História Dangerous Man - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Nalu, Romance, Suspense
Visualizações 54
Palavras 1.127
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Hentai, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Canibalismo, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Querida (o) , CHEGUEIIII !!
Mais um capítulo (UHUUUU) !!
Bem, eu queria agradecer pelos 30 favoritos !!
Cês são mt gostosões !!!
Bem, eu queria esclarecer uma coisa q tem incomodado quando fui escrever a fanfic ; O reino que a Lucy vive, ñ é tipo um reino como é nos filmes da Disney.
É um reino com príncipes, princesa e talz, mas tmb é como se fosse um reino mais atual.
Se ligou, brodér ? (Eu sei, isso ficou uma merda -_-)
Bem, boa leitura !!!
P.S : Eu ainda não tenho um dia marcado pra postar os capítulos.
Pq ? Vida corrida !!

Boa leitura :3

Capítulo 2 - A seleção → Parte 1 : Atentado aos bons costumes


"O que aconteceu com o romance ? Cheio de vida e longas cartas de amor"...
                                                  - A fera

É tão interessante como as pessoas distorcem um fato verídico* em uma série de pornografias mentais. O fato mais interessante, é que assim que saí do castelo (palácio, sei lá) fui recebida por sussuros e palavras inadequadas por menores de 18 anos (uma dica : começa com "p" e termina com "a"). Pessoas tagarelando mais que a minha familia na época do natal (viva aos perus !!). Mencionei o natal porque minha familia é daquele estilo, "faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço".
Tanto que alguém (creio que foi minha tiavó, Nesen, o apelido dela é dinossauro tagarela) espalhou para os nossos vizinhos que tínhamos um pequeno peru ( que com certeza é maior que o do marido dela) e uma garrafa de champanhe.
Vamos pular a parte dos perus ( estou falando do animal, não do marido de Nesen, só para esclarecer) e voltar ao assunto.
Assim que cheguei em casa fui "gentilmente" pelo meu pai e minha mãe :
- LUCINE PENÉLOPE HEARTPHILLIA !!! Que história é essa de você ficar dentro do quarto do rei ?!
- Como é ?! Eu apenas fui...
É claro, mãe. Eu vou ficar no quarto daquele idiota. Ver se as camisas dele tem cheiro de whisky ou xixi de bode... é claro que eu faço isso.
- VOCÊ FOI MESMO ?!
- Claro que não !!
- Para sua sorte, mocinha, o príncipe  mandou uma carta para todas as jovens do nosso reino para...
- Escolher uma esposa. Eu sei disso. Porém, não vou participar dessa droga.
- Vc vai participar dessa seleção. Sua imagem e da nossa familia está muito manchada e a nossa condição financeira está uma porcaria. E pelo que diz a carta, o rei dará a todas as familias das selecionadas, as que forem, uma bela remuneração.
- Não vou participa disso. Aquele homen é um louco, psicopata e masoquista. Nem morta !!
- Jude ! Fale com ela !!
- Pai, seja racional. É horrivel ser submissa por um maluco.Não vou participar.Não me obrigue,por favor...
- Filha, me desculpe, mas não temos escolhas. É preciso fazer isso...
- Mas porquê ?
- Você sabe que desde que suas férias da escola, que você dará uma pausa por causa da seleção, começaram nosso dinheiro vêm diminuindo... e nós precisamos desse dinheiro...
Meu pai é um produtor de tabaco. E desde da grande fome (umq crise que assolou nossa cidade) ele e minha mãe vêm brigando. Digamos que ela seja meio perua falsiane.

-... então filha, vá para essa tal seleção.
- Me fale só um motivo para essa babquice.
- Quando você nasceu -ele engoliu seco- eu e sua mãe...
- FAMILIA, CHEGUEI !!! PARA OS DESINFORMADOS, É CANA QUE ESTÁ FALANDO !! EM CARNE, OSSO E PURPURINA !!
- Lucine Heartphillia !! Sua garota da vida ! Nem foi me visitar em Anges !!
- Eu achei que você estava ocupada com o seu amor, Aldaberts...
- Aquele frango tranvestido de pênis murcho ?! Nunca, priminha. Não sou capim seco para agradar bodes.
Morri de rir.
Ela chamou o grande amor de sua vida de bode !!
- Bode ?
- Ele fedia como um. Sobre o que você  e seu pai estavam falando ?
- Ah - e o assunto desagradável retorna- uma porcaria de uma seleção.
- Ah, sexo.
- Nada haver. Só pq...
- Ah, vc é mt inocente. Porquê ele vai casar com alguém e nunca fazer sexo. Mt esperto.
- Vamos ler a carta.
Depois de lermos a carta...
" ATENÇÃO : Esta seleção será feita de uma maneira diferente. Todas as jovens terão que dormir com o rei e assim esse será um dos motivos para escolher quem será sua esposa".
- Viu ? Envolve sexo. Eu conheço muito bem os homens.
- Que interessante.
Ela me deu um chute na coxa e mostrou a lingua.
- Mas, falando sério, acha que eu deveria mesmo participar da seleção?
- Bem, é como eu sempre digo : É melhor um pênis nas nossas partes íntimas, do que dois voando.
Nesse momento nós rimos muito.

{...}

Não sei onde li isso, mas li, que uma "manhã começa com um acordar tranquilo e calmo, porém isso não aconteceu esta manhã.
Porquê ?
Fui acordada pelas lindas palavras de "incentivo", mais conhecidas como gritos, de minha mãe.
- Lucy, acorde !!! Tenho uma proposta para te fazer.
- Estou ouvindo -falei ainda meio grogue do sono.
- Vamos direto ao ponto. Porquê você não quer ir para a seleção ?
- Não está meio óbvio ?
- Sem rodeios. Porquê você não quer ir ?
- Não quero ser manipulada por aquele imbecil.
- Cana me disse que vocês estavam planejando que quando terminarem o colegial iriam viajar pelo mundo. Então, se você não quiser se casar, poderá viajar com sua prima pelo mundo. Mas, isso só vai acontecer se você se responsabilizar de se inscrever e pelo menos não querer enxotar o rei nos primeiros minutos.
- Você promete ?
- Tem a minha palavra.
- Então... feito.
- Ótimo. Tome um banho e se arrume, nós vamos para o polo** do reino .

{...}

Depois de horas e horas, descutindo com minha mãe a roupa que eu iria para aquela chatice, ela me deixou escolher a roupa. Fui com uma blusa que deixava meus ombros aparentes, uma calça branca e sapatilhas.
Coloquei um pouco de gloss (afinal, minha mãe me dava um tapa se eu exagerasse no blush e ficasse com um efeito "chinelada na cara" e aí, sim, eu levaria uma "chinelada na cara") e penteie o cabelo.
Nesse momento me lembrei de Levy. Nos conhecemos desde dos 6 anos. Que foi quando compartilhamos nossas confissões porque nenhum garoto deixava a gente beija-los. Sim, éramos umas taradas desde de pequenas. Desde de então, éramos coladas como papel e cola (eu sei, foi uma porcaria essa comparação)... *pensamentos interrompidos*
- Lucy !! Pare de encher linguiça e anda, menina !!

Tenho que confessar. Fiquei impressionada com a quantidade de garotas que estavam lá. Claro, a maioia delas estavam suando e o batom vermelho (da maioria) estava borrando, parecendo que a maioria tinha passado a noite inteira bebendo e gritando : "UHUU !! EU VOU CONHECER O PÊNIS DO PRINCIPE" !
Todas estavam elegantes. E a maioria daquelas nojentinhas que não abaixam o nariz, era tão magra que uma fatia de pizza era mais gorda que elas. Até então, eu não estava nervosa, mas quando vi que era a próxima a ser chamada...
- Próxima !!!-gritou a mulher do caixa.
Ai. Meu .Deus !!
   
                          {...}

   
                                       CONTINUA <3


Notas Finais


* : Fato verdadeiro
** : O lugar onde é anunciado e feito todos os eventos oficiais da família real.

Gente...
Queria pedir que se vocês pudessem comentassem.
Bjs e até a próxima <3
P.S : O que será que o Jude iria falar pra Lucy ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...