História Dean e Eu - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jensen Ackles, Supernatural
Personagens Castiel, Dean Winchester, Sam Winchester
Tags Romance, Supernatural
Visualizações 25
Palavras 896
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Como cheguei até ele


Depois de muitos anos de estresse naquele trabalho sem futuro, aquela lojinha, naquela cidade pequena eu já estava quase sem esperança.

Simplesmente não me encaixava. Sou bagunçada demais. Gorda demais. Barulhenta demais. Sonhadora demais.

E não apenas sonhadora, mas por lutar por meus sonhos e não sentir vergonha de falar sobre isso eram comuns comentários como: " Você nunca vai ser uma diretora de cinema, ainda mais de filmes de Hollywood. Para trabalhar com isso você precisa falar inglês". Apesar de não ter o dinheiro para fazer um bom curso de inglês, eu me empenhei bastante e aprendi sozinha.

Mas os comentários continuavam " Você nunca vai ser uma diretora de cinema, ainda mais de filmes de Hollywood. Para trabalhar com isso você precisa fazer um bom curso, bons contatos, se mudar do Brasil...”

Eu fui vencendo obstáculo por obstáculo.

Mas o que ninguém sabia é que toda aquela determinação não era apenas fundada em minha carreira dos sonhos.

O que eu não dizia a ninguém é que meu verdadeiro sonho, o mais profundo desejo que guiava todas as minhas escolhas é que eu era uma “fangirl” das mais desesperadas por Dean Winchester. E por ele ser apenas um personagem de uma série eu me contentava em um dia conhecer o ator Jensen Ackles.

Dean é o amor da minha vida. Eu soube disso na primeira vez que pus meus olhos nele, e só confirmei a cada vez que um traço de sua personalidade se revelava nos episódios que eu assistia.

Seu jeito me encantava. Ele era corajoso, altruísta, engraçado mas na maior parte do tempo o humor era para esconder medo, tristeza a insegurança que afligia o seu coração. Nisso nós dois somos iguais, eu sempre uso uma piada para esconder algo que machuca. Isso sem dizer que ele é o ser mais lindo que meus olhos já tiveram o prazer de admirar.

Por motivos óbvios, eu não comentava com minhas amigas sobre o assunto, a não ser que fosse em tom de brincadeira. Fiz da minha loucura algo particular. E já que não conseguia negar meu amor dizia que tinha um crush pelo ator.

Não foi fácil conseguir alcança-lo. Comprei a passagem para Vancouver e me despedi de minha família, que juntou com muito esforço o suficiente para que eu vivesse lá por um mês.

Depois de praticamente acampar no set consegui um estágio não remunerado. No qual basicamente eu iria basicamente fazer tudo e qualquer coisa que os produtores mandassem.

O pior de tudo é que Jensen nem viria para aquela locação.

Mas em meu íntimo eu tinha certeza que o dia em que eu estaria frente a frente come ele, esse dia ia chegar

Depois de muitos anos de estresse naquele trabalho sem futuro, aquela lojinha, naquela cidade pequena eu já estava quase sem esperança.

Simplesmente não me encaixava. Sou bagunçada demais. Gorda demais. Barulhenta demais. Sonhadora demais.

E não apenas sonhadora, mas por lutar por meus sonhos e não sentir vergonha de falar sobre isso eram comuns comentários como: " Você nunca vai ser uma diretora de cinema, ainda mais de filmes de Hollywood. Para trabalhar com isso você precisa falar inglês". Apesar de não ter o dinheiro para fazer um bom curso de inglês, eu me empenhei bastante e aprendi sozinha.

Mas os comentários continuavam " Você nunca vai ser uma diretora de cinema, ainda mais de filmes de Hollywood. Para trabalhar com isso você precisa fazer um bom curso, bons contatos, se mudar do Brasil...”

Eu fui vencendo obstáculo por obstáculo.

Mas o que ninguém sabia é que toda aquela determinação não era apenas fundada em minha carreira dos sonhos.

O que eu não dizia a ninguém é que meu verdadeiro sonho, o mais profundo desejo que guiava todas as minhas escolhas é que eu era uma “fangirl” das mais desesperadas por Dean Winchester. E por ele ser apenas um personagem de uma série eu me contentava em um dia conhecer o ator Jensen Ackles.

Dean é o amor da minha vida. Eu soube disso na primeira vez que pus meus olhos nele, e só confirmei a cada vez que um traço de sua personalidade se revelava nos episódios que eu assistia.

Seu jeito me encantava. Ele era corajoso, altruísta, engraçado mas na maior parte do tempo o humor era para esconder medo, tristeza a insegurança que afligia o seu coração. Nisso nós dois somos iguais, eu sempre uso uma piada para esconder algo que machuca. Isso sem dizer que ele é o ser mais lindo que meus olhos já tiveram o prazer de admirar.

Por motivos óbvios, eu não comentava com minhas amigas sobre o assunto, a não ser que fosse em tom de brincadeira. Fiz da minha loucura algo particular. E já que não conseguia negar meu amor dizia que tinha um crush pelo ator.

Não foi fácil conseguir alcança-lo. Comprei a passagem para Vancouver e me despedi de minha família, que juntou com muito esforço o suficiente para que eu vivesse lá por um mês.

Depois de praticamente acampar no set consegui um estágio não remunerado. No qual basicamente eu iria basicamente fazer tudo e qualquer coisa que os produtores mandassem.

O pior de tudo é que Jensen nem viria para aquela locação.

Mas em meu íntimo eu tinha certeza que o dia em que eu estaria frente a frente come ele, esse dia ia chegar



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...