História Danger ( Like A Butterfly ) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Anoongi, Continuação, Gabikook, Jihope, Namseok, Seokjin, Vingança, Vmary
Exibições 21
Palavras 1.091
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


NÃO ME MATEM!! ;~;

BOA LEITURA!

Capítulo 8 - Ele está de volta!


Fanfic / Fanfiction Danger ( Like A Butterfly ) - Capítulo 8 - Ele está de volta!

- Seokjin? - pergunto Ana se afastando do abraço confusa - Querido... Ele está morto! - falou acariciando sua cabeça.

- Não nonna, você não está entendendo! Eu, eu e o Jimin hyung estávamos pedindo comida quando ele apareceu colocando uma pistola contra a cabeça dele e mandou ele me dizer adeus! - exclamava desesperado e Yoongi bagunça seus cabelos enquanto andava de um lado para o outro pelo quarto - Ele tentou matar o Appa, mas como não deu certo, levou o hyung! - colocou as mãos no rosto chorando - e eu não fiz nada! - falou abafado.

- Não... - sussurrou Ana se levantando indo ao telefone, e logo digitando o número - Alô?

​- Como é bom escutar a sua doce voz Aninha!

​- Meus Deus! Você está vivo! - colocou no viva - voz  assustada - É você? Co, como é possível??

​- Bala de tinta, droga que faz coração parar de bater... - falou desinteressado - E como vão os meus gêmeos?

​- Seus gêmeos?

-​ Sim, nossos bebês! Nossos filhos!

​- Jin, cadê o Jimin?

-​ Ah, ele está aqui comigo! Sabia que ele está muito atrevido? Estou pensando seriamente em puni-lo!

-​ O que você quer dizer com isso? - perguntou Ana desesperada - O que você vai fazer com ele? Bater? Torturar?

​- O que? Não - riu - O darei prazer... Talvez você não saiba, mas eu sou bissexual... E confesso que já tive inúmeras fantasias com essa bunda gostoso no Jiminie! - falou malicioso - Eu apertando e mordendo aquelas nádegas fartas, chupando bem gostoso aquela bunda enquanto ele geme meu nome pedindo pra acabar com a tortura! - riu maldoso - Bater naquela bunda branquinha dele enquanto invisto nas estocadas... hum... É isso o que eu vou fazer! - riu escutando a respiração pesada de Ana rente ao telefone.

-​ Por favor! Não faça isso Jin! O  que você quer? - perguntou Ana já chorando.

​- ​Eu quero você e nosso bebês, meu amor! Seremos uma família feliz e Yoongi e esses meninos idiotas não poderão nos atrapalhar novamente!

​- Jin, eu já te disse que não te amo desse jeito... Para com isso... Por favor...

- Ok então ​- Ana pôde escutar passos, ela, Yoongi e Tae ficaram tensos - ​ O, o que você está fazendo? - era Jimin - Por que está me amarrando? Shh! Fica quieto garoto! ​Por que tá tirando minha roupa!!?? FICA LONGE DE MIM!! ​Sua bunda é muito gostosa! ​- escutaram um barulho estalado - ​AI! ​Agora sim, vermelhinha... ​FICA LONGE DE MIM! POR FAVOR! POR FAVOR ME DEIXA IR EMB-aah!!

​- JIN PARA COM ISSO!! - pediu Tae chorando desesperado - Por favor... - seu tom era suplicante.

- O mantenha ocupado! - sussurrou Yoongi e Ana assentiu em meio ao choro.

​- TIRA ESSA LÍNGUA DE MIM!! ​Prefere que eu vá mais fundo? Seu gosto é saboroso baby! ​Não...ahhm! Parah! AAAHH! ​Isso! Geme pro daddy! SOCORRO! AHH! SO, SOCORRO!

​- JIN! PARA COM ISSO! - gritava Ana

- ​POLÍCIA! COLOCA A MÃO NA CABEÇA!! ​- um estrondo foi escutado do outro lado da linha - ​NÃO O DEIXE ESCAPAR!! ​- ouviu passos, possivelmente de perseguição - ​Esta tudo bem garoto, já passou... Alô? Sr.Min?

​- Eu mesmo!

- ​Seu filho foi resgatado com sucesso, estaremos o levando para o hospital! Sinto muito mais o sequestrador conseguiu escapar! Até. ​- e desligou.

- Ele vai ficar bem, não vai? - perguntou Tae abraçado ao mais velho chorando - Ele precisa ficar! - dizia entre soluços.

- Vamos logo para o hospital! - falou Ana na escada - Já liguei para os garotos, vamos.

​Coreia do Sul - Seul - Hospital

​- Oh, você acordou! - foi o Jimin escutou após de abrir os olhos, se deparando com uma figura feminina sentada ao seu lado - Sua família já está chegando! Estou feliz que esteja bem!

- Beatriz? - perguntou confuso - O que faz aqui?

- Sou voluntária! E sou uma das enfermeiras responsáveis por você! - riu simpática, Jimin sorriu.

- Hyung? - escutou a voz num fio, ​era Taehyung - Eu, eu posso entrar? - ​pediu de cabeça baixa fungando.

- Claro TaeTae! - falou se sentando na cama, o mesmo veio lentamente e o abraçou, Jimin retribuiu o abraço com força - Está tudo bem saeng!

- Desculpa hyung! Desculpa eu fui medroso e não te ajudei! - falava molhando a roupa do outro com seu choro - E por minha culpa Jin te estuprou e você tá mal!

- Não Tae, você não podia fazer nada... E eu estou bem! - beijou-lhe a testa  - Não fique se culpando! - sorriu sumindo com seus olhinhos.

- Jimin-ah! - falou Ana entrando no quarto sorrindo - Meu pequeno! - abraçou - Você está bem?

- Estou sim omma... E a senhora? E meus pequenos? - falou acariciando a barriga da menor.

- Estão bem querido...

- E aí garotão? - exclamou Yoongi entrando - Como você está?? - bagunçou seus cabelos.

- Aish, estou bem Appa! - sorriu.

- HYUNG! - entrou como um flash, o Jeongguk puxando o primo - Você tá bem?

- Tá muito machucado? - completou o mais velho, Jimin riu.

- Sim e não!

- JIMIN! - entrou um Hoseok avoado, logo o abraçando - VOCÊ TÁ BEM? AQUELE PABO TE MACHUCOU MUITO? ELE VAI ME PAGAR! VAI PAGAR TUDO O QUE ELE TÁ FAZENDO! - falou distribuindo selares no rosto do menor - Eu fiquei tão preocupado...

- Eu tô bem hyung... - falou risonho - Mas gente, eu não quero falar sobre isso... - falou deitando a cabeça no ombro do mais velho recebendo cafuné - Como vão os preparativos para o chá de bebê?

- Ai! - exclamou Jeon - Gaby disse que queria ajudar! - sorriu

- E May também! - completou Tae com sorriso bobo,​ haviam se resolvido.

​- Temos que começar a ver isso! - falou Namjoon sorrindo mínimo, estava triste com Hoseok, nem disfarça ele fazia ​- Afinal, já são nove meses, daqui a pouco as crianças já estarão aqui! - sorriu animado.

- Mal posso esperar pra brincar com eles! - exclamou Tae animado.

- Nonna, eu poderia convidar a Beatriz? - a citada levantou o rosto confusa, ​ ela permanecera no quarto, mas trabalhando.

​- Claro que sim querido! - a mais velha respondeu e Jimin e Beatriz sorriram um para o outro.

- Então vamos começar a preparar, não? - perguntou Hoseok animado.

 


Notas Finais


Seokjin maligno! Como pode???

Espero que você se exploda!!!!!!!

** BRINCADEIRA! EU TE AMO JIN! CASA COMIGO!! **

Até o próximo capitulo! Bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...