História Danganronpa- Ryukõ no zetsubõ I -Interativa - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Danganronpa The Animation
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Romance
Exibições 53
Palavras 2.196
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Pansexualidade, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei, dessa vez com noticias tristes, mas hoje temos a primeira vitima desse joguinho, antes de mais nada, me desculpe ao leitor que fez a ficha desse personagem, mas é o jogo da vida, as vezes a gente tá ganhando, outras a gente morre.


Aqui para ajudar:
Tamaki Gohara — Compositora Nível Super Colegial;
Kiriya Sakamoto — Gamer Nível Super Colegial;
Youhei Shigeki — Cosplayer Nível Super Colegial;
Lucas Kirk — Leitor Nível Super Colegial;
Tomoe Okumura — Astróloga Nível Super Colegial;
Naran Nakamuri — Cantor Nível Super Colegial;
Lucy Nishihara — DJ Nível Super Colegial;
Miyu Myujikaru — Modelo Nível Super Colegial;
Myumi Myujikaru — Lolita Nível Super Colegial;
Yukki Torine — Inteligência Nível Super Colegial;
Moe Yasuda — Evangelista Nível Super Colegial;
Yoru Akashima — Cirurgião Nível Super Colegial;
Hanabi Shotyo — Guitarrista Nível Super Colegial;
Hibiki Shotyo — Baixista Nível Super Colegial;
Inrin Akashima — Programador de Jogos Nível Super Colegial;
Kim Nazza — Artista Nível Super Colegial;

Capítulo 6 - Deceased


Fanfic / Fanfiction Danganronpa- Ryukõ no zetsubõ I -Interativa - Capítulo 6 - Deceased

Todos os presentes naquele local digitavam em frente à computadores com pressa, todos com o único objetivo de libertar as turmas que ainda lutavam para resistir ao jogo de matança daquele urso psicótico, a classe 80 foi a primeira, conseguiram resgatar todos os ex-estudantes que foram presos, mas agora o objetivo eram as turmas 78 e 82.

— Andem logo! Será que uma equipe profissional de hackers não consegue invadir um sistema simples desses? — Uma garota de cabelos azuis como o céu da noite e vestido de mesma tonalidade gritava, seus olhos mostravam superioridade.

— Consegui! — Outra garota, agora uma de longos fios acinzentados exclamava animada. Seus olhos vermelhos refletiam o código que facilmente havia descoberto. — EI, SHIZUKA-CHAN, EU CONSEQUI!

Shizuka Suga — Ladra Nível Super Colegial (former)/Presidente da 15ª Divisão da Fundação Futuro

Sakura Nara — Florista Nível Super Colegial (former)/Subordinada da 15ª Divisão da Fundação Futuro

— Como uma florista que nunca sequer viu um computador na vida conseguiu e vocês não? Eu esperava mais dessa equipe, principalmente você, Yoshiro.

Um garoto de cabelos loiros e olhos verdes encarava a ladra estupefato, estava surpreso, havia perdido para uma florista que um dia foi totalmente contra a cultura da tecnologia. Até hoje não conseguia entender como ela havia sido considerada uma aluna problema para a escola.

Yoshiro Akiyama — Hacker Nível Super Colegial (former)/Vice-Presidente da 15ª Divisão da Fundação Futuro

— Bem-vindo ao sistema da escola Hope’s Peak Academy, eu sou Monokuma, seu atual diretor, se deseja libertar a classe n°78, por favor digite o código, caso contrário, aperte enter.

— Nós não queremos resgatar eles, aperta esse enter logo. — Vestida com roupas típicas de Lolita e com longas tranças loiras, uma garota de baixa estatura apertou a tecla. — No momento nossos focos são a 82 e a 79.

Coralie Bureau — Mentirosa Nível Super Colegial (former)/Subordinada da 15ª Divisão da Fundação Futuro

— O sistema de interrupção do Killing Game irá ser excluído para sempre, a partir deste momento a única maneira de libertar a classe 78 é por dentro, bom desespero para você, mestre!

Após terminar esta frase, o programa desapareceu e a equipe da Fundação Futuro fora expulsa do sistema, perdendo-se assim a esperança para a antiga turma n° 78.

— CORALIE — A ladra agora voltara a gritar, desta vez com sua subordinada.

♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛

Youhei Shigeki — Cosplayer Nível Super Colegial

Uma semana inteira havia se passado desde que vimos o vídeo, nenhum de nós tentou morreu ainda, mas parece todos estão temendo o que ainda pode acontecer. Ninguém comentou o que viram em seus respectivos vídeos, mas aquilo parecia estar aterrorizando-os, claro que alguns como Tomoe, Kiriya e Myumi demonstravam mais do que os outros.

Como sempre, eu deveria me dirigir ao restaurante, era um acordo entre nós, para sabermos se estávamos todos bem. Ao chegar lá me deparei com Lucas, Yoru e Tomoe, estávamos esperando, quando Kim sai de dentro da cabine do banheiro masculino que se encontrava no canto do restaurante. Moe não tardou a chegar e se dirigir ao banheiro feminino, chegando lá abriu a porta e quando entrou pode-se ouvir um grito de pavor.

Eu e Lucas, que estávamos mais perto corremos para ver se estava tudo bem, porém me deparei com uma cena terrível, em todas as paredes do banheiro haviam sangue, uma enorme poça do liquido vermelho aumentava cada vez mais, jazia nos braços da evangelista o corpo da Gamer Nível Super Colegial, Kiriya Sakamoto, este agora pálido e sem vida.

Assim que Tomoe e Kim entraram no banheiro, pode ser ouvido o barulho de um sino, seguido da voz irritante daquele maldito urso.

— Pim, pom, pom, um corpo foi descoberto, após um breve período de investigação o Julgamento de Classe irá ser iniciar!

Aquilo não poderia estar acontecendo, não agora, não com a garota fofa e carismática que nós conhecíamos. Um baque pode ser ouvido, era o corpo de Yukki que havia desmaiado quando nos viu ali dentro rodeando o corpo de sua amiga.

— Atenção alunos, dirijam-se imediatamente ao restaurante, o corpo de uma colega de vocês, pirralhos está morta! Hora da tão excitante investigação. — Sua risada de deboche ainda podia ser ouvida, eu realmente odeio aquele urso idiota, por culpa dele uma amiga nossa morreu.

☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯

Tamaki Gohara — Compositora Nível Super Colegial

Quando decidi sair do meu quarto e me dirigir até o restaurante, ouvi o anuncio daquele urso maldito, corri o mais rápido possível para o local que ele pedia, quando cheguei lá, não queria acreditar nos meus olhos, nos braços de Moe estava o corpo da garota de cabelos azuis escuros, a Gamer estava realmente morta, no topo de sua cabeça jazia uma grande quantidade de sangue, assim como seu abdome, este com uma abertura grande. No chão havia uma faca suja do liquido escarlate.

— O que aconteceu aqui? — Hanabi gritava com certo pavor nos olhos, reparando melhor agora, quase todos os outros demonstravam esse sentimento. — E-ela morreu mesmo?

— Ora, eu não anunciaria o cadáver de alguém vivo, certo? — O urso monocromático saltou sabe-se lá de onde e começou a falar. — Vamos ao que interessa, caso vocês não tenham percebido, seus idiotas, uma colega de vocês morreu a algum tempo atrás e é hora de vocês investigarem atrás do culpado... normalmente eu deixo 1 hora de investigação, mas por ser a primeira vez que vocês fazem isso, terão 2 horas para coletar informações, além é claro das disponíveis nas Monokuma Files, que eu disponibilizei para vocês nesse exato momento.

Nossos ID Cards apitavam, anunciando uma atualização nos aplicativos, dessa vez, o ícone se parecia com o olho daquele urso estranho, seu nome era Monokuma Files, ao abri-lo, apareceu uma breve tela de carregamento, que logo após isso revelou um resumo breve do caso de Kiriya Sakamoto.

As informações contidas ali diziam que a garota morreu às 6:57 da manhã, vítima de traumatismo craniano, isso quer dizer que ela provavelmente levou uma pancada na sua cabeça 4 horas atrás, o que explica o sangue no em sua face, além disso, a garota provavelmente lutou contra o assassino, o que explicaria o sangue por todas as partes.

[Prova N°1] Monokuma Files

[Prova N°2] Sangue nas paredes

— Vamos investigar isso logo, quando mais rápido encontrarmos o culpado, mais rápido vamos acabar com isso. — O leitor parecia com um ar diferente, mais intelectual, começou a andar por todos os lados do banheiro, chegando as marcas do sangue. Se dirigiu até a vítima e analisou o seu corpo. — Ela tem um corte profundo na barriga, parece do tamanho de uma faca de cozinha.

Lucas pegou a suposta arma do crime e introduziu-a no corte, cabendo perfeitamente, era uma cena horrível de ser vista, mas parecia necessário para o caso.

[Prova N°3] Corte

[Prova N°4] “Arma do crime”

— Vamos nos separar para cobrir uma área melhor, nem todas as provas devem estar aqui nesse banheiro. — Shigeki começou a falar, uma de suas mãos estava em seu queixo, parecia pensativo— Separem-se como queiram, duplas, sozinhos, trios, mas precisamos do máximo de provas possível.

— Temos 2 horas, uma hora e meia para investigar e depois quero tirar depoimentos de vocês, quero saber o que cada um de vocês fez durante a hora do crime. — O leitor, que agora parecia um detetive, começou a dizer, parecia que realmente queria descobrir o assassino. — Vamos logo.

♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛

Nos separamos para cobrirmos uma área maior, eu fiquei dentro do restaurante para ajudar Yukki, que havia acordado recentemente, Lucas e Shigeki. Decidimos nos separar melhor, Shigeki iria tentar descobrir mais alguma coisa dentro do banheiro, Yukki e eu iriamos verificar a cozinha e Lucas decidiu investigar a área das refeições.

A cozinha parecia mais uma zona de guerra, o que aconteceu ali? Haviam também algumas manchas de sangue ali, aparentemente Kiriya estava lá e foi para o banheiro.

[Prova N°5] Sangue na cozinha

— O que aconteceu nessa cozinha? — Yukki perguntou mais para s mesmo. — Parece até mesmo que foi aqui que aconteceu...

— Se tivesse sido aqui, como pode me explicar o fato de a área em que nós comemos não ter nenhuma gota de sangue? — Decidi perguntar, já que era uma dúvida que pairava em minha mente.

— Bem, alguém pode ter facilmente limpado aquela área. Mas por que a cozinha ainda está suja?

— Ninguém limpou nada. — Monokuma saiu de dentro de uma panela e começou a falar mais besteira, certeza. — O restaurante tem um sistema de limpeza, mini robôs que foram programados por seus colegas de escola. Porém, eles não atravessam portas e a cozinha foi trancada pelo assassino.

[Prova N°6] Robôs de Limpeza

— Certo, então pode-se dizer que o assassino e Kiriya se encontraram aqui, ela com medo correu para o banheiro e morreu lá. — O garoto loiro parecia triste.

— Você está realmente triste, né Yukki? Eu também ficaria, caso fosse você... — Olhei para baixo, buscando as palavras certas para conforta-lo. — Ela era sua amiga, não?

— Nos conhecemos há pouco tempo, mas parece que nos conhecemos a anos.

Aquela conversa estava me deixando cada vez mais triste, decidimos começar a investigar mais a fundo. Descobrimos uma faca de cozinha faltando, provavelmente era aquela que foi usada na Gamer. Além disso, descobri um casaco preto com diversas manchas de sangue, provavelmente do assassino, dentro do mesmo, uma espécie de caderno com uma caligrafia bonita. Em uma das cestas de lixo, estava um livro grande de capa preta, este também sujo de sangue.

[Prova N°7] Faca faltando

[Prova N°8] Casaco sujo de sangue

[Prova N°9] Caderno

[Prova N°10] Livro

☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯

Youhei Shigeki — Cosplayer Nível Super Colegial

O banheiro ainda estava uma verdadeira zona, porém descobri algumas coisas, nos braços da garota haviam diversas marcas vermelhas, parecia que alguém havia a apertado, indicando uma breve luta dela contra o assassino, além é claro de uma página de um caderno, esta estava amassada e suja de sangue, porém consegui ler algumas coisas.

“Minha        ela está        perigo      juda     ! Eu preciso [...]”

“[...] Eu       com ela         . É necessário!”

[Prova N°11] Marcas de luta

[Prova N°12] Fragmentos de um texto

Todo o resto da folha estava manchada de sangue, era impossível para mim ler o resto do texto, mas aquilo poderia ser útil, então decidi guardá-la. Dobrei a folha e a coloquei em meu bolso. Precisava descobrir mais coisas, nada parecia se encaixar na minha mente, era como se uma enorme incógnita se formasse na minha cabeça. O que levaria alguém a matá-la? Não só ela, mas qualquer um dos outros estudantes, poderia até mesmo ser eu ali.

☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯ ☯

O tempo da investigação havia acabado, alguns dos outros alunos já haviam dado seus depoimentos para Lucas, este que anotava cada detalhe em um pequeno caderno de bolso, que ele tirou sabe-se lá de onde. Decidi que era minha vez de conversar com o garoto.

— Ei Lucas. — Chamei-o e o mesmo virou-se para mim. — Conseguiu muitos “depoimentos” até agora?

— Na verdade, consegui o depoimento de cada um dos estudantes, só falta você...

[Prova N°13] Depoimentos

Tentei conta-lo tudo o que fiz durante o horário do crime, não era muita coisa, afinal. O leitor anotava cada palavra que saia da minha boca naquele caderno que agora me intrigava um pouco...

— Bem, não conte para ninguém Shigeki, mas eu desconfio de algumas pessoas. — Disparou para mim, sussurrando para ninguém ouvi-lo. — Entre os principais suspeitos, do meu ponto de vista, estão Kim, Tomoe e Yoru. Yoru e Kim já estavam aqui quando eu cheguei, então pode ter sido algum dos dois. Tomoe chegou logo depois, estava com uma expressão bem, digamos, ruim na face.

[Prova N°14] Depoimento de Lucas

Lucas parecia ter convicção em acusa-los, parecia ter todas as provas do mundo para fazê-lo, então comecei a pensar que talvez estivesse certo. Kim saia do banheiro quando cheguei, poderia estar tentando se limpar, Moe pode ter ido para o banheiro para tirar a culpa e torna-la a menos obvia entre os suspeitos. Essa história da Tomoe com uma expressão abatida na cara. E Yoru, bem, eu não sei como encaixa-lo nisso tudo, mas ainda existia essa possibilidade, certo?

♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛♛

A garota de cabelos pintados recentemente jazia deitada em uma das mesas do fundo da sala, em sua mão estava um vídeo game portátil, Kiriya tinha em sua face uma expressão serena, parecia feliz por estar jogando aquele jogo. Claro que estava feliz, era a última parte da trilogia de seu jogo favorito, aquele que encerraria toda uma saga que a garota fez questão de acompanhar desde seu lançamento. Perdeu toda uma noite de sono, ou que podia estar estudando para o exame, mas ficou jogando durante horas, estava muito perto de zera-lo.

Quando terminou, notou que sua classe já estava cheia, todos ali eram seus amigos, alguns claro, eram mais próximos do que outros, mas mesmo com certa distância amava todos eles.

Não acreditava ainda ter tido a sorte de ter uma turma maravilhosa como aquela, aquelas pessoas a faziam feliz, por mais que a mesma não demonstrasse algumas vezes.

Seu sorriso desapareceu, dando assim um fim para aquela lembrança, que agora começara a se tornar um borrão.


Notas Finais


Antes de mais nada, me falem... Quem vocês acham que foi? Tavez vocês estejam com um palpite certo. Se alguém acertar, talvez ganhe um spoiler, talvez não...

É isso gente, o que acharam? Eu tô bem mal pela Kiriya, devo admitir, mas foi necessário... Para leitora que fez a ficha dela, me desculpe, mas sabe como é né? Os fofos sempre morrem...
Daqui a pouco, vou postar como seria a execução da Gamer, caso ela tivesse sido acusada como assassina...

Relação dos vivos -- http://i.imgur.com/XFRdcuA.jpg

Shizuka Suga -- http://i.imgur.com/iv1QohY.png
Sakura Nara -- http://i.imgur.com/WiFXICO.png
Yoshiro Akiyama -- http://i.imgur.com/NBZP0dy.png
Coralie Bureau -- http://i.imgur.com/GquHw7D.png

Até o próximo :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...