História Dangerous Teenagers - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Hailey Rhode Baldwin, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Hailey Baldwin, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais, Ryan Butler
Exibições 24
Palavras 815
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom gente essa é minha primeira fanfic rsrs e espero que vocês gostem ... sou amadora ainda entao .... Boa leitura <3

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Dangerous Teenagers - Capítulo 1 - Prólogo


   - CALA A BOCA GAROTA VOCE NAO SABE NADA DA MINHA VIDA - dessa vez ela tinha passado dos limites.

 - CALA A BOCA VOCE, SO PORQUE VOCE É UM TRAFICANTEZINHO DE MERDA VOCE ACHA QUE ME POEN MEDO? FAÇA ME UM FAVOR E SE MATA - meu sangue ferveu so de ouvi essas palavras dela.

    Fui em direção a ela, e lhe empurrei na parede, fazendo suas costa baterem com força na mesma, seus olhos me olharam e por um momento vi que ela estava com medo.

    - escuta aqui sua vagabunda - disse apertando seu maxilar - voce achar que eu sou o rei dessa poha aqui atoa? logico que nao, eu sou bom no que faço e adivinha so.. eu sei esconder um corpo .. e escondo muito bem - olhei bem nos olhos dela.

    Seus olhos demonstravam medo, acho que dessa vez ela tinha entendido o recado, so que nao quis demonstrar e falou ríspida.

     - tire suas maos imundas do meu rosto imbecil - e cuspiu na minha cara .

   péssima ideia ela escolheu, ninguem se quer rela um dedo em mim, e sai por isso mesmo eu vou ensina essa garotinha mimada a aprender a respeitar as pessoas
 
   - Voce vai se  arrepender de ter feito isso - soltei o tapa na sua cara que minha mao por um segundo ficou ardendo.

   vi o rosto dela virar e ela caindo no chão com a mao na cara que por sinal ficou a marca da minha mao certinha.

  - VOCE É UM ESTUPIDO SEU IDIOTA - ela se levantou gritando e vindo pra cima de mim soltando varios tapas no meu peito.

  segurei a sua mao e voltei e pressionar ela na parede.

  - ainda nao aprendeu ou vai querer levar uma surra - disse ja com raiva - NINGUEM TOCA UM DEDO EM MIM SUA VAGABUNDA - apertei ainda mais ela na parede.

  - Prazer meu nome é ninguem - Cuspiu outra vez na minha cara e sorriu debochada.

  - agora voce vai ver - peguei ela pelos cabelos e joguei no chao .

    Ela se levantou, e eu proferi outro tapa em sua cara fazendo ela perde o equilíbrio e quase cair no chão, por pura sorte ela se segurou na mesinha que ficava em seu quarto.

  - Isso grita mais, é assim que eu gosto de ver -    a puxei pelos seus cabelos e lhe soquei um murro fazendo ela cair novamente.
 
   Me aproximei  e chutei suas pernas, ela tentou segurar meu pé mais fui mais rapido e chutei sua barriga.

  - Grita mais sua vadia, anda grita mais, pede socorro pra sua amiguinha pra ela vim te salvar - ela gritava de dor, mais eu nao tava nem um pouco com pena.

  - ta me machucando, para .. por .. favor ..- ela falou chorando nao conseguindo nem respirar devido o chute que levou na barriga - por .. fav.. - antes de terminar de falar soquei sua cara.

 - ainda vai cuspir na minha cara sua put... - fui interrompido pelo chris que entrou no quarto me empurrando .

  - TA MALUCO JUSTIN, ELA É SO UMA GAROTA - gritou comigo,e  tentando me afastar de perto dela. 

    - foda- se chris ela tem que aprender onde é o lugar dela - falei tentando ir pra cima dela, e vi ela ir se arrastando pra parede com a mao na barriga.

  - Justin nao é assim que se resolve as coisas - ficou na frente dela na intensao de protege- la - Isso nao te dar o direito de bater nela dessa forma, como se estivesse batendo em um homem - falou com raiva em seus olhos.

  - Chris nao se mete eu nao quero ter que bater em voce tambem - falei calmo pra nao partir pra cima dele.

  - Entao pode me bater, porque daqui eu nao saio drew, desculpa mais ela é so uma garota, nao sei o que ela fez, mais isso nao te dar o direito de bater nela dessa forma - minha raiva so aumentou mais preferir nao atacar. ele nao ficaria ali o dia todo mesmo.

   me aproximei perto dela, e Chris permaneceu ali, como se fosse um segurança olhei bem nos seus olhos e disse.

  - Nossa conversa ainda nao acabou querida - sorri debochado, ela engoliu em seco e so olhou pra sua mao que estava sobre sua barriga.

  Sai batendo a porta com tudo demonstrando o quanto eu estava com raiva, ela pensar que é quem pra cuspir na minha cara duas vezes, nem que eu tenha que matar ela de tanto bater mais vou lhe ensinar a me respeitar ou eu nao me chamo Justin Bieber.
 


Notas Finais


Esse prologo foi so um spoiler do que vai acontecer mais pra frente. Entao espero que vocês entendam.
o 1 cap. é onde tudo vai começar (nao exatamente o primeiro daqui uns 5 cap. é onde realmente a historia se inicia) espero que voces tenham gostado e desculpe os erros ( ortográficos, coerência e etc.) Me ajudem por favor essa é minha primeira fic que escrevo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...