História De volta ao jogo. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce, Gravity Falls
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dipper Pines, Iris, Kentin, Li, Lysandre, Mabel Pines, Melody, Nathaniel, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Soos Ramirez, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines, Violette, Waddles, Wendy Corduroy
Tags Amor Doce, Gravity Falls
Exibições 26
Palavras 733
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiii meus amores, espero que gostem desse capitulo e sem mais delongas, vamos para a fic!!!

Capítulo 2 - Bem Vindos a Gravity Falls


                                                                ~ P.O.V Castiel ~

Assim que cheguei no colégio dei de cara com o ônibus que irá nos levar para a tal Gravity Falls. A diretora disse que vamos ter umas aulas de anomalias com uns professores especiais. Vejo Lysandre se aproximar acompanhado de Rosalya e Alexy.

Rosalya: O que será que eles querem nos levando para o meio do nada? - disse olhando para Alexy.

Lysandre: Por que será que a Mabel não veio? - diz com um olhar perdido e triste.

Castiel: Não sei, mas será até melhor ela não vir - digo em um tom desinteressado - Depois do que ela fez eu quero distância.

Rosalya: Pois eu acho isso triste, ela era tão legal com todo mundo, mas a sua máscara caiu.

Percebi que após o comentário da Rosa o Lysandre ficou triste, ele realmente gostava dela. Um tempo depois a diretora pediu para nós subirmos no ônibus para ir para Gravity Falls. 

                                                           ~ Quebra de tempo ~

Assim que chegamos avistamos uma grande placa que diz Bem Vindos a Gravtity Falls .

Castiel: Que patético - resmungo até perceber que a professora Delanay estava me fuzilando com os olhos.

                                                              ~ P.O.V Lysandre ~

A cidade é bem simples, mas intrigante. Fiquei contente ao ver que tem uma floresta, mas fiquei surpreso ao ver uma grande casa ao lado, tem uma placa que diz Cabana do Mistério. 

Lysandre: Rosa, você viu aquela cabana ao lado da floresta? - perguntei curioso.

Rosalya: Não vi, é interessante? - ela perguntou olhando em meus olhos.

Lysandre: Não sei - respondi encerrando o papo.

Diretora: Chegamos alunos!

Descemos do ônibus e logo avistamos um grande prédio branco, parecia uma escola só que estava abandonada. Será que só eu percebi que esta cidade é deserta?

????: Não precisa ter medo, os moradores só estão trabalhando por isso a cidade não tem movimento.

Um homem estranho disse, fazendo todos nós olharmos para ele. Mas que porra é essa?, pensei olhando assustado para o mesmo.

Diretora: Alunos, esse é o sr. Stanford, ele será o responsável pelo aprendizado de vocês. - ela disse com um sorriso ameno no rosto.

Ambre: O que é isso na sua mão? - ela pergunta fazendo cara de nojo.

Nathaniel: AMBRE! - disse cutucando a mesma - Tenha mais educação.

Stanford: Tudo bem, e isso são meus dedos - disse mostrando suas mãos que tem 6 dedos em cada - Eu nasci com um dedo a mais em cada mão e isso fez despertar a curiosidade sobre anomalias que tem em mim. Agora vou apresentar os seus professores.

Alexy: Você não vai ser o nosso professor?

Sem dizer nada ele nos leva até uma sala onde só tinha um garoto que aparentava ter a nossa idade. 

Stanford: Antes de começarem, gostaria de dizer que ninguém é obrigado a participar da aula, os professores são meus sobrinhos e eles vão me avisar caso alguém esteja atrapalhando - disse num tom frio.

Depois disso ele se retirou junto com a diretora, o professor Faraize e a professora Delanay. Nós entramos na sala e...

????: Olá, me chamo Dipper e vou ser um dos professores de vocês. - ele disse com um sorriso simpático no rosto - Será que vocês poderiam se apresentar?

Todos ficaram surpresos quando olharam para o Dipper, não sei por que só sei que ele me lembra alguém. Depois que todos nós nos apresentamos ele disse que tem a nossa idade e que não ia esperar o outro professor chegar. Uns 20 minutos tinham passado quando ouvimos passos apressados.

????: CHEGUEI! - uma garota disse ao entrar na sala ofegante - Desculpa o atraso - eu me virei para cer quem era e era a Mabel.

Dipper: Está atrasada - ele disse sem olhar para ela.

Mabel: Desculpe - ela disse se aproximando do quadro - Ainda dá tempo?

Ambre: Caso você não saiba querida, o lugar de alunos fracassados é lá no fundo - disse rindo.

Mabel: Se eu fosse você teria mais respeito com a sua professora, Ambre - ela disse com um sorriso vitoriosa no rosto. Nesse momento Dipper se virou para a turma e assim pudemos ver a semelhança entre eles.

Dipper: Alunos, essa é a minha irmã gêmea, Mabel, ela vai dar aulas junto comigo.

Nesse momento todos os alunos a encararam com medo enquanto ela nos olhava com um olhar de Vocês estão ferrados.


Notas Finais


Espero que tenham gostado deste capitulo que eu fiz com muito carinho! Até amanhã<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...