que estava um pouco mais relaxada por ouvir a voz da amiga, sentiu seu peitoral ficar levemente pesado e depois escutou barulho e embalagens sendo amassadas, foi quando ela abriu os olhos e viu que havia um pacote de chips em cima dela. — De nada.

— Valeu. — Sarada se sentou e abriu o pacote de chips, comeu alguns e voltou a sentir o olhar de Mitsuki, virou-se para ele e ofereceu, ele apenas sorriu com os olhos fechados o que era uma expressão bonita em seu rosto.

Chouchou logo sentiu um clima entre os dois.

— Se for para mim ficar de vela, avisa, que eu saio logo. — Chouchou falou na maior facilidade e Sarada corou.

— Vela? — Mitsuki falou sem entender.

— A-Ah não! nada! esquece! — Sarada falou gaguejando e chouchou riu alto. — Chouchou! — Ela deu bronca na alaranjada.

×××××

— Quero saber somente a verdade, Sumire! — Boruto falou e acabou por alterar seu tom de voz na última palavra.

— Ah... Hm... — A arroxeada estava tentando pensar em uma situação convincente para Boruto.

— Não enrole. — Ele a encarou olhando ela nos olhos.

— T-Ta bom. — Sumire baixou a cabeça e pensou na melhor história. — Eu e-estava pensando em desculpas p-porque se a chouchou descobrisse q-que te contei toda a verdade, ela me b-bateria. — Ela falou tremendo a voz, por mais esperto que boruto fosse, ele pareceu que havia caido na armadilha dela.

— E porque ela queria te bater antes? — O loiro falou levantando o rosto da arroxeada e viram um estranho caminhar no corredor que estavam, boruto começou a andar para frente que fez ela andar para trás até não conseguir mais por causa da parede que impedia.

— Eu não sei, minhas amigas dizem que ela me amaldiçoa em silêncio, e que tem inveja de mim. — Ela fez uma expressão triste, foi o que conquistou ele, e fez o mesmo beija-la naquele corredor, encostados na parede, sem medo de alguém ver.

×××××

— Você vai na viagem escolar que haverá daqui ha um mês Mitsuki? — Sarada falou pegando um panfleto que falava exatamente isso.

— Ah não, meus pais disseram que vão vir me visitar nesse período. — Ele falou planemo também para o panfleto que Sarada segurava.

— VOCÊ NÃO MORA COM SEUS PAIS? — Chouchou gritou surpresa.

— Mais baixo... — Sarada fechou seu olho direito que era o lado que Chouchou estava.

— Não, ele moram em uma cidade vizinha. — Mitsuki falou olhando para chouchou.

— Porque não mora com eles? — Sarada falou comendo o último chips do pacote.

— É uma longa história... — Mitsuki baixou a cabeça, pareceu se entristecer de repente.

— Amamos longas histórias. — As duas garotas falaram com um olhar cheio de curiosidade para cima do menino.

— Sempre são legais ou tem finais felizes. — Chouchou também havia acabado de terminar o pacote de chips e pegou outro.

— Uma pena, é que essa história não é nada legal, e muito menos tem um final feliz. — Mitsuki falou num tom frio, se levantou rapidamente e saiu da sala.

As duas garotas se olharam.

— Eu disse algo errado? — Chouchou falou coçando a cabeça.

— Sei não, hein. — Sarada fez bico e olhou para a porta que ele havia saído.


Notas Finais


Gostou? Deixe sua opinião aqui em baixo nos comentários e favorita a fanfic para não perder nenhum cap que eu posto.
Até o próximo! ^•^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...