História Dangerous attraction - Capítulo 9


Escrita por: ~ e ~SweetLight

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Exibições 83
Palavras 2.059
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Festa


- E vocês são muito chatos. – Ryan imita a minha voz, apenas reviro os olhos.

Eu mantinha a cabeça para frente, eu olhava para Justin , e ele olhava para o meu corpo, o que estava me incomodando , ele parecia que iria me devorar pelos olhos.

(...)

Passamos um tempo ali , Justin brincava de jogar água um no outro junto com Ryan, até que os dois pararam.

- Eu tive uma brilhante idéia. – Ele sorriu, se sentando na beira da piscina. – Eu vou dar uma festa aqui.

- Aqui ?! – Percebi os olhos de Jennifer brilharem, sabia que ela adorava festas.

- Sim, todos vocês viram , claro. – Justin foi indo pegar a toalha. – Vou me divertir muito.

Ele lançou um olhar sobre mim, eu fingi ignorar.

- Ryan, contrate o necessário para arrumar a festa,traga strippers, bebidas, o que der.

Ele falava em um tom alegre, eu sabia que ele tentaria se aproveitar de novo , mas ele queria brincar com fogo, então vamos brincar, Justin Bieber.

Dou um sorriso para Jennifer e Justin percebe.

— eu vou poder participar? - pergunto olhando para ele.

— vai, mas vai cuidar dos meus irmãos também. - ele diz, olhando para Jennifer e pareciam que eles estavam tramando alguma coisa.

— tá, então... - me levanto e olho para Jennifer. - vou buscar eles, vamos comigo Jennifer?

— vamo. - ela se levanta e nós entramos na casa.

[...]

Pegamos as crianças e passamos no shopping para tomar um sorvete e Jennifer comprou algumas roupas pra ela. Assim que chegamos em casa, já estava algumas coisas arrumadas pra festa. Os meninos estavam na piscina junto com Justin, que desconfio que não tenho saído de lá.

— que horas vai ser a festa? - digo assim que vejo Justin e as crianças saem correndo pra dentro de casa.

— as 23:00, faça meus irmãos irem pra cama antes disso - diz rude e eu entro na casa, indo atrás de jazzy e Jaxon.

Subo para o quarto deles e os encontro brincando de alguma coisa que eu não sei o que é.

— vamo pro banho agora, que já é quase 19:00 horas, e vocês precisam dormir cedo. - digo cruzando os braços e eles me ignoram. - por favor pessoal... - digo com voz de choro e eles olham para mim.

— eu não quero dormir cedo. - Jaxon diz bravo.

— eu te dou sorvete de novo amanhã. - digo me abaixando do seu lado.

— eu quero dois sorvetes amanhã. - concordo com a cabeça e ele sai correndo pro banheiro enquanto jazzy me olhava desconfiada.

— você vai me dar o que? - ela pergunta se aproximando.

— te levo pra fazer compras amanhã, peço pro seu irmao e a gente tem uma tarde de meninas amanhã, o que acha? - dou um sorriso e ela concorda.

— você gosta do Justin? - ela pergunta desconfiada.

— óbvio que não. Vai tomar banho jazzy. - faço biquinho e ela sai, resmungando.

Vou até o banheiro onde Jaxon estava e ele me olha apavorado, tampando suas partes íntimas assim que entro no banheiro.

— você não precisa ter vergonha de mim bebê. - digo sorrindo e pegando o sabonete. - vou lavar suas costas, vira aí. - ele se vira meio sem graça e tapa sua bundinha com as mãos.

Esfrego suas costas e ele começa a conversar, até Justin entrar no banheiro só de toalha, e Jaxon se cala.

— eu vou tomar banho com o meu irmão, com licença. - ele tira a toalha e entra no box com Jaxon. Justin nú era maravilhoso.

— eu vou ver como jazzy tá. - sorrio tentando evitar olhar para ele e ele ri debochado.

Saio do banheiro e caminho para o banheiro onde jazzy estava, já de banho tomado enrolada em uma toalha.

Vamos para o seu quarto e ela se veste, pondo o seu pijama.

— quer que eu faça uma trança em seu cabelo?- digo pegando a escova e ela concorda se sentando na minha frente.

Começo a pentear seus cabelos enquanto ela me contava sobre o seu dia, de como era a escola, etc.

— Pontinho. - digo assim que termino a trança. - vou trazer o seu jantar, já volto. - saio do quarto e esbarro em Lucy, que estava arrumada.

— você não vai se arrumar? - já são quase 22:30, - arregalo os olhos e saio em direção ao quarto de Jaxon, e ele já estava deitado enquanto Justin falava alguma coisa no ouvido dele.

Desço para a cozinha, faço um sanduíche para cada um, sirvo um copo de suco e levo para eles, correndo para o meu quarto depois.

Tomo um banho bem rápido, sem lavar o meu cabelo, e começo a escolher a roupa.

Visto um vestido vermelho rodado, com duas fendas na lateral da cintura e um belo decote. Calço um salto alto vermelho e começo a arrumar meus cabelos. Deixo eles soltos mesmo e corro para o quarto de Jennifer.

— Jennifer, me maqueia? - digo me sentando em sua cama e ela sai do closet já arrumada.

— claro gata. - ela sorri e pega uma maleta cheia de maquiagem.

Depois de vinte minutos, eu estava completamente pronta, e as meninas também. Isso já eram 23:30.

Descemos para a sala e já estava lotada de gente, uma coisa praticamente impossível, sendo que a festa tinha sido programada a pouco tempo atrás.

Enxergo Justin ao longe, rodeado de vagabundas de roupas micro, e ele estava tão lindo... Foco Louise.

Caminho para o lugar onde estavam as bebidas e pego uma garrafa de vodka para mim e as meninas.

— aproveita a festa e mata a sua vontade. - diz Jennifer no meu ouvido enquanto Lucy se agarrava com Chris.

— que vontade? De beber? Com prazer. - sorrio e tomo mais um gole da vodka.

— para, você sabe do que eu tô falando, do Bieber. - ela sorri enquanto sinto braços me envolvendo.

— você ta absurdamente gostosa nesse vestido. - Justin sussurra no meu ouvido, fazendo meu corpo de arrepiar.

— tira as mãos de mim. - digo dando mais um gole na vodka.

— para com isso, não solta ela Justin. - Lucy diz brava.

— é hoje Justin. - Jennifer diz rindo e eu tento chutar ela, mas não consigo.

— vocês são muito chatas, odeio vocês. - me solto de Justin e dou mais um gole na vodka, me afastando deles.

Vou até o meio, onde algumas meninas de vestido curto estavam dançando e começo a dançar com elas.

Depois de algum tempo bebendo e dançando, resolvo ir dar uma olhada nas crianças. Subo as escadas rápido e ouço passos atrás de mim mas ignoro. Entro no quarto de Jaxon e ele tava dormindo feito um anjinho, vou para o quarto de jazzy, e ela também estava dormindo. Assim que saio do quarto dela, sou puxada pelo braço e prensada na parede.

— aiii, o que é? - digo rindo enquanto Justin apertava minha cintura.

— você ta bêbada? - ele pergunta rindo.

— não. - sorrio e ele gruda nossos corpos.

— ótimo. - ele desce as mãos para a minha bunda e ataca meus lábios. Passo meus braços em volta do seu pescoço e ele aperta minha bunda com força.

Nós encaminhamos para o quarto, eu tropeçava entre as minhas pernas , eu senti ele me jogar na cama com brutalidade , depois de trancar a porta , ele subiu em cima de mim, eu estava em desvantagem , ele tinha mais força do que eu.

- Não Justin. – Eu falava com falha, mas ele prosseguia com aquilo.

Seus lábios atacaram os meus em uma luta brusca , suas mãos percorriam para minhas costas até o fecho do meu vestido , eu senti o zíper do vestido deslizar , eu tentei me sair de baixo dele, mas ele me impedia , então eu desisti , seria inútil tentar qualquer coisa. Ele retirou meus saltos, os jogando longe , em pouco tempo eu vi que meu vestido vermelho estava no chão do quarto, eu corei pelo fato de estar apenas de lingerie ali, ele se levantou da cama e começou á analisar o meu corpo.

- Era isso o que eu queria, Louise. – Ele sorriu malicioso. – Era isso o que eu desejava, você apenas pra mim.

Ele segurou as minhas pernas, me puxando para a ponta da cama, fazendo ele ficar entre as mesmas, eu senti seus beijos sobre a minha barriga, o que me fez arquear as costas na cama e arfar , os seus toques eram como se fosse uma bola de fogo tocando em mim, mas de modo malicioso.

- O que acha de experimentar um pouco, baby ? – Ele foi em direção ao meu ouvido, cravando seus dedos na minha cintura.

Ele me pôs sentada na cama, em seguida ele se posicionou na minha frente , retirando a sua camisa , ele estava brincando comigo , e eu estava disposta á entrar no jogo. Eu mordi o lábio inferior, eu me aproximei do seu abdômen , que era bem definido por sinal , comecei á depositar beijos pela aquela área , segurei na fivela do seu cinto. Os seus dedos invadiram o meu cabelo, os acariciando , ele ergueu minha cabeça, me depositando um beijo.

- Chega dessa enrolação. – Ele retirou o seu cinto com rapidez , senti suas mãos entrarem em contato com a minha , as levando até a borda da sua calça. – Mostre o que sabe fazer, Louise.

Eu retirei sua calça, no inicio , eu me espantei com o tamanho do volume em sua cueca , ele riu . Me deitei na cama novamente, ele se posicionou entre minhas pernas , retirando a minha calcinha , fechei os olhos e suspirei , ele segurou as minhas mãos.

- Aperte quando estiver no limite, sentirá algo queimando dentro de você. – Ele mordeu o lábio inferior,então eu senti uma dor na região , mas ele insistiu , para que eu me acostumasse com a dor.Senti meu hímen se romper, meus gemidos estavam quase incontroláveis, mantínhamos nossas mãos juntas , ele ria de satisfação.

- Sei que pode agüentar mais do que isso,não é ? – Eu senti a velocidade aumentar, ele apertou meu seio direito , soltei um grito alto.

Minha respiração estava acelerada, seus olhos faiscavam luxuria , aquilo estava se tornando em prazer , eu nunca imaginaria que eu perderia minha ‘’ divindade ‘’ com esse homem. Não imaginaria que isso seria a melhor sensação da minha vida, ele diminui sua velocidade, retirando seu membro de mim, eu abri os olhos e o encarei.

- Não quero que engravide agora. – Ele liberou seu liquido nas cobertas, surgiu apenas o som das nossas respirações.

Senti o seu peso sobre o meu corpo , ele selou nossos lábios , um sorriso se formou no meu rosto.

- Logo teremos mais noites melhores, isso foi apenas uma rapidinha , garanto que irá experimentar novas coisas , novos desejos. – Ele mordeu o meu lábio inferior. – Devem estar sentindo nossa falta.

Ele se levantou , recuperando suas roupas no chão , em seguida eu levantei com um pouco de vergonha , pegando minha lingerie jogada no chão , eu vesti tudo em pequenos movimentos, ele observava tudo o que eu fazia , vestindo suas roupas. Ele me ajudou á fechar o zíper do vestido, calcei os meus sapatos e dei um jeito no cabelo.

- Esse será nosso segredinho. – Ele me abraçou por trás, sussurrando ao meu ouvido. – Espero vê-la todas as noites.

Ele beijou a minha bochecha, saindo do quarto , eu suspirei e me joguei em um sofá que tinha ali.

Em que merda eu me meti ?

(...)

Depois de ter retocado toda a maquiagem e o cabelo,eu procurava Jennifer e Lucy por todos os cantos, até que eu repousei , eu estava um pouco nervosa, imaginando Justin em todos os lugares.

- Aonde estava ? Te procurei por todos os cantos. – Eu senti uma mão tocar o meu ombro, eu virei em impulso e me tranqüilizei, era Jennifer. – Está tão assustada.

- Me desculpa, estou um pouco... nervosa. – Eu pisquei os olhos várias vezes.

- Você está suada, aonde está estava ? – Eu a encarei , ela sorriu – Você caiu nos encantos do Justin, eu sabia que isso iria acontecer.

- Fala baixo ! – Eu tapei sua boca.

- Não tenha vergonha, ficar assim é normal depois de enfrentar um homem daqueles . – Ela me abraçou de lado, me levando até onde Lucy estava.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...