História Danger Next Door - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~Yery

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Maníaco Lindo, Yoongi
Exibições 50
Palavras 713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Festa, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


No dia que eu saí de casa minha mãe me disse: VAI ATUALIZAR ISSO SUA IMUNDA.
Sim, eu demorei, de novo, desculpa. Não quero enrolar muito aqui. Explicações nas notas finais.
Espero que curtam o capítulo.
Boa leitura, e desculpem qualquer errinho ♡

Capítulo 5 - - What is going on? -


  Ás palavras ditas há pouco tempo ecoavam repetidamente em minha cabeça. Como aviso de perigo meu corpo deu alguns passos para trás, mas na medida quê me afastava, Yoongi chegava cada vez mais perto.

 

— Você poderia facilitar ás coisas não, querida? — Sorria ele cinicamente.

 

— Dê mais um passo, que a única coisa que você terá fácil, será minha mão no seu rosto! — Soltei.

 

— Corajosa, admiro isso. Aliás, acho que isso é algo que me atrai mais. — Encarou-me mais ainda.

 

  Aquele olhar pesava sobre mim; eu tinha plena consciência do que poderia acontecer comigo, caso eu não achasse uma saída.

 

Pov’s Chen On

 

— Achei mais algumas informações que podem lhe ajudar Detetive Hoseok. — Disse entregando em sua mesa as papeladas que continham as informações que colhemos no decorrer da semana.

 

— Aqui tem o total de vítimas desses últimos tempos?

 

— Sim senhor. — Disse pegando o celular e clareando a tela. Queria checar se Katherine está bem, pois há muito tempo não vejo se ela está bem.

 

 — Creio que deves estar muito preocupado com a pequena Boneca de Porcelana. — Hoseok a chama assim devido eu a tratar como uma verdadeira boneca de porcelana, como se pudesse quebra-la a qualquer momento. E de fato podia. — Namjoon havia me dito que sairia com ela e os amigos dele. Pode ir á procura dela Chen, você já trabalhou muito por hoje.

 

— Obrigado Detetive Hoseok, qualquer coisa, não hesite em me ligar. — Disse pegando minhas coisas e indo em direção à saída.

 

(...)

 

— Como assim, Namjoon?! Eu pedi ‘pra que você tomasse conta dela! — Nam me encarava de cabeça baixa.

 

— Eu errei, eu sei Chen! — Finalmente me encarou com uma expressão sôfrega, e eu continuei mantendo meu olhar furioso sobre si. — Ela se ofereceu para ir até o estacionamento pegar meu celular que estava dentro do carro, e eu não vi nenhum problema nisso, então deixei! — Tentava se explicar.

 

— Claro, não há problema nenhum em liberar ‘pra ela ir sozinha em um estacionamento com ele a solta. — Bufei em frustação. — Vou falar com o Detetive Hoseok, iremos resolver isso ainda hoje.

— Iremos com você, Chen. — Jeongguk carregava um cenho sério. Porém, o deixava com uma cara mais infantil do que ele já tinha.

 

— Irão ficar todos vocês. — Encarei Namjoon — Não sou babá para ficar tomando conta de pirralhos como vocês. — Cuspi tais palavras e fiz a única coisa que eu necessitava fazer, ir atrás da minha pequena Boneca de Porcelana. Aquele homem poderia quebra-la a qualquer momento.

 

— Me deem licença. — Foi a última coisa que ouvi antes de sair correndo dali.

 

Pov’s Yoongi On

 

— Chefe, precisa...

 

— O que diabos você quer aqui?!  — Bradei. Era inadmissível que interrompesse minha diversão quando ela mal tinha começado.

— Desculpe senhor. — reverenciou-se — Mas precisamos sair daqui de imediato. Recebemos a ligação do Dooly, e ele nos avisou que precisamos voltar ‘pra sua mansão imediatamente.

 

Suspirei pesadamente. Mas se Dooly disse pra voltar rapidamente para aquela casa, era por um ótimo motivo.

 

— Certamente. Até porque não é bom deixar alguém tão delicada como Katherine nesse lugar imundo.

 

 Toquei em seu braço a guiando com certa brutalidade para fora daquela casa. Hoje minha boneca irá finalmente conhecer sua nova casa.

 

(...)

 

Assim que chegamos, tratei de logo levar Katherine para o quarto que iria ficar; o meu quarto.

— Ora minha querida, sorria. — Deu um sorriso forçado. — Vamos meu bem, em minha presença, qualquer uma esbanja alegria. — Sorri convencido.

 

— A única coisa que eu vou esbanjar é meu repudio em relação á você. — Sussurrou, mas pude entender nitidamente.

 

 Apertei seu pulso, pressionando a área com mais força, fazendo toda aquela região de sua pela alva avermelhar.

 

— Escute aqui mocinha, acho melhor você me tratar da melhor forma possível, caso contrário, tratarei você pior do que podes imaginar, ouviu? — Olhei-a.

 

— Sim, sim senhor. — Abaixou a cabeça.

 

— Não me chame de senhor. — Mirei meu olhar para frente, com aquela minha velha expressão de completo tédio. — Me chame de amor.

 

  Levei-a para dentro do nosso novo lar, com o intuito de mostra-la todos os cômodos da mansão.

 

— Vamos minha querida, preciso lhe mostrar to..

 

— Senhor!

 

Mas uma vez interrompido. — Pensei

 

Olhei pra trás, assim como também Katherine olhou. Porém, ao contrário de mim que mantinha meu rosto sem expressão alguma, minha boneca tinha seus olhos arregalados de uma tamanha surpresa.

 

Jimin?!

 


Notas Finais


Hey! Me perdoem pela a falta frequente das postagens, mas é que esse mês foi muito corrido pra mim.
Provas finais, falecimento do meu tio, hipertensão da minha mãe, e muitas outras coisas.
Muito obrigado/a por não desistirem nem de mim, nem dessa fanfic :3

Meryzinha ama vocês ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...