História De Repente Princesa. - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo
Tags Lutteo, Romance, Sou Luna
Exibições 54
Palavras 481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Ficção Científica

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 19 - Capítulo 20


Luna
- Olá vadia! - digo olhando pra Sophie, que por um momento me fuzila com raiva mais depois faz cara de choro e se segura no Matteo. VADIAZINHA
S- O que eu te fiz pra você me tratar assim em Luna? Eu nunca te fiz nada. - diz com uma voz de choro mais falsa que eu já escutei. PUTIANE!
- Querida, você nasceu. Isso já é o maior problema que o planeta terra e eu já tivemos.- digo com um sorrisinho sínico. Percebo que Thallez e Matteo seguram o riso.- Olá Matteozinho, tudo bem? Só vim aqui pra te convidar pra uma festa a fantasia que vai ter no castelo, todos vão vim. Só que tem uma coisa: nessa festa não aceitamos vadias- olho pra Sophie e saio de lá. 
- como você ainda não percebeu ainda que a Sophie é só mais uma vadia? 
T-  como você sabe disso Luna?
- meus extintos nunca falham.
T- você tá encapetada ou o que?- reviro os olhos.
- Thallez eu vou ir pra casa, tenho que mandar os empregados começarem a arrumar a festa o mais rápido possível. Bye - bye.- digo saindo de lá.
T- se fantasie de bruxa, combina com você - grita o Thallez.
- Vai se fuder.- grito de volta.
5 horas depois.
Eu já estava vestida de bruxa, digamos que adorei a ideia de me vestir de bruxa. Já Ámbar estava vestida de diabinha. Eu que escolhi, falei que combina mais com ela.
Depois de ter quase tudo arrumado, começaram a chegar gente. Resumindo: meu castelo parecia um verdadeiro bordel, cheio de vadias. Deve ser coisa da Ámbar, tem um monte de meninas vestidas da coelinha da playboy, enfermeiras, e se for ver têm até algumas que estão do de calcinha e sutiã. Mais digamos que os meninos não estão nada mal, e não tem como não olhar para um marinheiro super gostoso e uma fadinha fofa, Gaston e Nina. ( Que a Nina nunca saiba que eu chamei o Gaston de gostoso. ) E também para um certo pirata, que no caso é Simón. Mas ele nao está vestido como um verdadeiro pirata que usa barba grande, e nem roupas do século 1. Ele só está com um colete, um short, e um tapa olho. Estávamos conversando, ate que escutamos uma voz de traveco e nos viramos. Só vi Thallez com uma calça rasgada, uma blusa com caveira, uma bota com saltinho e uma peruca se cabelos castanhos meios enrolados. NÃO TEM COMO NÃO RIR.
T- saiam da frente vadias!- Diz empurrando todo mundo com uma voz de gay.
- você... Tá... Vestido.. de mim? - digo entre risadas parecendo uma hiena com dor de barriga.
T- tá cega sua idiota? - diz tentando imitar minha voz. Acho que Thallez nasceu pra ser gay. Ou ele deve ganhar o melhor Oscar de 2016 ������.


Notas Finais


verdade ou desafio sai daqui a pouco *-*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...