História Dear Emma; - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jennifer Morrison, Lana Parrilla, Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, Emma Swan, Henry Mills, Jennifer Morrison, Lana Parrilla, Regina Mills (Rainha Malvada), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Jennifer, Lana Parrilla, Ouat, Romance
Visualizações 44
Palavras 427
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capítulo 5


 

Dear Emma; 

Eu estou escrevendo essa carta em um papel velho, com uma caneta que não me pertence, na mesa de um bar, eu estou bebendo como eu nunca bebi Emma, e eu só penso em você, foram exatamente cinco homens e duas mulheres que chegaram em mim nesse pouco tempo que eu estou no bar e eu não consegui ficar com ninguém, pois eu estou tão fodida, tão presa a você que isso fez você ser a única que me interessa. 

Swan eu olhei para a última mesa do bar, bem no escuro e você está lá, EMMA ESTAMOS NO MESMO BAR, eu consigo sentir você, sua energia, sua mágia, você parece acabada de novo, será que é por isso que estou assim? Por você estar acabada essa tristeza inexplicável tomou conta do meu peito. Emma eu vou falar com você, e escreverei tudo aqui. 


Swan já é dia... Bem nós nos acertamos, somos amigas assim como antes, vou te contar o que aconteceu na madrugada. 


[...]

Eu me sentei na sua mesa, exatamente ao seu lado, e você me olhou com um ar de tristeza e não disse nada. 

-Swan?! O que faz aqui?- perguntei autoritaria


-não o mesmo que você pelo visto- você disse olhou para um rapaz que estava me encarando a algum tempo. 


-O que está insinuado, miss Swan? -perguntei


-Eu não estou insinuando nada, eu estou dizendo que você está de troca de olhares com aquele idota- disse você em um tom mais alto.


-Não estou e se estivesse, de que te importa?- perguntei olhando no fundo dos teus olhos.


-Importa porque você é minha, Regina e eu não permito que fique com mais ninguém- disse você se aproximando. 


-ESTÁ DOIDA, SWAN? EU SOU SUA? VOCÊ ESTÁ NOIVA DAQUELE BOSTA, DAQUELE PIRATA IMUNDO!- Gritei.


-EU NÃO ESTOU NOIVA DELE, NÃO MAIS- você disse no mesmo tom.


-Obrigada por dizer que sou sua segunda opção, mas pode me descartar da sua listinha- disse pegando minha bolsa e saindo quando sinto você me puxando. 


Swan você me beijou, eu relutei, tentei fugir, mas me rendi, se você acha que isso foi o início de uma bela noite está enganada, você me largou e saiu, você saiu sem olhar para trás.


Hoje no café da manhã eu fui para o granny's andando, e vi você beijando o pirata, e pareci um beijo intenso, um beijo de amor. 

Swan você me usou e nada mais restou de mim, eu estava por completo destruida, não por completo pois ainda existia o Henry. 

saiba que eu não deixei de te amar... mesmo depois disso.


~Mills, Regina









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...