História De repente acontece - Capítulo 62


Escrita por: ~

Postado
Categorias Big Bang
Personagens T.O.P
Tags 2ne1, Bigbang, Daesung, Gdragon, Seungri, Taqeyang, Top
Visualizações 15
Palavras 260
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 62 - O que é isso?


Dormimos nus, acordo com o celular despertando, 8 da manha.

-hyun?

Ele está dormindo, eu desligo o despertador.

-hyun? Acorda.

Ele abre os olhos lentamente , e sorri.

-nossa eu cai no sono mesmo. Ele diz esfregando os olhos.

-deixei você cansado? Digo mordendo o lábio inferior.

-Você tá de brincadeira né? Não sabe com quem está brincando. Ele diz e sorri.

-vamos levantar que ta na hora. Puxo o braço dele, que levanta com dificuldade.

- ta bom então. Ele dá um salto da cama e me carrega! Me leva para o banheiro. Escovamos os dentes e tomamos banho, no banho ele me ensina a cantar. Ficamos cantando, eu memorizei a música que íamos cantar.

-você está ótima, aprendeu rápido. Saímos do banho e descemos para tomar café.

-Bom dia senhora park. Hyun abraça e beija a senhora park, que leva um susto.

-oh senhor hyun, está de bom humor hoje né? Ela sorri

-tem como não estar, minha namorada vai cantar comigo, vai ser tão emocionante.

Sentamos e comemos, a campainha toca, a senhora park ainda está nos servindo então resolvo atender

-deixa que eu atendo. Me levanto e vou em direção a porta.

Tem uma caixa de papelão pequena, olho para os lados e não vejo ninguem,pego a caixa e entro.

-o que é isso? Hyun diz parando na minha frente.

-não sei. Digo indo em direção do sofá para abrir a caixa.

-quer uma faca ou algo pra abrir? Diz a senhora park.

-não precisa. Respondo.

-deve ser de fã. Diz hyun.

-espero. Sussurro.

Pego minha pulseira que tem uma estrela meio afiada e rasgo a fita que lacra a caixa.

-o que é isso? Digo espantada.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...