História Dangerous Woman - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Michael Jackson
Personagens Ariana Grande, Michael Jackson, Personagens Originais
Tags Amante, Ariana Grande, Ceo, Dinheiro, Michael Jackson, Namorado, Romance, Sexo
Exibições 38
Palavras 2.077
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi lindos e lindas, de boa na lagoa ? Suave na nave ?... Ta parei. e_e
Faz um tempin q nao posto aq pq fiquei empolgada com a You Rock My World entao na viram ne !? Escrevo 24h por dia.
As vezes os capitulos demoram muito pq ou nao me agrada ou eu fico martelando aquilo pra sair do jeito q quero. Entao me desculpem se demoro muito, e podem me cobrar isso.
Boa leitura, leitores do amor, vcs sao fodas B-) I Love you vocês ♥♥
Obrigado pelos comentarios gente, comentarios das duas fics, sou muito grata por isso, e agora chega de melação, vamo ler a fic e se ligar nesse beijão.

Capítulo 5 - O beijo


Ariana  Grande

Duas  semanas  depois...

 Passaram-se mais de duas semanas que estou trabalhando para a perfumaria Jackson. Até que este trabalho não é tão ruim assim, tirando a parte de Jade sempre me irritar, e de algumas "patadas" do Sr. Jackson. Nunca sei quando ele está bravo, satisfeito, feliz ou triste. As vezes ele é um amor, mas outras nem tanto. Agora que começei a acompanhar mais a rotina de Michael, vi o quanto sua vida é corrida e cansativa. Alguns dias Michael recebeu a visita de algumas mulheres, menos a esposa, que por sinal, nunca vi Michael com ela ou falar sobre ela. Eles parecem um pouco distantes, e isso pode ser um bom sinal para mim, pois sim, ainda tenho em mente conquistar Jackson e pegar uma boa parte da sua grana. Já me deparei com ele encarando meus peitos e analizando minha bunda. Não posso me esquecer de seus elogios descarados e fora de hora. Tudo isso pode ser um ótimo sinal. Tia Katy está feliz por meu trabalho, mas fica inquieta em ficar somente em casa, e reclamando disso sempre.

- Alô ?- Atendi meu celular as pressas. Era o número usado para se comunicarem com alguns fúncionarios da empresa.

- Ariana ? Sou eu Michael.- Ouvi sua voz ecoar pelo meu ouvido, e pelo seu tom de voz, pude constatar que o mesmo estava alegre.- Hoje terei uma reunião, e como sabe, precisarei de você. Mandarei um carro te buscar às oito, a reunião não será na empresa.

- Tudo bem Sr. Jackson, estarei aguardando. Quer que eu passe na empresa para buscar algum documento ou papel para o senhor ?- Perguntei tentando ter mais assunto com ele. Eu sabia que não precisaria disso, já que ele é extremamente organizado, e obviamente já estaria com a pasta em mãos.

- Não. Obrigado gracinha, a única coisa que quero de você é que faça o seu trabalho o mais perfeito possível, e esteja mais linda ainda, quero mostrar para aqueles babacas o que é uma secretária de verdade.- Gargalhei por seu comentário, sentindo meu rosto queimar. Acho que nunca irei me acostumar com esse seu jeito.

- Tentarei ao máximo lhe agradar.- Foi sua vez de gargalhar.- Até mais Sr. Jackson, agora tenho que me arrumar.

- Até Ariana... Ah, e não se esqueça, a reunião será antes de um coquetel. Preciso de uma companhia para me destrair daqueles caras chatos e estou contando com você, baby.

- Pode deixar... Tchau.

   Desliguei o celular e corri para a sala, onde se encontrava Katy. Lhe contei sobre o jantar e a reunião. Titia questionou por que eu e não a esposa de Jackson, mas lhe expliquei que já tinha o acompanhado em reuniões, mas seria a primeira vez que ia em uma reunião acompanhada de um coquetel. Tomei um banho, e me vesti, com um vestido curto, preto e colado ao corpo. Passei uma leve maquiagem, deixei meus cabelos soltos e calçei um salto da mesma cor do vestido. Okay, talvez esteja exagerando no visual, mas apenas estou obedecendo as ordens de Michael. Peguei meu celular, e me sentei à espera do carro chegar.


- Uau! Que gata você está!- Assim que desci do carro Michael veio em minha direção. Ele estava com uma maleta em mãos.- Parece que você atendeu ao meu pedido. 

- Sigo as ordens do meu padrão.- Disse divertida e lhe dando um abraço. Suas mãos sempre ficavam um pouco acima da minha bunda quando me abraçava.- Você está muito lindo também.- Peguei a maleta de suas mãos e segui ao seu lado, adentrando o prédio, onde ocorreria a reunião.

   Fomos juntos até a sala de reuniões, sem dirigir uma palavra ao outro. Subimos o elevador, e a única coisa que Michael fazia, era dar olhadas indiscretar para meu decote. Michael parecia o tipo de homem que não gosta de regras, não liga para tabus enquanto ao sexo, e trata uma foda da maneira mais normal possível. Lhe fazendo ser um homem descarado e que molha a calcinha de qualquer mulher com a combinação perfeita; sua beleza e seu jeito sedutor e escraxado de falar sobre sexo. Por isso, tenho que jogar seu jogo, e ser o mais normal e relaxada possível quando o assunto é sexo ou algo do tipo. Michael é um homem que gosta de flertar e isso me dá algumas vantagens.

- Boa noite senhores, podemos começar nossos negócios ?- Assim que Michael e eu adentramos a sala, ele se dirigiu até a ponta da mesa, que se localizava uma cadeira vazia, e chamou a atenção de todos ali, que concordaram com sua pergunta.

- Quem é essa lindeza que está te acompanhando, caro Mike ?- Um homem perguntou divertido.

- É minha secretária. Uma beleza ela , não !?- Eu que estava em pé ao seu lado, senti meu rosto corar. Pela primeira vez fico com vergonha de um elogio.- Sente-se aqui do meu lado, querida. Pegue os pápeis que eu pedir. 

- Claro...- Me sentei e coloquei a pasta em meu colo. Michael queria um comercial para sua nova linha de perfumes femininos. 

   Assim que ele começou a falar suas propostas e escutar também, vi o quão profissional Michael era. Sua linha de perfumes retratava a beleza das mulheres e suas culturas diversas.Seus aromas divercificados davam um charme à mais em qualquer mulher. Tive o previlégio de conhecer cada perfume, antes do que qualquer pessoa do mundo, e isso me deixa bastante orgulhosa. Se Michael fosse meu amante, eu seria a primeira pessoa em usá-los. Aquela reunião era para selar um contrato com a empresa de publicidade, e resolver como seria o comercial da linha de perfumes. 

   Michael e seu advogado me pediam diversos documentos, cada um com sua importância, naquele contrato milionário, enquanto eu fazia um relatório sobre tudo que estava acontecendo ali. Ao final de tudo, saímos todos e seguimos para o lugar onde ocorreria o coquetel. Michael fez um contrato de três milhões de dólares e todos estavam satisfeitos. Sei que no coquetel, algumas esposas e mulheres estaram. Michael é estranho, até hoje nunca vi sua mulher, e a mesma não lhe acompanha em lugar algum.

- Posso repetir que você está maravilhosamente bonita ?- O carro seguia o caminho rumo a festa. Michael fez questão de se sentar ao meu lado.

- Sim Michael, claro.- Sorri.- E você também está muito lindo.- Lhe olhei de lado e o vi revelar seu hipnotizante e belo sorriso.

   Ficamos o curto caminho conversando. Ele me disse que estava feliz em fechar aquele contrato e que eu poderia ser a nova musa do comercial, mas é claro que Michael estava brincando comigo. 

- Vamos gatinha.- Sem esperar que alguém abrisse sua porta, Michael saíu do carro, e estendeu a mão para mim, como se ele fosse o motorista. Apenas acenti, e também desci, segurando em sua mão.- Está com fome ? Quer beber alguma coisa ?- Adentrávamos o lugar. Michael parece ser solteiro, e Clarie apenas uma metáfora para sua solidão. Além dele flertar com qualquer mulher do seu agrado, vive como um verdadeiro solteiro.

- Não estou com muita fome Michael. Mas aceitaria alguma bebida sim.- Sorri e pisquei para ele. 

   Depois que entramos, Michael me levou até o bar do local, e pediu vinho para nós. Além dos senhores que estavam na reunião, outros convidados também estavam. Era uma verdadeira festa, para comemorar o contrato. Talvez essa seja uma ótima chance para seduzir Michael, mas tenho que tomar um pouco de cuidado. Essas madames parecem conhecer Michael e podem contar para sua esposa. Assim que ele pediu o vinho, ele resolveu se sentar junto à seus amigos em uma grande mesa. Ele puxou minha mão e me fez sentar ao seu lado, sorri para aquelas pessoas desconhecidas por mim, e fui apresentada para cada um deles. Alguns petiscos foram servidos e começamos a comer. Jackson a todo momento sorria e me olhava indiscretamente, como já disse, tenho que jogar seu jogo, por isso, fiz o mesmo que ele, lhe dando olhadas lascivas e sorrisos malíciosos.

   Ficamos ali sentados, conversando, comendo e bebendo por um longo tempo. Senti uma mão tocar minha coxa, e me virei para ver quem era. Era Michael, que se aproximou mais ainda de mim, para sussurrar algo em meu ouvido.

- Já quer ir embora Ariana ?- Perguntou arqueando as sombrancelhas, precionando sua mão mais ainda em minha coxa.- Eu já estou indo, mas se quiser ficar mais, meu motorista te levará para casa.

- Não, vamos agora.- Suspirei e sorri. Sua mão ainda estava em minha perna e ele estava muito perto.

   Michael tirou a mão dali e se levantou, eu fiz o mesmo. Depois de despedir de todos, fomos embora. Já no carro, Michael ficou mais próximo de mim do que o normal. Sentir sua coxa roçar na minha, me fez respirar pesadamente e meu coração acelerar.

- Já disse que hoje você está mais gostosa do que o normal, Ariana ?- Senti meu baixo ventre tremer e sorri com minha voz travada, sem conseguir falar. Uau, a cada dia Michael me surpreende mais com suas palavras. Mas eu simplesmente adoro isso.

- Obrigada, de novo.- Dei uma baixa gargalhada e toquei em seu queixo, demonstrando que tinha gostado do seu comentário.- Me desculpe a pergunta, mas por que nunca vi sua esposa ? Clarie o nome dela, certo !?- Fingi ter esquecido seu nome.

- Isso, Clarie. Nosso casamento não é tão legal assim. Foi precipitado de mais, e eu apenas gostava dela, mas nunca senti aquela coisa, sabe ? Eu não amo ela de verdade. Nossa vida de casado não passa de sexo e brigas.- Michael falou sério, me encarando.- Mas pra que falar disso agora? 

- Eu não sei, apenas fiquei curiosa.- Toquei em seu rosto, tentando me aproximar ainda mais.- Olha Michael... Você também está uma delícia nesse seu terno.- Em meio segundo, Michael percebeu o que eu estava incinuando. Então rapidamente, sua mão pousou em minha perna novamente.

- É mesmo, princesa?- Arqueei as sombrancelhas e concordei. Suas mãos começaram a deslizar em minha perna, e senti meu sexo pulsar. Michael é rápido no que faz, e não tem medo de seus atos.

   Com sua mão livre, Michael segurou meu queixo e roçou nossos lábios levemente. Fechei meus olhos e deslizei meus dedos pelo seu rosto, enquanto pressionava meu lábio no dele com força. Abrimos nossas bocas e começamos a nos mover como o coração mandava. Sua língua doce e macia, juntamente com seus lábios aveludados, me faziam arfar a cada movimento. Michael subiu sua mão para baixo do meu vestido, tocando em minha bunda, e brincando com o elástico da minha calçinha, enquanto eu jogava meu corpo para cima dele e empinava meu traseiro, lhe dando total liberdade para tocar em meu corpo.

   Michael está em minhas mãos agora, e eu não posso deixá-lo escapar. Sei que vai ser ótimo ser amante dele, pois além de ganhar vários presentes e um bom dinheiro, eu poderei desfrutar desse seu corpo delícioso, e com certeza, bom de cama. Enlaçei minha perna em seu colo, e ele apertou minha bunda com força, me fazendo soltar um gemido abafado pelo beijo. Suas mãos fazem um ótimo trabalho, e agora sei o porquê dele conquistar qualquer mulher. Michael Jackson é um gostoso da porra, e eu não posso negar isto!

   Infelizmente o carro parou, e escutamos uma voz receiosa soar atráves de um pequeno rádio que tinha ali. Era o motorista falando que tínhamos chegado em minha casa, ele não podia ver o que estávamos fazendo, já que um vidro escuro estava nos separando. Descolamos nossos lábios e Michael respondeu ao seu motorista. Me ajeitei no banco e ele parou de me tocar, eu estava um pouco sem jeito, mas ele agiu como se nada tivesse acontecido. 

- Até amanhã Michael.- Suspirei e abri a porta, pronta para sair, mas senti Michael tocar meu braço.

- Te vejo amanhã, bebê.- Ele piscou e sorriu para mim. Desci do carro e novante me despedi.

   O primeiro passo já foi dado, Michael aos poucos está sendo meu; é assim que penso. Terei alguns problemas com Jade, por causa de seu ciúme excessivo por um homem que não é nada dela. Mas sei lidar com isso. Quero Michael ao meus pés. O trabalho de secretária não é uma merda, mas sei que com Michael ao meu lado, serei muito mais beneficiada financeiramente. E no momento que eu não querer mais ficar com ele, vou apenas deixá-lo, e procurar outro alguém.





Notas Finais


Entao... Depois desse kiss atrapalhado pelo fdp do motorista, qual sera a proxima putaria ? Serio, eu amo escrever o jeito escraxado do Mike, AMOOOOOOOOOO.
COMENTa isso me deixa muito happy e favorite também mores. Bjos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...