História Dear Butterfly - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan
Tags Contrato, Louis Tomlinson, Olivia Cowell, One Direction, Romance
Exibições 56
Palavras 1.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


LEIAM AS NOTAS FINAIS

Capítulo 30 - We are dating? Yes we are.


You are here, so am i
Maybe millions of people go by
But they all disappear from view
And i only have eyes for you

-I Only Have Eyes For You, Glee.

LEIAM AS NOTAS FINAIS!

P.O.V. Olivia

Louis não tinha voltado no domingo, então eu previ que ele ficou bebendo com os meninos até altas horas, então eu acabei dormindo sozinha. Acordei já com sono. Hoje seria mais um dia chato, se Kate não tivesse me ligado, tipo umas cinco horas da manhã gritando igual louca. Não que ela já não seja louca. Ela disse em meio aos gritos, coisas como: “Carta”, “Faculdade” e “Sonho”. Então ela me forçou a me arrumar o mais rápido possível para poder encontrar ela.

Eu tomei o banho mais rápido da minha vida, vesti uma calça jeans azul clara, meio rasgadinha. Uma blusa branca, com desenhos de estrelas pretas. Calcei uma botinha preta, coloquei também uma camisa xadrez vermelha por cima e peguei minha mochila. Desci as escadas e caminhei até a cozinha, peguei uma maçã e saí de casa.

Eu encontrei Kate no hall do prédio, ela estava conversando com o Jason -Porteiro gato que todo mundo quer pegar-. Eu caminhei até ela e a mesma me abraçou. Eu comecei a rir e nós saímos do prédio.

-Pode me falar agora o motivo de você ter me ligado cinco horas da manhã?- Perguntei enquanto caminhávamos.

-Leia esse papel.- Ela disse sorridente, levantou um papel e eu o peguei.

-Querida senhorita Kate Holteys.- Li em voz alta. -Blá-blá-blá…- Passei os olhos por todo o papel até chegar na parte importante.- Temos o grande prazer em informar, que foi aceita para o teste da faculdade de música e artes cênicas de New York, Juilliard.- Eu li e comecei a gritar.- PARABÉNS!

-E a sua? Já chegou?- Kate perguntou e meu sorriso sumiu.

-Ainda não. Mas eu espero que chegue.- Sorri sem mostrar os dentes e nós paramos em frente à escola.

-Você sabe quem vai ser a organizadora do baile?- Ela me perguntou enquanto entrávamos na escola.

-Não. Quem? Eu queria ajudar.- Eu falei e ela assentiu.

-A cobra dos cabelos oxigenados.- Eu ri e bufei.

-Ela deve estar achando que vai ser a rainha do baile.- Falei e Kate riu.

-Falando nisso, vão falar hoje quem são as candidatas.- Ela falou enquanto eu abria meu armário.

-Nem parece que já vamos nos formar…- Eu falei e ela assentiu.

-Eu nunca entendi o motivo do baile ser antes da formatura, que gente louca.- Ela disse e nós entramos na sala de artes.

O sinal tocou e os alunos chegaram na sala de aula praticamente correndo. A professora chegou e começou a conversar com a gente. Por algum motivo, ela disse que tinha que sair e não poderia nos dar a aula. A gente se segurou por um tempo, mas depois que ela saiu, toda a sala gritou.

-Olivia, OLIVIA!- Julie, uma colega minha, veio até mim correndo.

-Credo, não precisa gritar. Fala o que você precisa.- Falei e ela assentiu.

-Tá rolando um boato por toda escola que você é uma das candidatas à ser rainha do baile.- Ela disse eu ri.

-É mentira. Olha pra mim e me diz se eu tenho cara de quem vai no baile.- Eu falei e ela revirou os olhos.

-Minha filha, fica quieta.- Kate disse e eu bufei.

-Enfim, você vai descobrir se é verdade daqui a pouco. O diretor vai falar em uns seg…- Julie foi interrompida pelo barulho do microfone do diretor.

-Bom dia alunos, hoje eu vou falar o nome dos escolhidos à rainha do baile e rei do baile. Apenas os alunos do terceiro ano.- Ouvimos alguns “UH”. -Os escolhidos para o rei do baile, são: James Finnter.- Ouvi gritos de felicidade da sala ao lado. -Aaron Manthes.- Mais gritos de outra sala. -Noah Yater.- Nós gritamos, Noah estava na nossa sala. -E por fim, Sam Whaner.- Mais gritos.- Agora, as escolhidas para rainha, são: Ravena Bourblechard.- Ouvimos gritos. -Jenna Poonter.- Nós rimos.

-Jenna-pescoço-quebrado?- Eu perguntei e todos riram mais ainda. Uma vez nós estávamos fazendo um experimento com uma galinha e por algum motivo, que ninguém descobriu, ela quebrou o pescoço do pobre animalzinho.

-Continuando… Lindsay Quater.- Revirei meus olhos e alguns bufaram. -E por último… Olivia Cowell.- Eu dei um grito e todos na sala também gritaram e me abraçaram.

-Tá brincando!- Eu gritei e nós rimos.

-EU DISSE!- Julie gritou do outro lado da sala.

-VOCÊ VAI GANHAR, OU EU MUDO MEU NOME PRA KATY.- Kate gritou e eu ri.

-ALGUÉM SABE ONDE A GENTE VAI PRA MUDAR O NOME?- Eu gritei e todos riram.

-E aí gente.- Noah disse sorrindo. -Acho que todos aqui presentes já sabem quem vão ser os próximos reis dessa escola.- Ele disse me abraçando.

-Majestade…- Kate fez uma reverência e eu ri.

**

Depois que a aula acabou, eu e Kate fomos para o meu apartamento. Louis ainda não havia chegado. Eu pensei que ele podia ter sido sequestrado, ou já estava morto e com o corpo boiando no oceano. Mas daí, a Kate me disse que ele estava com Liam e os outros.

Depois de mais ou menos uma hora, Kate foi pra casa e eu fiquei atirada no sofá da sala. Eu estava assistindo um filme de terror e comendo pipoca, quando Louis chegou e eu quase tive um infarto. Ele se sentou do meu lado e e riu, pegou um pouco da pipoca e olhou para a televisão. Eu fiquei olhando pra ele por uns segundos -Talvez minutos- e quase babei, literalmente.

-Você deveria ser mais discreta.- Ele disse me imitando.

-Você deveria ser menos chato.- Eu disse e ele riu.

-Você deveria ser mais legal com seu namorado.

-Quer dizer então que nós somos namorados?- Perguntei e ele sorriu.

-Se a senhorita me der esse hora…- Ele disse e eu ri.

-Sim.

-Espera, eu nunca cheguei até essa parte…- Louis disse e eu ri ainda mais.

-Agora você diz coisas fofas.

-Coisas fofas.- Eu revirei os olhos e ele sorriu.

Continua...


Notas Finais


TÁ, EU SEI QUE TÁ HORRÍVEL.
SÓ PRECISO QUE ME RESPONDAM.
1- ENROLO MAIS UM POUCO E ACABO A FIC.
2- FAÇO MAIS UNS CAPÍTULOS, TERMINO E FAÇO UMA SEGUNDA TEMPORADA.
ESCOLHAM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...