História Dancer - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Rap Monster, Suga
Tags Happybirthdaynamjoon, Namseok, Teamomuito
Visualizações 10
Palavras 1.322
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Em setembro eu Não vou deixar vocês em paz rs.

Oi nick, oi mi, asmo vcs rs

Eu morro com essa namseok linda obg inspiração ♡

Capítulo 1 - Apenas dance comigo


Hoseok ja estava para enlouquecer, a cada dia que se passava, o aniversário de Namjoon se aproximava, como iria escrever ou produzir algo com tanta pressão? 


Amassou a folha de papel com alguns versos que ao seu ver, se comparavam a um romance barato de esquina, e seu amor por Namjoon não se resumia a "te beijarei até que a flor de plástico da mesa morra". Não queria uma letra cheia de clichês e belas frases que não fossem humanamente possíveis.


Como iria resolver esse problema? Facil, apelar para seu melhor amigo.

Resolveu mandar uma mensagem para Yoongi, o baixinho devia te ajudar naquele momento. 


Sacou o celular do bolso e entrou no kakao-Talk ja procurando o contato do mais velho. 


-"Oi" 


Digitou apreensivo vendo que o mesmo estava online. Decidiu parar de enrolação e mandar a mensagem logo, o tempo não vai parar. 


Viu que a mensagem logo foi visualizada e Yoongi ja estava digitando. 


- "oi Hoseok, o que você quer a essa hora da noite? Nem vem me pedir pra bancar a baba do Namjoon, não vou mandar mensagem alguma perguntando onde ele está ". 


Calúnia! Pensou o mais novo que logo deu uma risadinha e mandou alguns emojis de risinho para Yoongi. 


- "nossa Yoongi, até parece que eu sou assim" 


- "realmente quer que eu te lembre daquela vez que você me fez fingir estar "morrendo" para que Namjoon viesse para minha casa e saísse daquela festa? Quer que eu te lembre Hoseok?"


Um biquinho indignado se formou em seus lábios, como Yoongi era mal consigo, queria que Namjoon viesse embora por que só tinha trombadinhas e  pervertidos na faculdade dele - Não que o mais novo fosse santo, estava longe disso, mas não queria seu "bebê" em meio aquela baderna. 


- "pode guardar as facas yoon, vim em paz lhe pedir algo". 


- "Ihhh, me chamou de Yoon, em qual puteiro o Namjoon se enfiou dessa vez?"


Agora Yoongi conseguiu lhe irritar, como poderia dizer aquelas coisas de seu anjinho? 


- "aquele que o Seokjin recomendou pra ele, ta lembrado não? Eles foram juntos". 


Sorriu ladino ja imaginando o paspalho de seu amigo de mordendo de ódio, mais ciumento que Jung Hoseok? Só Min Yoongi. 


Percebeu que dois minutos haviam de passado e o mais velho não o respondia.


- "É brincadeira Yoon, Namjoon foi no fliperama com os meninos, preciso da sua ajuda com outra coisa". 


Mudou o rumo da conversa e agora realmente esperou que Yoongi o respondesse, coisa que não aconteceu, então como ja se encontrava ansioso, mandou tudo de uma vez logo. 


- " É sério Yoongi, tenho que escrever uma música pro Namjoon e só tenho 12 dias, preciso da sua ajuda". 


Ja estava pra começar a choramingar quando viu o tão cobiçado "digitando". 


- "Pergunta pro gerente do puteiro que o Jinnie levou o Namjoon, ele deve te ajudar a escrever uma música pro Namjoon". 


Nota mental: nunca fale algo que possa ofender Yoongi envolvendo seu namorado. 


- "Yoongi-ah, pare de drama e me ajude de uma vez". 


O mais velho apenas lhe mandou um emoji de dedo do meio e saiu do chat. Malvado, podia me ajudar ao menos dessa vez. 


Hoseok escorou as costas na cadeira olhou pro teto. 

Como poderia escrever algo para Namjoon se seu amor por ele não cabia em uma folha de papel? Se o que sentia toda vez que cheirava seu pescoço não poderia ser transformado em palavras? Estava completamente fodido pois não queria -e não poderia de forma alguma, escrever um melodrama falsificado.


Talvez deve-se tentar mais uma vez, vai ver ele só não está se esforçando o suficiente, certo? 


Se ajeitou na cadeira e pegou a caneta enquanto fitava a folha em branco, que não lhe parecia nada convidativa contando com toda a ansiadade e pressão que sentia sobre si. 


Aish, se precionar ainda mais não vai ajudar, Hoseok então levantou e andou de um lado para o outro parando apenas para voltar seu olhar para folha de papel jogada na mesa. 


É, serão longos 12 dias. 


                  [•••] 


O aniversário de Namjoon seria amanhã, e Hoseok ja estava beirando um colapso, e o pior de tudo: não podia se abrir com Namjoon, iria estragar a surpresa, se é que conseguiria fazer algo. 


Resolveu apelar para Yoongi novamente, ele não pode deixar hoseok enlouquecer de vez. 


-"Yoon, pelo amor de deus me ajuda, eu preciso da música pra amanhã e não tenho nada em mente". 


Para sua sorte, Yoongi era um puto desocupado e logo viu o "digitando" abaixo de seu nome. 


- "Ue, o senhor, Romantismo é minha praia, vou te amar até meu último suspiro não consegue escrever uma música para o seu amado?". 


- "Eu não sei o que está acontecendo comigo, vivo cantando versos todos os dias de manhã para Namjoon, mas quando vou escrever algo realmente, minha mente branqueia, dou tela azul e só consigo pensar no quanto eu o amo". 


- "Você poderia fazer algo que realmente saiba fazer Hoseok, você é um romântico nato, saberá o que fazer". 


Hoseok então parou para pensar, o que ele realmente sabe fazer? Mas antes de digitar mais alguma perguntando, Yoongi lhe mandou mais uma mensagem: 


- "E pare de me mandar mensagens a cada segundo, Jinnie ja está achando que você não ama o Namjoon e sim a mim". 


Mandou alguns emojis de risadinha e logo ficou em "off". 



Ok, Hoseok está mais calmo porém na mesma situação. 


O que faria para Namjoon? Passou o mês passado inteirinho apenas pensando na música e no quanto Namjoon gostaria de algo assim, que se esqueceu de fazer um plano B.


[•••]

 



Já ia dar meia noite e Hoseok ainda se encontrava naquele estúdio, gostaria muito de estar deitado aproveitando as carícias de Namjoon, mas estava apavorado. Quando olhou em seu relógio, e viu que ja era tarde demais, a porta se abriu e ele logo pode ver Namjoon entrar todo sonolento enquanto coçava os olhos. Oh, como ficava lindo com seus pijamas, mesmo que Nam fosse mais alto, Hoseok era mais forte, e suas roupas ficavam largas no mesmo, dando a impressão de que ele é apenas um bebezinho para Hoseok. 


O mesmo caminhou em passos curtos e se aninhou no colo de Hoseok encostando a bochecha na curvatura de seu pescoço com os olhinhos fechados. 


- Feliz aniversário amor. 


Disse Hoseok, e naquele momento, ele não se importava mais com músicas ou presentes para Namjoon, nada seria suficiente pra alegrar o rapaz como ele alegrava Hoseok no simples ato de se aconchegar em si. 


- Obrigado, por que não estava deitado ainda?


Dizia em um fio de voz sem abrir os olhos, a calmaria era visível em cada palavra, assim como o sono. 


- Estava ocupado com um probleminha, mas ja consegui resolver. 


Disse calmo e logo começou um singelo e tímido cafuné nos cabelos recém tingidos de loiro. 


Tão perfeito... 


Sorriu bobo e viu um sorrisinho tímido de Namjoon também, esse que logo abriu os olhos e encarou Hoseok com carinho. 


- E agora nós podemos ir dormir? 


Perguntou alegre e Hoseok sorriu soprado. 


- Na verdade, eu gostaria que você pudesse me conceder a honra de uma dança. 


Segurou a cintura de Namjoon ainda sentados e o mais novo sorriu. 


- Eu não sei dançar Hoseok, vou acabar te machucando como sempre.



- Pode machucar meus dedinhos, contanto que não machuque meu coração negando. 



E Namjoon sorriu e se levantou estendendo a mão todo animadinho enquanto Hoseok se levantava e ia até o mesmo, mas antes ligou o som.


- Hoseokkie, como vamos dançar se eu nem sei como se dança assim? 


- Ah Namjoon... 



Segurou a cintura do mesmo com firmeza e logo levou a outra mão de encontro a dele. 


- Apenas dance comigo essa noite. 



E Namjoon sorriu, logo segurando no ombro de Hoseok e encostando a cabeça ali. 


- Isso é muito melhor que uma música, obrigado.  


E então Hoseok sorriu, maldito Yoongi.  


Notas Finais


Eai? O que acharam? Qualquer dia eu to ai de volta rs.

Queria agradecer a otokke novamente, que sempre faz as minhas capinhas rs.

Link do site: https://otokkeproducoes.wixsite.com/otokkeoficial


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...