História Daddy Yoongi - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 33
Palavras 751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ecchi, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


aiiiiiiiiiii meus unicornio-paçoqueiros S2 leiam se gostarem me falem;)

Capítulo 1 - 1


Estava a uma semana em Seul, fui lá fazer a minha tão esperada faculdade de dança, meus pais tem uma casa aqui e eles me deixaram ficar com ela, eu só não podia destruí-la. Minhas aulas infelizmente só iam começar no próximo mês, mas eu tinha comida o suficiente para sobreviver até lá. Eu aproveitei para conhecer mais a cultura aqui, eu procurei alguns grupos de K-pop e achei um, EXO, eram muitos integrantes então nem me dei ao trabalho de ficar decorando os nomes deles. Eu tive que aprender a comer no palitinho, oque foi difícil por que eu sempre desistia e pegava um garfo.
Eu comprei umas roupinhas estilo coreanas para me enturmar, mas o Brasil não sai de mim.

Meu pai mandou reconstruir uma sala para mim. Eles retiraram toda a parede e colocaram um vidro bem firme, dando assim a visão do bairro, um ar condicionado, barras de Ballet, espelhos enormes por toda a sala, e tinha uma caixa de som no canto.

Eu estava indo caminhar, lá pelas 16:00 horas, enquanto me alongava no jardim escuto um barulho de carro, abro os olhos e vejo uma van preta, e vários garotos saem de lá, 7 no total, reparo que tem um de cabelos cinza desbotado me encarando, como se esperasse algo de mim, eu o encaro de volta e ele ergue uma sobrancelha, eu abro um pequeno sorriso e aceno, ele ignora e entra na casa.
Qual é a desse cara? Eu super educada aqui, acenei para ele, e é assim que ele retribui, uma ignorada legal. Tomara que pelo menos eles sejam quietos, meus antigos vizinhos faziam festa três vezes por semana.

-Educação mandou lembranças. -falo sozinha.

Após 40 minutos de caminhada e vinte de descanso durante a caminhada, eu volto pra casa, eu estava com sono pois fiquei o dia todo resolvendo coisas da escola, respondendo mensagens e etc.
Paro na porta de casa e por impulso olho para trás, tem um garoto alto com cabelos castanhos na porta, ele sorri quando me vê e seus olhos se fecham um pouco.
Sorrio e aceno, esse é bem mais educado que o outro com certeza.
O de cabelos cinza aparece do lado do de cabelos castanhos, ele não tem expressão em seu rosto, parece que é um vampiro e desligou sua humanidade, meu sorriso some do rosto e eu reviro os olhos, entrando em minha casa.

Eu estava com fome e precisava de algo gostoso e rápido. O jeito foi fazer panquecas com mel. Eu comia enquanto olhava as mensagens no WhatsApp, enviaram um áudio de um grupo coreano, tem uma batida muito boa, eu vou usá-la para fazer uma coreografia.
Subi para meu quarto, entrei no banheiro e liguei a torneira para encher a banheira. Enquanto enchia fui preparando uma roupa para dormir, um short de malha um pouco curto, e uma blusinha, é só para ficar em casa mesmo.
Voltei para o banheiro e me despi, entrei na banheira, relaxando meus músculos e aproveitando aquela agua morninha em meu corpo.
Saí do banheiro e fui para meu quarto, deixei a toalha cair e vesti minha roupa, deitei na cama, mas eu não conseguia dormir, algo me atrapalhava sei lá.

Escuto a campainha ser tocada.
Eu realmente não tenho ideia de quem seja, mas eu não vou ignorar a pessoa. Desco as escadas e vou em direção a porta, abro e vejo o carinha dos cabelos cinza. Por qual estranho motivo o cara dos cabelos cinza estava em minha porta?

-Oque você quer? -pergunto, mas minha pergunta saiu um pouco rude.

-E-eu vim pedir desculpas pelo meu comportamento de hoje mais cedo. -ele falou rapidamente, ele obviamente não veio por vontade própria. Coloquei a mão em seu ombro, oque o surpreendeu um pouco, afastei ele para o lado e vi o carinha do sorriso fofo se esconder. Tirei a mão de seu ombro e falei:

-Não tem problemas, e diga ao garoto do sorriso fofo que mandei um oi. -digo e me viro para fechar a porta, mas ele segura meu braço.

-Eu sou Yoongi, Min Yoongi. -ele fala.

-Eu sou Melanie. -falo com um pequeno sorriso no rosto.

-Aliás, belo pijama -ele fala com um sorriso de lado e sinto minhas bochechas pegarem fogo.
Fecho a porta com minhas bochechas ainda coradas.
E então ele volta a ser o idiota, porém dessa vez safado.
Subo as escadas em direção ao meu quarto, deito em minha cama macia e confortável, e finalmente consigo dormir.


Notas Finais


espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...