História Dangerous - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chloë Grace Moretz, Shawn Mendes, Zayn Malik
Personagens Chloë Grace Moretz, Personagens Originais, Shawn Mendes, Zayn Malik
Tags Ação, Chloe Moretz, Crime, Mistério, Romance, Shawn Mendes, Suspense, Zayn Malik
Exibições 12
Palavras 587
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Policial, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi gente!Enfim resolvi postar um dos meus livros aqui,espero que gostem 💕

Capítulo 1 - Sadness


Fanfic / Fanfiction Dangerous - Capítulo 1 - Sadness

O despertador toca e mais um dia começa.A casa está em um silêncio total;em outros dias daria pra escutar minha mãe reclamando o Bryan,meu irmão mais novo por sujar toda a mesa na hora do café,e ouvir meu pai tendo que aguentar os "xiliques" da Alex. Normalmente eu iria odiar aquilo,e desejar que eles sumissem pra eu ficar sozinha. Mas não hoje..hoje eu faria tudo para ter eles aqui comigo de novo,mesmo com toda aquela bagunça.
Faz exatamente um mês que eles morreram em um acidente de carro que não acho que tenha sido tão acidental assim.
Não teve motivo para eles descerem aquela colina,e meus dois irmãos desapareceram no acidente. Os policiais falaram que eles podem ter sido arremessados para longe na hora da queda,ou ter ido parar em um rio ali perto,o que explica o fato deles nunca terem achado os corpos,mas a verdade é que eu nunca vou acreditar nessa possibilidade. Ah,e eu?Eu não estava no carro com eles,por sorte(ou não),tive que ficar em casa naquele dia,pessima escolha..
Acordo dos meus pensamentos quando escuto a voz da minha avó na porta do meu quarto.

-Maya,levanta e vem tomar café,você ja está atrasada querida.
-Já vou vovó.

Levanto correndo e me arrumo pra ir pra escola. Se eu pudesse,ficaria em casa o dia inteiro,eu já não tinha paciência com os humanos e agora só piorou,além disso,a vontade de chorar vinha a cada instante. Mas como estava no final do ultimo ano letivo,resovi esperar pra ir embora da cidade e tentar esquecer parte disso. Por enquanto,meus avós vieram morar comigo.
Desço as escadas e comprimento eles rapidamente e já vou saindo de casa em direção a escola,pego meus fones e coloco alguma música,ultimamente eles tem sido meu único refúgio.

-Olá Maya -escutei uma voz masculina ao meu lado
-Poxa Liam,quer me matar de susto?Sabe que já tô sentindo alguem me observando e você faz isso seu animal silvestre,sai de perto de mim vai.
-Nossa,sou apaixonado por seu humor matinal,bom dia pra você tambem doce Maya.
-Olha,some da minha frente antes que eu vá presa por agredir animais.
-Meu Deus -ele falou rindo e eu só consegui revirar os olhos - você consegue ser idiota mesmo nessa situação.
-É,agora me deixa queta.

O Liam era meu melhor amigo,a gente fazia muitas coisas juntas,mas tudo parou depois que meus pais se foram. Ele tenta me ajudar mas é meio complicado nessa situação. As vezes ajudar demais acaba sufocando a pessoa.

[...]

As aulas chegaram ao fim,depois de tanta nota ruim e reclamação por não estar prestando atenção na aulas nada melhor do que ir pra casa.E é isso ai,parece que o fato de sua familia inteira morrer não é justificativa para você estar desconcentrada nas aulas. Arrumo minhas coisas e vou em direção a porta quando sinto alguem me puxar.

-Ô extressadinha,que tal ir lá pra casa hoje?Ver um filme,jogar alguma coisa...
-Hoje não Liam,quem sabe outro dia
-Sua resposta sempre é essa sabia? -ele fez biquinho e eu ri daquela cena
-Desculpe

[...]

Depois de fugir do Liam e de tantas perguntas vindo de professores e alunos,(alguns preocupados e outros só sendo curiosos), sobre a morte dos meus pais e em como eu estava,finalmente consegui sair de lá. Dessa vez,resolvo ir pra casa sem os fones,já fazem duas semanas que sinto alguem me observando,as vezes vejo um Ford Tauros preto me seguindo e as vezes não vejo ninguem na rua.Dessa vez,o Ford começa a se aproximar de mim bem devagar.Sinceramente,a proposta do Liam me parece ótima agora.


Notas Finais


Sei que ta um pouco pequeno mas vou tentar melhorar!Ah,e não sejam fantasmas 👻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...