História Dangerously - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bangtansonyeondan, Bts, Hoseok, Jhope, Jikook, Mistério, Namjin, Sope, Suga, Taehyung, Vhope, Yaoi, Yoongi, Yoonseok
Exibições 75
Palavras 634
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Mais um capeta \o/ uhuul n vou dar spoilers então leiam pra saber o que vai rolar Okay bjs e boa leitura

Capítulo 4 - Por pouco !


Fanfic / Fanfiction Dangerously - Capítulo 4 - Por pouco !

Quando bateu o sinal pro intervalo Hoseok e Tae já estavam me esperando na porta. 

 - vocês vão mesmo ficar seguindo pra onde eu for ?! 

 - Hyung, vamos brincar ? - Hoseok diz me ignorando totalmente

 - não 

 - por que não ? 

- não gosto de correr nem nada do tipo... 

- então a gente pode só sentar e comer... - sugere Taehyung 

- boa Tae... - digo aliviado por ele não me forçar a brincar com ele 

Fomos até um local onde sentamos e começamos a dividir nossos lanches e a conversar 

 - você gosta de vídeo game Yoongi ? - Hoseok pergunta 

 - sim... E eu sou muito bom, aposto que venço vocês dois em qualquer jogo 

 - ... então por que você não vem na nossa casa pra jogar ? - diz Tae 

 - ... Tá bom... - por que eu aceitei ? - 

 - ebaaa - Hoseok diz gritando 

 - para de ser escandaloso... - digo rindo e pego uma bolinha de papel pra jogar nele, porém eu erro e acabo acertando Ji-a, uma menina que não gosta de mim e nem eu gosto dela 

 - Tinha que ser você... 

 - foi sem querer... 

 - você não me engana Min Yoongi 

 - não enche Ji-a, se não eu taco outro... 

- aish - ela exclama frustada e vai embora 

 - impressão minha ou vocês não se dão bem ? 

 - bom Tae... É mais do que apenas só não se dar bem, mas isso não importa... 

 - Okay... 

 - então, quer ir na nossa casa jogar hoje depois da escola ? - diz Hoseok sorridente como sempre 

 - ... Ah... Pode ser... - já aceitei mesmo, recusar agora não vai funcionar 

 Depois que as aulas acabam eu encontro minha mãe e pergunto se eu posso ir pra casa dos meus perseguidores, ela acha graça da minha situação e deixa. Nós vamos a pé pois a casa dos dois não é longe da escola, Hoseok não parava de me fazer perguntas, algumas nem dava tempo de responder pois ele já cortava com outra, seu entusiasmo era engraçado e até fofo de uma certa forma, ele sorria o tempo todo e eu por algum motivo não conseguia parar de olhar aquele sorriso, era realmente lindo mas meus pensamentos foram cortados quando ouço alguém gritando e buzinando, um homem tinha invadido a calçada com uma moto, foi tudo muito rápido, e pra abrir caminho nós nos jogamos pro lado, mas ao fazer isso eu acabei indo parar no meio da rua bem na hora que um carro que vinha vindo, ele freou e parou tão próximo a mim que fez com que eu caísse no chão assustado, foi sorte ele não estar em alta velocidade. Todos no local pararam pra olhar assustados, uma mulher saiu do carro e veio até mim desesperada perguntado se eu estava bem, após convencer ela de que não havia acontecido nada, tive convencer Hoseok de que eu estava bem, ele estava mais branco que o normal, estava com os olhos cheios de lágrimas prestes a chorar e parecia bem mais assustado que eu, que quase fui atropelado. 

- H-Hyung... Você tá b-bem ?? - ele diz meio trêmulo

- sim, Foi por pouco... Mas parece que você tá bem mais assustado que eu...

- e-eu pensei que v-voce ia ser atropelado

-calma Hoseok eu tô bem, não precisa tudo isso

- é-é né - ele sorriu fraco porém continuou meio assustado

Quando consegui convence-lo de que eu estava bem e não precisava ir ao médico, continuamos nosso caminho até a casa dos dois, porém Hoseok estava mais calado e sério, eu queria poder fazer alguma coisa pra tranquiliza-lo... mas n somos tão próximos, e isso não faz meu estilo... Mas eu me pergunto o porque dele ter ficado tão assustado .


Notas Finais


Nossa hein, quando adrenalina pro coraçãozin do nosso Hoseok T-T e poxa Suga , q custava consolar o garoto ?! Tava preocupado contigo !! E essa tal de Ji-a ?! Prevejo tretas hein 😈😈 um beijo na bunda e até o próximo capeta 😀


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...