História De cabeça pra baixo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gabriel "MrPoladoful", Matheus MoriMura Jordão, Originais
Personagens Gabriel Tenório Dantas, Matheus MoriMura Jordão, Personagens Originais
Exibições 16
Palavras 591
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Opaaa, boa leitura espero que curtam <3

Capítulo 3 - No onibus


Fanfic / Fanfiction De cabeça pra baixo - Capítulo 3 - No onibus

P.O.V Ana 

Estávamos todos sentados esperando os professores dividirem as duplas nos ônibus (por sorteio) Caramba acho que nunca orei tanto na minha vida. 

Carlos, meu professor, tirou um papel e leu: 

-Ana Lima 

A= Eu! 

C= Você vai ficar com....- No meu pensamento eu gritava RYAN BARROS, RYAN BARROS!!!!!!!- Rian? 

R= Ryan (Raian) professor- disse tentando esconder, falhadamente, um sorrisinho  

A= Se você quiser trocar, o Pedro tá sentado com a Sam. 

R= Por mim tá tranquilo, eles tão se dando bem, não conta pra Sam- ele sussurrou- Mas o Pedro gosta dela. Acho que ele deu bastante sorte. 

Eu ri. 

Lipe ficou sentado no meio dos "casais" Ryan e eu, Sam e Pedro. Entramos no ônibus e logo coloquei meus fones, ouvindo Martin Garrix- Don't Look Down (N/A eu recomendo é mt boa <3) Quando sinto alguém me cutucar, era Ryan: 

R= Você é sempre fechada assim? 

A= Não kkkk, só estou meio tímida, porque nos conhecemos tanto e tals, mas daqui a pouco me solto. 

R= Posso ouvir com você?- Ele disse apontando para os fones 

A= Claro! Não sei se voc- Fui interrompida quando ele gritou 

R= MEU DEUS! EU AMO ESSA MÚSICA 

A= Kkkkk, Eu também.  

Começou Sugar- Robin Schulz

Cantamos juntos: 

"Got me lifted, drifted higher than the ceiling, And ooh baby is the ultimente feeling, You've got me feeling so gifted 

SUGAR HOW YOU GETS SO FLY?" (Docinho como você fica tão estilosa/o) 

R= I was born this way (Eu nasci assim) -Falou cantarolando e eu ri, não sabia que ele era tão divertido

A= Achei que só eu conhecia essa música 

R= Eu também, parece que nos enganamos. 

Fiquei olhando feito boba até chegarmos. A gente estava no fundo do ônibus, nos ultimos bancos que eram um pouco altos, ele desceu e me deu a mão para eu me apoiar, acho que ele percebeu na escola o quanto sou desajeitada com altura. Lipe olhava feio pro Ryan, sabia que ele era ciumento, mas não a esse ponto. Quando fomos pegar os números das cadeiras decidimos sentar todos juntos. Fomos até a lojinha do cinema e compramos vários doces, quer dizer, Ryan comprou porque ele se recusou a me deixar pagar meus doces e minha pipoca, então decidimos que eu pagaria o refri pra ser justo. Ele é tão fofo. Entramos rindo na sala, pois o filme não havia começado. Conversamos muito: 

A= Amei sua roupa, na verdade sou apaixonada por gravata borboleta e suspensório. 

R=Sério? É dificil achar uma garota que goste. E eu curti essa tua saia do universo, sou fissurado em astronomia, tipo em estrelas mesmo sem esse lance de "signos"- ele diz fazendo aspas com as mãos e eu ri

A= Concordo, isso de signo é muita baboseira. Ah se você gostou da saia vai gostar ainda mais da minha mochila, você já deve ter visto, sou do 3° A.

R= AH então é você? Sempre quis saber de quem era pra roubar pra mim- Ele ri e eu também

A= Caramba, vai começar e com certeza o Steve vai ganhar. 

R= Duvido! Vamos fazer assim: Se o Steve ganhar eu te pago um sorvete, se o Stark ganhar você me paga um...- Ele fez aquela carinha ( ͡° ͜ʖ ͡°)

A= Meu Deus! Não faz essa pausa cara!

R=Ué, eu ia dizer um sorvete. Kkkkkkkk Sua safadenha- Corei- Relaxa, sou desses não- disse me abraçando <3 

O filme começou e continuamos abraçados, ficamos o filme todo e as cenas pós créditos assim. O abraço dele era tão bom. 

Continua....

 


Notas Finais


Hey mores <3 Logo logo continuo bjão da tia PandaCorn pra vcs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...