História Daddy Messages -Jikook - Capítulo 44


Escrita por: ~ e ~Sad_Stark

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook
Exibições 746
Palavras 714
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Era para eu atualizar mais cedo mas tive alguns problemas.
Estamos em reta final, a fanfic já está acabando e eu agradeço muito a quem não desistiu de mim, sempre está comentando. A fic infelizmente não vai ter um final bom e sim triste mas me desculpem por isso. Eu já fiz a sinopse da segunda temporada e em janeiro ou no final de dezembro eu começo a segunda temporada.

Tenho um grupo no whatsapp e quem quiser entrar deixar seu número aqui ou me adicionar para eu colocar você no grupo.

Meu number: +55 85 9 86 21 84 82

Boa leitura e desculpem o capitulo pequeno <3

Capítulo 44 - Juntos até a morte


Fanfic / Fanfiction Daddy Messages -Jikook - Capítulo 44 - Juntos até a morte

​JUNGKOOK .O.V

Estava eu e Jimin andando pelos corredores, Jimin estava chorando pois soube que sua mãe sofreu um acidente. Estava me lembrando de umas coisas, ri dos meus pensamentos.

​" - No dia que Park Jimin for gay eu vou virar deus. - Digo saindo.''

​" - Park Jimin porque você não me deixa?"

​" - Olá Taehyung."

" - Com quem eu falo?"

" - Park Jimin."

​E foi ai que tudo começou, as nossas mensagens, brigas e ilusões achando que um ia fazer o outro se apaixonar primeiro. Ele se apaixonou e de brinde eu também me apaixonei junto.

- Pensando no que amor? - Pergunta Jimin.

- Eu estava lembrando de como tudo começou. - Digo. - Das nossas mensagens, brigas e ilusões.

Ele solta uma risada fraca. - Eu me lembro daquele tempo.

- Sinto falta de conversar com você por mensagens, mas é melhor falar com você na vida real. - Digo dando um selinho em Jimin.

- Porque eu te amo? Já sei! Deus escolheu você para ser minha alma gêmea, meu único amor, eu não sou muito bom com palavras mas desde daquele tempo das mensagens eu já sentia algo forte por você, eu não queria admitir isso então eu ficava negando meus sentimentos. Eu era um idiota por ter batido em você, eu não sei porque eu gostava de ver você implorando para mim parar mas eu mudei, mudei por você, por que eu te amo. Nosso primeiro beijo foi o melhor da minha vida, quando sentimos um dentro do outro foi com certeza melhor dia, então eu quero concretizar isso para sempre. Sei que ainda estamos muito novos, já namoramos faz cinco meses e eu queria te perguntar. Jeon Jungkook, você aceita se casar comigo? - Ele abre uma caixinha azul, lá continha dois anéis com nossos nomes gravados.

Sinto minha vista ardendo então me limito apenas á assentir.

- Eu te amo. - Ele diz e coloca o anel em meu dedo.

- Eu também te amo. - Digo e coloco o anel com meu nome gravado em seu dedo.

- Juntos até a morte. - Falamos juntos.

- Agora só falta falar para nossos pais e ver o que acontece. - Jimin diz.

- Minha mãe provavelmente vai aceitar, meu pai também então de boas. - Digo.

- Eu não sei se meu pai vai aceitar, ele é contra casais gays, ele preza bastante a empresa Park's e não vai aceitar ter um filho gay, já minha mãe ela vai aceitar também. - Diz cabisbaixo.

- Ei amor, não fica assim, eu não gosto de te ver triste. A gente vai enfrentar tudo e todos. - Digo e lhe dou um selinho demorado.

- Eu estava lembrando ontem de tudo que a gente passou, todos os problemas querendo nos separar, as brigas, as pessoas fazendo de tudo para nos ver brigado mas a gente tem um laço tão forte que nada é capaz de nos separar. - Diz.

- Jimin eu te amo tanto. - Digo e vejo-o sorrir tímido. - Oh, Park Jimin tímido, essa é nova.

- Bobo. - Bate em meu braço.

- Violento. - Digo fingindo falsas lágrimas.

- O sinal daqui a pouco vai tocar. - Diz.

- Foda-se o sinal, o importante é nós dois. - Digo.

- Ah Jungkoookie, eu tenho medo de uma coisa. De Deus ver que você é algo bom na minha vida e te tirar de mim. - Diz já com os olhos marejados.

- Ninguém nunca vai separar a gente, nunca. - Digo e lhe abraço. - Lembra?

Ele assente.

- Juntos até a morte. - Juntamos nossos dedos mindinhos e levantamos no ar.

- Eu te amo. - Falamos juntos novamente, rio com isso.

" Você precisa enfrentar tudo e todos para conquistar o meu coração.

Não perca tempo, ande, atire logo.

Eu sei que você só fez isso para o nosso bem.

Doeu ver aquela linda aliança despencando do seu dedo.

Sangue em seu estômago.

Sangue por todo lado.

Você morreu.

Deus te levou de mim.

Olho para cima e vejo as estrelas lindas e brilhantes.

Você agora é uma delas.

Escuto sua linda voz sussurrar em meu ouvido.

- Juntos para sempre, juntos até a morte. "


Notas Finais


Estamos quase terminando a fanfic. Quase chorei nessa última frase que escrevi.
Se tiver algum erro me desculpe, eu escrevi pelo celular.
GENTE PRESTEM ATENÇÃO NESSA FRASE QUE EU ESCREVI, ELA TEM TUDO HAVER COM O FUTURO DELES.

Até o próximo capitulo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...