História Daddy or You? ~Imagine~ - Capítulo 58


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, K.A.R.D, Monsta X
Personagens B.M, BamBam, Hyung Won, I'M, J.Seph, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jiwoo, Joo Heon, Jungkook, Ki Hyun, Mark, Min Hyuk, Personagens Originais, Rap Monster, Show Nu, Somin, Suga, V, Won Ho, Youngjae, Yugyeom
Tags Daddy
Visualizações 163
Palavras 729
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Harem, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 58 - Estupro


Yoongi Pov

(Dia seguinte)

Eu não consegui dormir, só pensava na minha pequena e onde ela poderia estar.

A foto da S/N já estava em todos os noticiários, eu espero que funcione. Meu contato era um dos que a pessoa iria ligar se visse a pequena.

Sukura, Namjoon, J.Seph, Somin, B.M e principalmente Jiwwo, juraram não sair do Japão até encontrarmos S/N.

S/N Pov

Já estava se formando uma poça de lágrimas no local onde eu me encontrava. Estava deitada, chorando e desesperadamente, chamando o nome do Yoongi. Eu sei que sou fraca e vou acabar obedecendo tudo o que aquele homem disser, se isso for preciso pra sair dessa lugar.

A grande porta de metal foi aberta e comecei a tremer, além do lugar me dar arrepios também era frio ali dentro.

Os passos ficavam cada vez mais altos, logo pude sentir uma mão acariciando meu rosto.

- Você está tão geladinha, está com frio Baby S/A? Quer que o Daddy te esquente?

Eu não respondi nada, o medo ficou preso na minha garganta, impedindo me de falar ou gritar.

- Se você não responder - foi abaixando meu short devagar -, eu vou ter que te punir

S/N - Por favor não - segurei meu short antes que chegasse aos joelhos - Não faça isso

- Silêncio! S/A, sabe o que as Baby's fazem enquanto estão sendo fudidas por seus Daddy's?

S/N - Gemem... - sussurrei

- Você não vai gemer quando eu começar, vai gritar! - dei um tapa estalado na minha coxa

Como um estranho que eu nem faço ideia do nome quer transar comigo? Isso é loucura! Eu não posso deixar mas... O que vai acontecer se eu me recusar a fazer isso? Será que ele vai me matar? Oh Yoongi, vem logo me buscar!

Eu já estava totalmente nua enquanto o meu sequestrador estava sem a calça e a boxer.

Meu medo aumentou tanto, não dava pra conter. A cada segundo eu ficava pior.

- Baby Girl, não fique assustada com seu Daddy. Eu prometo que você só vai ficar sem andar por uns, dois dias talvez

S/N - Não faça isso, por favor

Sem ao menos esperar, ele me penetrou bem forte e fundo, eu gritei e ele riu. Ele nem esperou eu me acostumar e começou a me estocar mais forte ainda e mais rápido, minha intimidade já estava ardendo com a brutalidade dele. Meus gritos eram somente de dor, uma dor intensa no coração e na minha intimidade, que estava sendo invadida por um mongolóide idiota.

- Oh S/N... Você é mais apertada do que eu tinha pensado, deliciosa, eu diria se gemesse além de gritar mas isso, me deixa maluco por você

Eu não dei ouvidos pro que ele disse.

Sinto falta do Yoongi, da minha melhor amiga Sakura e do professor de inglês Rap Monster; eu sinto falta dos abraços quentinnhos do meu irmão, sinto falta do jeito que ele me chamava, Carneirinha. Sinto falta de poder dizer pra ele, todas as manhãs, que amava meu irmãozinho mais velho; sinto mais falta ainda do seu lindo sorriso, o sorriso de felicidade que me fazia esquecer de todos os problemas enquanto ele, ainda sorria; também sinto falta do meu querido Jackson, poder abraçar ele e saber tudo o que eles faziam na faculdade. Mamãe e papai... Mark e Jackson, Yoongi e todos os meus amigos... Eu sinto falta deles.

- S/N! - o sequestror tinha acabado de gozar dentro de mim e eu, melei ele - Você é tão gostosa, como consegue ipnotizar alguém assim? - bateu na minha coxa

Minha visão estava ficando embaçada, minha respiração estava ofegante demais. Tudo ficou preto derrepente.

Eu acordei em uma cama gigantesca. Tentei abrir meus olhos um pouquinho e vi que estava em outro lugar completamente diferente daquela sala estranha. Eu estava dentro de um mquarto com as paredes azuis e o teto também, tentei me levantar mas minhas pernas doíam e minha intimidade também.

Ouvi a porta ser destrancada e fingi que ainda estava dormindo. Ouvi passos próximos da cama e logo um suspiro.

- Como o Youngjae pode se apaixonar por uma garota tão... Como você? - era uma voz feminina - Uma garota patética, foi traída pelo noivo

Gorda; com um cabelo tosco e nojento; rostinho, a esse rostinho perfeito! - senti alguma coisa fina como uma faca ser passada pelo meu braço e cortar o mesmo, segurei o grito de dor - Vamos ver se ele ainda vai querer você depois que descobrir o que você fez



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...