História Dangerous Love 2 - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Tags Barbara Palvin, Criminal, Justin Bieber
Exibições 303
Palavras 702
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooiee

Notas finais

Capítulo 17 - Capítulo 17


    POV MEGAN/Outro dia

Eu resolvi que iria embora nessa tarde então já marquei com o piloto as 17:30, ainda quero chegar em Atlanta e dar tempo de pegar uma boate

- Bom dia - Minha mãe chega na cozinha

- Quase boa tarde né - Falei sorrindo e olhei as horas que iriam dar meio dia

Terminei meu café e me sentei perto da minha mãe

- E os namorados? - minha mãe pergunta

- Difíceis - Falei

- Eu não sou a favor de você com aquele garoto loiro mas se é ele que você gosta - Minha mãe falou dando de ombros

- Espera, como sabe disso? - Perguntei rindo

- Tenho meus informantes - Ela piscou

- Chris... - Falei entre dentes

Minha mãe riu

- Você é esses meninos se gostam muito né? - Ela perguntou

- Sim, eles são como irmãos pra mim - Falei

- E a loira? - Ela pergunta se referindo a Claire

- Tá namorando com o Ryan só que esses dias ela está viajando

- Na hora que você quiser conversar sobre o assunto que me disse na lanchonete ontem - Ela diz

- E que é sobre o Justin e a namorada dele junto com a irmã dela - Falei e Helena fez sinal para mim prosseguir

- Como você sabe, eu amo o Justin desde antes de ser sequestrada por Joe, ontem Sofia, a namorada dele, levou um garoto qualquer lá em casa para me beijar e atrapalhar oque eu tinha de contato com Justin, ele ficou muito puto e agora não sei se gosta ainda de mim. Essa Sofia e o demônio em pessoa, já bati nela algumas vezes mas parece não resolver. Daí esses dias chegou uma irmã dela chamada Kate, outra vaca que está namorando com Joe... - expliquei tudo para minha mãe

- Chega nesse tal de Justin e fala tudo oque você sente por ele, se ele sentir o mesmo, vai largar tudo para ficar com você - Helena falou

- Você ainda tem muitos corações para quebrar - Ela continuou - Um dia, Justin vai perceber oque ele perdeu e vai querer voltar atrás, esse será o dia que você vai se vingar - Ela diz

Eu vou fazer isso, vou falar sobre o que eu sinto por ele essa noite

...

Faltava meia hora para meu vôo

Peguei a mala e fui em direção ao carro que minha mãe estava no motorista

Em alguns minutos chegamos no aeroporto

Desci do carro junto com ela e paramos na porta

- Eu te amo filha - Helena diz

- Eu também te amo mãe - Falei

Abracei ela é segui para dentro do aeroporto onde o Jatinho me esperava

Cumprimentei o homem de novo e entrei me sentando no primeiro banco

A viagem durou cerca de duas horas e logo o Jatinho pousou

Como amanhã e aniversário do Ryan eu tenho que dar um bom presente ele por ter me emprestado o Jatinho e por ser um dos meus irmãos que eu tanto amo mesmo sendo  de consideração

Peguei minha mala e mandei uma mensagem para Chris mas o viado não respondia

Liguei para o telefone da casa e alguém atendeu

- Chris? - Perguntei

- Justin, porque? - Ele falou

- Ah, Fala com alguém pra me buscar aqui - Falei

- Não tem ninguém em casa - Justin falou

- Deixa que eu chamo um táxi então - Falei

- Eu posso ir - Justin falou

- Tá bom então - Falei

Passei o endereço pra ele e me sentei em um banco que tinha ali

Em poucos minutos uma bugatti parou do meu lado

Justin abaixou o vidro e sorriu

Entrei no carro e fechei a porta

- Já sabem o que fazer amanhã com o Ryan? - Perguntei

- Pela manhã nos vamos fazer aquela zoeira pesada com ele e depois eu ainda não sei - Justin

- Poderíamos dar uma festa em uma boate só com conhecidos - Falei e Justin concordou

- Ainda não sei o que vou dar de presente a ele - Falei

- Eu vou comprar uma casa na praia para ele - Justin falou


Notas Finais


Oiee gntt

Próximo capítulo e o que vocês estão esperando a um tempo hahah

Aniversário do Ryan também, acho que vamos ter uma morte mas n tenho certeza kk

Até domingo

Comentem aí ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...