História Daddy's possessivos - Incesto - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias 4Minute, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, DEAN, EXID, EXO, Girls' Generation, Jay Park, Monsta X, Seventeen, UNIQ
Personagens Baekhyun, Boo Seungkwan, Chanyeol, Chen, Cho Seung Yeon, D.O, DEAN, D-Lite (Daesung), Ga Yoon, G-Dragon, Hani, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Hyerin, Hyoyeon, Hyun A, Hyung Won, I'M, Jang Doyoon, Jay Park, Jennie, Jeon Wonwoo, Jessica, J-hope, Ji Hyun, Ji Yoon, Jimin, Jin, Jisoo, Joo Heon, Junghan "Jeonghan", Junghwa, Jungkook, Kai, Ki Hyun, Kim Mingyu, Kim Sun Joo, Kris Wu, Lay, LE, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Li Wen Han, Lisa, Lu Han, Min Hyuk, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sehun, Seohyun, Seungcheol "S.Coups", Seungri, Shin Dongjin, Show Nu, So Hyun, Solji, Soonyoung "Hoshi", Sooyoung, Suga, Suho, Sunny, T.O.P, Taeyang, Taeyeon, Tao, Tiffany, V, Wang Yibo, Wen Junhui "JUN", Won Ho, Xiumin, Xu Ming Hao "THE8", Yao MingMing, Yoona, Yuri, Zhou Yi Xuan
Tags Bts, Imagine Hoseok, Imagine Jungkook, Imagine Namjoon, Incesto
Visualizações 340
Palavras 905
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei amores, então só pra dar um avisinho, esse negócio da S/n com esse cara mascarado tá ficando muito pessoal viu e.e

Leiam que vocês vão entender beijos da Tina

Capítulo 5 - Capítulo 5 - " Ela está dentro de casa"


Fanfic / Fanfiction Daddy's possessivos - Incesto - Capítulo 5 - Capítulo 5 - " Ela está dentro de casa"

Depois de ler a carta misteriosa perguntei a médica se realmente eu poderia ir para casa e ela afirmou dizendo que não foi nada grave. 


~ Merda! Se eu ficasse aqui por mais uns dias garanto que meu pai mudaria de idéia - Pensei


Logo após que a médica saiu meu pai entrou com uma expressão nada boa e se sentou em minha cama


— Você não vai poder ir na casa de sua tia — Disse sério 


— Porque? — Que alívio! 


— B-Bom... Eu não sei — Disse tentando disfarça 


— Pai, você é um péssimo mentiroso, porfavor me conte oque está acontecendo. 


— Sua tia não te quer lá — Disse se levantando, algo me diz que não é isso que realmente aconteceu.


Me levantei da cama com sua ajuda, troquei de roupa e peguei minhas coisas para ir embora, percebi que Jeon e Hoseok não estavam com a gente 


— Papai, cadê Jeon e Hoseok? — Perguntei assim que entramos no carro 


— Pedi para que eles não viessem 


— Porque? 


— Para conversarmos sobre o tal menino e oque os dois faziam juntos 


— Ok... — Suspiro antes de continuar — Yibo é um menino que eu ajudei em matemática e ele me ligou dizendo que tinha uma festa e se eu te pedisse você não deixaria eu ir então resolvi fugir, esperei vocês dormirem e sai, na metade do caminho percebi que estava sendo seguida e vi que era ele o mesmo começou a inventar desculpas falando que a festa havia sido cancelada e pediu para que eu fosse em sua casa, eu neguei, ele não gostou e me puxou para um beco... — Não consegui contar o resto para o meu pai que me olhava Assustado 


— ELE FEZ ALGO COM VOCÊ? — Perguntou alterado e freiando o carro


— Não, eu consegui correr só que acabei sendo tropelada... Papai quem me trouxe para o hospital? 


— Eu não sei, só sei que ligaram para a ambulância e eles te encontraram sozinha desmaiada — Será que foi o homem mascarado? 


— Como você ficou sabendo que eu estava com um menino? — Perguntei cruzando os braços 


— B-Bem... — Namjoon coçou a nuca e voltou a dirigi ignorando completamente minha pergunta — Responda Appa. 

— Hoseok, ele disse que te viu saindo a noite sozinha 


— Como você sabia que eu estava em um beco? — Perguntei e novamente ele me ignorou 


~ Algo não está me cheirando bem - Pensei 


Paramos em um restaurante e pedimos uma mesa distanciada. 


Ficamos conversando até eu sentir novamente a forte dor de cabeça e ficar tudo embaçado, coloquei minhas mãos na cabeça e olhei para o lado esquerdo onde vi o homem mascarado 


— S/N VOCÊ ESTA BEM? — Ouvi meu pai falar comigo


— papai quem é ele? — Perguntei desviando meu olhar para meu pai — Ele quem S/n? — Olhei para o local onde o homem estava e ele havia desaparecido — S/n — Gritou meu pai antes de eu cair desacordada 


...


Há algo de errado comigo, quem era aquele cara? Oque ele queria? E a pergunta que mais me intriga: Ele está realmente vivo? 


Acordei em meu quarto e olhei para os lados assustada, pensando que o homem poderia ainda estar ali.


Me levantei da cama e caminhei até a porta de meu quarto ouvindo meu pai e meus tios conversarem 


— Liguei para o hospital e eles disseram que é a terceira vez que S/n está tendo essa dor de cabeça e que não sabem oque é — Disse meu pai


— Você disse que a S/n viu alguém que você não conseguiu ver... Oque você acha que pode ser? — Perguntou Jeon


— Eu não faço a mínima idéia... 


— E se for ele? — Disse Hoseok assustado


— Cala a porra da boca Hoseok — Disse meu pai,Ele quem? — Vou ver se ela acordou. 


Voltei rapidamente para a cama e fingi estar dormindo, assim que meu pai abriu a porta eu abri os olhos 


— Que bom que acordou bebê — Disse meu pai caminhando até minha cama — Como se sente? — Perguntou 


— Bem... — Digo me levantando 


— Que bom... Quero te fazer uma pergunta... Quem era a pessoa que você viu antes de desmaiar? 


— Pessoa? Que pessoa? Ah, sim, não era ninguém, eu que vi demais — Digo


Coloquei meu chinelo e caminhei até a porta do meu quarto, assim que meus tios me viram eles pararam de conversar 


— Oi pequena, que bom que acordou — Disse Goseok me dando um selar — HEY! — Reclamou meu pai me puxando para trás 


— Oi Hobi, Oi Jeon 


— Oi baby — Disse Jeon me abraçando 


Descemos para comer algo e logo após eles foram trabalhar me deixando sozinha. 


~ Oh, Deus - Pensei 


Subi para meu quarto e fechei a porta logo em seguida sentei em minha cama 


acabei adormecendo, acordei com meu cachorro chorando, me levantei rapidamente e logo vi uma carta encima do meu criado mudo 


    " você não está sozinha " 

        Assi: T


Amassei a carta e joguei pela janela, sai do meu quarto e desci as escadas, fui no quintal ver o motivo de meu cachorro lati, chegando lá vi meu cachorro deitado no chão sem vida e outra carta ao seu lado.


  " Tarde demais, ela já está aí dentro " 

       Assi: T


Ela quem?  Como ela entrou?  Oque ela quer de mim?! 


Notas Finais


Isso tá entrando em um lado muito pessoal né? Tá todo mundo agindo estranho, oque será que está acontecendo? Sera que foi a mãe dela que entrou? Quem será esse rapaz?

Gostaram? Espero que sim, seria legal um pouco de mistério
(灬♥ω♥灬)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...