História Dangerous Secret - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Justin Bieber, Romance, Segredos
Exibições 17
Palavras 1.139
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá novamente...
Bom galera, eu tive um bloqueio de criatividade, por isso esse não sera um dos melhores capítulo. Prometo que o próximo capitulo sera melhor!
Me desculpe a demora e provavelmente sera um capitulo por semana por ser algo bem cansativo.
É isso..
Espero que gostem!

Capítulo 6 - I need you to watch my sister.


Fanfic / Fanfiction Dangerous Secret - Capítulo 6 - I need you to watch my sister.

POV: Henry White

 

Desembarcamos do avião, depois de 2 horas e 30 minutos de voo e já fomos a caminho da esteira pegar nossas malas, sinto algo vibrar em minha perna direita, retiro meu celular de meu bolso e atendo a chamada.

LIGAÇÃO ON

- Henry onde está?

- Já estou a caminho de casa.

- Vá rápido que teremos uma reunião sobre a quadrilha.

-Ok, posso te pedir um favor – me distanciei um pouco de Ally para ela não escutar.

- Manda!

-Preciso que você vigie minha irmã Allyson.

- Cara esquece, eu não vou bancar uma de baba para uma adolescente!

-Por favor dude, ela tá com problemas em relação a drogas e etc.. – eu sei que exagerei, não estou fazendo isto por conta do acontecido e sim pra ela já conhecer alguém dessa cidade, tirando que quero saber com quem ela anda.

- Tá Tá, mais que pau no cú você em ?

- Valew Bieber!

LIGAÇÃO OFF

Espero que seja o melhor pra ela.

 

 POV: Allyson White

 

Desembarcamos em Atlanta e meu irmão já foi logo atender um telefonema, ooo menino ocupado, sentiram a ironia?

(....)

Logo após pegar nossas malas na esteira, seguimos para a entrada do Aeroporto, aguarda um dos seguranças que trabalha para o meu irmão.

(...)

A mansão dele era linda, se duvidar mais linda que a de Paris. Por conta dos estudos e de passar a maioria das férias colada com Liza, desde que meu irmão se mudou para cá  (4 anos atrás, aos seu 18 anos) nem eu nem a minha mãe conseguimos vir.

- O seu quarto é subindo as escadas penúltima porta do lado direito.

Subi as escadas em passos longos e rápidos pois a ansiedade está me matando, sigo as instruções que Henry me deu e logo chego ao meu quarto. Paro enfrente a porta do meu quarto que passarei ali dentro momentos sufocantes, alegres, tristes, este provavelmente será meu futuro refúgio, então espero, de coração que meu irmão não tenha errado ao montar meu quarto.

Crio coragem, e ao abrir a porta eu me deparo com um quarto lindo, todo preto com alguns detalhes em branco e vermelho, com uma linda cama no centro com uns estofados a sua frente, um lustre magnifico, duas cômodas com abajures acessos bem em cima, uma cortina totalmente preta, uma cadeira e meio que uma mesinha para colocar telefone, agenda, essas coisas. Esse quarto é perfeito, tenho que admitir que meu irmão conhece todos os meus gostos, porem ele esqueceu de por algo azul pois, azul e preto são as minhas cores favoritas.

Deixei minha única mala em cima da cama e fui conferir as duas portas que tinha além da porta de acesso ao corredor da casa, na primeira porta que eu entrei existia ali um banheiro lindo, a esquerda contendo uma banheira, ao lado direito uma torneira a frente um box para eu tomar banho e um Puff no centro. Sai do banheiro e sigo de encontro a outra porta que presumo ser a porta do closet, ao abrir me deparo com todas as minhas roupas ao lado esquerdo e ao direito todos os meus calçados, um Puff no centro. Dentro das gavetas aviam todas as minha langeries e mais ao fundo minha joias e meus cremes.

- Allyson desça aqui, preciso conversa com você! – gritou meu irmão do andar de baixo.

- Estou indo! – gritei em resposta.

Sai de dentro do closet e fui ao encontro de meu irmão.

- Sente se aqui - disse ele autoritário

- Oque eu fiz agora?

- Nada, primeiramente você começara as aulas segunda – como assim? Hoje é sábado, eu ainda tenho que me acostumar – segundo, sem festas ou nada do gênero beber e se drogar, isso é algo que você tem que parar ou por bem ou por mal.

- Eu não sou alcoólatra, muito menos drogada ok?

- Não foi oque pareceu em Paris...

- Ok você venceu, mas me chamou aqui apenas para falar sobre isso?

- Você não acha sua saúde algo importante?

- Sim, mas desnecessário isso agora quando estou exausta e fedendo!

Subi as escadas sem esperar por respostas, pois queria tirar logo esse vestido do meu corpo...

(...)

Acordo com uma escuridão sem fim, quando olho ao lado em cima da cômoda me estico para pegar meu celular, ao ver as horas nem eu mesma acreditei, já era, 12:30, isso que eu fui dormi ontem ás 1 da manhã, dormi 11 horas não é pra qualquer um não!

Me levantei e fui até a cortina a abrindo logo em seguida, fui em direção ao banheiro fazer minhas necessidades e minhas higienes, tomei um banho de cerca de 10 minutos e fui até meu closet escolhendo assim uma langerie preta com detalhes rosa, um vestido e uma rasteirinha, logo após descendo as escadas.

-Bom dia. – digo tentando parecer animada.

-Boa tarde – disse Henry, que vestia uma bermuda azul escura caída com uma cueca da Calvin Klein, com chinelos e sem camisa. O ignoro e vou até a cozinha.

- OII, então, oque tem pra come? – dou uma leve risada.

- Arroz, estrogonofe, legumes ou se preferir, temos o café, panquecas, cookies, suco, frutas... – Disse a empregada.

- Prefiro o café da manhã então – dei uma risadinha de leve, enquanto a empregada foi pegar a comida.

Preferi sentar na bancada da cozinha pois seria muito solitário comer na gigante mesa de estar e não ter ninguém ao meu lado.

 -Allyson? – Ouvi a vós de Henry ao fundo, girei a cadeira ficando de frente a ele.

- Sim?

- Irei dar uma saída, volto em 1 hora.

-Ok! – Então ele deu um beijo em minha testa e seguiu para a enorme porta da frente, onde fui perdendo ele de vista.

(....)

Tinha acabado de comer aquela deliciosa comida preparada pela empregada, que aliás, acabei de lembrar que preciso pergunta o nome dela. Caminhei até a sala e me sentei no sofá, retirei meu celular do bolso e comecei a mexer no twitter. Tempo passou e ouvi passos de alguém gritando o nome do meu irmão.

- Posso ajudar?

- Por acaso você viu o Henry? – perguntou um homem bem alto, lindo, olhos cor de mel, com seus cabelos lisos e loiros em um perfeito topete, com o braço coberto por tatuagens e algo escrito em seu pescoço que na hora não consegui ler direito, usando uma blusa preta, uma calça também preta e um supra vermelho.

- Ele disse que voltava em uma hora. – Disse meio sem graça me levantando do sofá.

- Aaaaa sim, por acaso você é a irmã de Henry, Allyson White? – disse ele me analisando de cima até em baixo.

- Eu mesma – dei uma risadinha de leve e estendi a minha mão para o cumprimentar – E você seria?

-Justin, Justin Bieber.


Notas Finais


Etaa porra, eles se conheceram agora sim a história ira começar!

Mansão de Henry:
http://daoquepensar.com.br/wp-content/uploads/2015/06/ricos-eua.jpg

Quarto de Allyson:
https://casadaidea.files.wordpress.com/2010/05/di-quarto-preto.png?w=450&h=300

Banheiro do quarto de Allyson:
http://cdn1.mundodastribos.com/764592-banheiro-decorado-preto-e-branco-600x600.jpg

Closet do quarto de Allyson:
http://decorsalteadopro.com/upload/editor/1-closet-design-ideas-by-lisa-adams.jpg

Bom e o resto fica por conta da imaginação de vocês.

Beijinhos de Like Sky! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...