História Day To Day - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags Bnior, Got7, Jackson, Jark, Mark, Markson
Exibições 53
Palavras 1.055
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ALO ALOOOOOO MEUS AMADOS
ESTAMOS DE VOLTAAAAAAA
OU MELHOR, EU ESTOU DE VOLTA
BOM, NÃO VOU ENROLAR MUITO AQUI POIS VOU EXPLICAR MAIS NUM OUTRO CAPITULO DE AVISO.

MUITO OBREGADON POR TODOS OS FAVORITOS ATÉ AGORA.
~okay, caps, desliga, obrigado

Peço desculpas pela demora gigantesca mas fazer o que né...

Agora vão ler q eu to com preguiça de dizer algo a mais ♥

Capítulo 6 - Fourth Day


Quinta-Feira...

Quinta-feira era definitivamente o dia em que eu mais odiava na semana. Por quais motivo isso? Talvez por ser quase praticamente no meio da semana e também por já não ser logo sexta. Meio ilógico isso? Sim, mas fazer o quê...

E não por ser quinta-feira mas eu sentia que alguma coisa iria acontecer. Sendo boa ou ruim eu já não sabia, apenas tinha esse pressentimento.

Como tudo na vida não é mil maravilhas, despertei ouvindo o som irritante do despertador e tratei de me levantar.
Sabe a minha disposição? Não sabe né? Talvez seja por eu não ter nenhuma no momento.

Sai da minha cama extremamente confortável bem devagar seguindo para o banheiro fazer minhas higienes gerais.
Depois de pronto peguei minhas coisas necessárias e praticamente me arrastei saindo do meu apartamento.

Como eu não morava em um andar muito alto, quase nem demorou pra que eu já saísse do edifício.
Como acabou virando de praxe, fui seguindo meu caminho para a cafeteria.

Pedi dois cappuccinos, afinal, agora eu comprava um para Jackson todos os dias.
Paguei e sai sorrindo indo em direção ao meu trabalho.

Não demorara a chega e me encaminhei ao meu andar cumprimentando a todos que passava por mim.

-Mark! - Virei-me e sorri ao observar Jackson correndo meio atrapalhado. - Espere!

-Bom dia! Aqui seu cappuccino.

-Obrigado! - O mesmo me abraça e pega o cappuccino da minha mão. - Pouco açúcar?

-Do jeito que você gosta. - Sorri

-Já sabe até os meus gostos, hum... - Dei um tapa fraco nele e ri enquanto entrava no elevador acompanhado do moreno - Parei, parei...

Seguimos em silêncio durante o percurso até o andar, bom, pelo menos não era aquele silêncio angustiante ou tipo assim.

-Hum? - Senti-me ser cutucado e olhei para o lado parando de andar - Que foi, Jack?

-Ansioso pro sábado? - Ele parou ao meu lado

-Lógico! Por quê? - Sorri e volto a andar em direção a minha mesa

-Nada não! - Sentou-se em sua mesa e sorriu.

A manhã passou voando como sempre e logo já era a hora do almoço. Eu e Jackson saímos novamente e fomos almoçar em um lugar qualquer, dessa vez ele decidiu uma lanchonete mesmo.

-O que você vai pedir, Jack? - Perguntei olhando as opções.

-Dois hambúrgueres, uma porção de fritas grande e um refrigerante grande. E você?

-Que horror, seu gordo. Acho que apenas um hambúrguer e um refrigerante médio.

-Só? 'Ta querendo virar fitness? - Começou a rir e revirei os olhos.

-Eu já sou fitness, okay?

-Aham, 'ta bom Senhor Fitness. - Continuou a rir enquanto ia fazer o pedido.

Depois de já feito e pego os pedidos nos sentamos em uma mesa bem no centro da lanchonete e começamos a comer.

-Hum... 'Ta sujo ai Mark. - Disse Jackson enquanto me encarava sorrindo.

-Onde? - Perguntei pegando meu celular pra poder ver o reflexo. - Não 'to vendo...

-Aqui olha... - Disse e em seguida passou o dedo cheio de maionese na minha bochecha rindo.

-Vagabundo! - Olhei para os lados para me certificar que ninguém ouviu o que falei porém o local estava vazio e logo peguei um pouco da minha mostarda e sujei o rosto do outro.

-Agora foi você quem pediu!

-Não, não, não! Jackson! Pare! Por favor! - Me assustei com a quantidade de mostarda que ele havia pego para me sujar.

-Só vou parar... Porque o seu amiguinho apareceu ali atrás.

-Amiguinho? - Me virei.

-Que feio, Mark. Brincando de sujar os outros... - Falou Jinyoung se sentando ao meu lado.

-Eu disse pra ele, mas ele não me ouve, é uma criança mesmo. - Respondeu Jackson com um ar de repreensão.

-Vá se ferrar que quem começou isso foi você!

-Eu? Prove então! - Jack respondeu me encarando.

-Tudo bem, tudo bem, será que eu 'to atrapalhando o casalzinho ai? Que parece que estão tendo uma briguinha. - Respondeu Jinyoung revirando os olhos.

-Nós não somos um casal! - Acabei falando ao mesmo tempo que Jackson e o encarei. - Não mesmo! Impossível isso.

-Exatamente. - Jackson bufou e voltou a comer.

-Amém silêncio! - Disse Jinyoung

-Falou a bicha escandalosa... - Retruquei baixinho.

-Do que você me chamou Senhor Tenho-Medo-De-Aranha? - Jinyoung se levantou e me encarou.

-Ei, calma, calma, brincadeira, só tava brincando...

-Já estou calmo.... Tudo bem... Parei... - Jinyoung suspirou.

-Certo, agora já está na hora de irmos não acha, Mark? - Disse Jackson olhando o horário no celular.

-Ah é verdade! - Me levantei, abracei Jinyoung e falei para ele depois de ter soltado-o - Vai aparecer na minha casa hoje?

-Talvez sim, talvez não, ainda não sei.

-Tudo bem, tchau, Jin! - Observei Jackson se aproximar de mim e logo saímos da lanchonete. Continuamos caminhando em sem falar nada até o moreno acabar com o silêncio.

-Você e aquele... Jinyoung... São tão íntimos assim? - Perguntou olhando pro chão

-Eu e ele... Bom, digamos que nós nos conhecemos desde... Sempre? É...

-Agora sim eu entendo o por quê de serem tão juntos... - Balançou a cabeça como se tivesse concordando com o que ele mesmo disse.

-Algum problema, Jack? - Questionei enquanto dava uns tapinhas nas costas dele.

-Não! Nenhum, Mark. - Sorriu finalmente me olhando. - Vamos logo, vamos acabar nos atrasando!

E fomos... Não tinha muito o que fazer por isso acabamos cedo e decidimos irmos embora cedo.
No momento em que pisei fora do edifício para esperar Jackson - que estava terminando de falar com Jaebum - foi quando percebi que estava chovendo. Era só o que me faltava. Olhei para o céu e logo para Jackson que já havia surgido ao meu lado.

-E agora? - Perguntei

-Vamos à cafeteria? Apenas até a chuva dispersar um pouco.

-Boa ideia....

E foi o que fizemos, fomos para a cafeteria mais próxima que tinha e entramos. Ao entrar acabei esbarrando em um garoto a qual nem pude ver direito.

-Desculpe! - Disse ao garoto que tinha esbarrado

-Sem problemas... -  O garoto disse e saiu da cafeteria correndo.

-Que foi, Mark? - Perguntou Jackson me observando.

-Nada... Eu acho... - Respondi me perguntando o por quê da pressa do garoto.

-Bom, vamos logo pedir algo, que eu estou com fome.

-Gordo, é isso o que você é!

~~~~~(Continua)~~~~~


Notas Finais


Então né povo, pra não atrasar mais, decidi deixar a ultima pequena parte do capítulo pra amanhã okay?

Até o aviso que sairá logo e o próximo capítulo que já será explicado algumas coisas no aviso ♥

Kissus.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...