História Dark Life - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor, Originais, Popular
Visualizações 23
Palavras 546
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Acabei de criar um Twitter para conversar com vocês... Quem quiser me siga lá ( vou seguir de volta né) @BabyDakk

Capítulo 37 - 37


🌻Jennifer  P.O.V

Assim que passei meus braços em torno do seu pescoço uni nossos lábios.

Lhe dei um selinho e nessa altura senti as mãos dele na minha cintura puxando-me mais para ele.

Ele me deu um beijo a serio. E eu nem sabia o que fazer (conversa de pessoa que só beijou uma vez).

Não sei o que deu em mim?!

Mas que porra, Jennifer!

Tu tá louca garota??

Ele tem namorada.

Mas eu deveria lutar por aquilo que quero , não?

Tenho a certeza que se a Linda estivesse na minha situação, ela o beijaria e estaria pouco se fudendo se ele tinha ou não namorada.

Mas a Linda, é a Linda.... E eu sou eu....

Ai meu deus!

Assim que separamos nossas bocas baixei um pouco a minha cabeça e agarrei com força a sua camisa para tentar esconder a minha vergonha.

Mas o que diabos deu em mim?

Ele ainda prendia minha cintura com a mão esquerda e com a direita levantou ligeiramente o meu queixo.

-O que foi isso garota?

Encolhi os ombros e mordi levemente o meu lábio inferior.

Ele gargalhou alto.

-Nunca achei que você tivesse coragem de me abusar sexualmente em plena luz do dia.

Sorri e coloquei a minha cabeça encostada no peito dele.

-Não sei o que você está fazendo comigo... -sussurrei.

-Eu digo o mesmo. -Ele disse enquanto ele pousava a cabeça no meu ombro e sorria.

Tenho quase a certeza que ambos sentíamos o cheiro um do outro.

🌐

Minha vida deu uma volta enorme.

Eu acho que mudei, e mudei um pouco para melhor não foi?

Foi ele que me mudou.

Parece que foi ontem que  o conheci, e o conheci da pior forma possível.

Sorri só de lembrar disso.

Me estiquei até chegar ao criado mudo.  Mais uma vez fui ver as horas. 19:03h.

Estava deitada daquela forma desde que chegara a casa, desde as 16:09h.

Mais uma vez me virei para o outro lado e passei os meus dedos nos meus lábios. Só de fazer isso me lembro do constrangimento que foi quando entrei em casa e minha mãe me perguntou  com uma cara maliciosa:  "Porque tens os lábios tão vermelhos?"

Fiquei vermelha na hora e depois fui correndo para o banheiro ver os meus lábios, e ela tinha razão, estavam avermelhados.

Bem, não posso dizer que não voltei a beijar aquele loiro depois que o beijei pela primeira vez.

Até porque eu beijei...e muito.

E, ele pareceu gostar.

Claro que o peso de ele estar traindo a  Linda pairava sobre a minha mente, mas o que posso fazer?

Nada.

Eu não posso controlar mais esta vontade que sinto de o beijar a toda a hora. Esta vontade compulsiva que sinto de o abraçar e de saber tudo sobre ele.

Enterrei minha cara no meu travesseiro.

Estou me sentindo aquela "amante" que provoca todos os conflitos entre marido e mulher.

Ser considerada o problema...a causa pela qual alguém não é fiel à companheira é bastante interessante e acho que pode ser considerado um ato de rebeldia pela minha parte, comparando com tudo aquilo que eu era.

Estou errada?

É certo que ele nunca me pediu em namoro nem nada parecido.

Por isso me pergunto se vamos ter para sempre esta relação bastante impropria.

Eu não sei se estou preparada para ser a segunda opção ... A dita "outra".

Peguei meu celular e lhe mandei uma mensagem:

Como a gente fica a partir de hoje?

🌐🌐🌐🌐🌐🌐🌐🌐🌐🌐



Notas Finais


Gosta da minha escrita?

Corre até ao meu perfil e vê as minhas histórias.

Ontem, publiquei o prólogo de uma ideia que tive "À Caça Do Predador"


-Estás a gostar de Dark life?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...