História Dear Possessive Angel - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dolan Twins, Gigi Hadid
Personagens Ethan Dolan, Gigi Hadid, Grayson Dolan
Exibições 6
Palavras 1.563
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Saga
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 2


Fanfic / Fanfiction Dear Possessive Angel - Capítulo 2 - 2

                                                                                          Sentidos?

P.O.V GIGI

Acordo com minha irmã Bella entrando em meu quarto e me acordando para tomar café com ela já que a mesma vai trabalhar e eu não. Levantei um pouco rápido então como sempre senti aquela tontura mas ignorei,fui ao banheiro e fiz minhas higienes matinais e aproveitei para arrumar meu cabelo,troquei de roupa colocando uma blusona minha de um time de baseball e um short preto,pois como eu disse não sou uma pessoa que sente muito frio; Desci para a cozinha e encontrei Bella com suas malas prontas para a viagem a negócios que ela teria já que a mesma era advogada.

-Bom dia-disse sem muita alegria

-Bom dia-disse me entregando um prato com baicon,ovos e um copo de suco.Bem típico não é mesmo.- Você sabe como terá que cuidar da casa e o dinheiro para o mercado está na minha primeira gaveta.Quando faltarem quatro dias para você voltar a trabalhar eu coltarei de viagem,ou seja,daqui a um mês eu vou estar de volta.-assenti revirando os olhos já que ela tinha dito a mesma coisa ontem- Eu te amo maninha-recebi um beijo molhado na testa e a minha irmã foi-se embora.

Após o café eu me sentei no sofá e fiquei lembrando de tudo que aconteceu ontem. Eu realmente não demonstrei nervosismo e nem reagi de uma forma estranha mas  até agora estou tentando entender o que está acontecendo. Por que comigo?. Isso é muito confuso. Fiquei pensando nisso até que escuto meu celular apitar lá em cima e voltei para meu quarto para pega-lo;Assim que entro em meu quarto pego meu celular e vejo uma mensagem de Alexia falando para eu ir pegar meu salário depois das 4:30 PM,bem ainda eram 10:12 AM então eu acho que vou fazer algo.

Desci para a sala e peguei uma cadeira da mesa e a levei para o meu quarto,subi na mesma e fiquei na ponta dos pés para poder pegar uma caixa com os desenhos que eu fazia quando pequena. Viajei um pouco em meus pensamentos e me desequilibrei um pouco deixando a cadeira cair e assim aconteceu o desastre,a caixa caiu na minha cabeça e eu me esborrachei toda no chão. Uma dor em minha cabeça começou a surgir e para tentar evita-la eu fecho meus olhos fortemente mas não estava adiantando então abro meu olhos;Quando os abro dou de cara com Ethan e Graysson com um copo de strabucks e suas mãos me olhando de um jeito indecifrável,tentei não dar a miníma e sinto novamente minha cabeça doendo mas não tanto como antes.

-O que fazem aqui?-pergunto sem os olhar e pego a caixa a levando para minha cama.

-Tudo que você sente eu sinto esqueceu?-disse Graysson com uma de suas sobrancelhas levantada.

-Desculpa-digo ainda sem o olhar -Mas se acostume,eu sempre me machuco então uma dica -o olho- tira essa coisa de ligação antes o possível .

-Se dependesse de mim-disse abaixando o tom,me fazendo quase não escutar 

-Pra que essa caixa?-pergunta Ethan mudando de assunto.

-Nada de mais-digo simples

-Você nos fez vir aqui achando que tinha se machucado por causa de uma caixa e diz que era "nada de mais"- Graysson se altera.

-Tá e em que momento eu pedi para que vocês viessem aqui-disse sarcástica e os dois me olham. -Já viram que eu tô bem então podem ir já que vieram por nada-abri a caixa e vi meus desenhos antigos e entre eles um desenho de um homem de olhos brancos e um colar por cima do desenho. -O que é isso?-pergunto para mim mesma pegando o sedenho e o colar que era um triângulo com uma bolinha e um risco no meio (o símbolo das relíquias da morte em Harry Potter).

-Como você pode ter recebido o isso tão cedo-disse Ethan apontando para o colar o que me deixou confusa.

-O que exatamente é isso?

-É o símbolo de bruxos e bruxas de uma sociedade antiga onde só os melhores bruxos vivem.- Graysson explica e eu me assusto um pouco

-Ok acho que agora sim eu não estou entendendo mais nada-olhei novamente para a caixa e joguei todos os desenhos na cama e juro que a maioria dos desenhos tinham o mesmo homem de olhos brancos desenhado.

-Quem é esse homem que você tanto desenhou?-pergunta Ethan

-Nem eu sei,eu tinha dez anos quando desenhei. Mas agora me explica essa sociedade de bruxos e essas coisas direito porque eu não estou entendendo nada desde ontem.

-Mais lerda não existe-Graysson revira os olhos.

-Essa sociedade antes era formada por quatro bruxos: Zarkia, Keylan, Vlad e Demitri. Eles era como uma familia real das pessoas com poderes e tudo era uma maravilha enquanto eles governavam mas um dia Vlad mexeu com as sombras e isso gerou uma enorme briga entre ele e seus irmãos. Envenenado pelas trevas ele matou seus irmãos e deixou sua única irmã viva: Zarkia que lutou contra seu irmão causando sua morte. Zarkia governou por longos trinta anos até sua morte,por ela não gerar filhos os grandes bruxos acabaram virando lenda e a sociedade acabou se dividindo.-explicou Ethan enquanto eu olhava para ele atenta Agora você como todos nós que temos poderes temos que nos desenvolver para quando atingirmos uma certa idade lutarmos contra um mal que o grande Oraculo previu. Por isso estamos aqui.-terminou

-Que mal é esse?

-Se a gente soubesse ele teria te dito não acha-Eu acho que esse Graysson não foi com a minha cara.

-Se é assim temos que começar o mais rápido possível-disse me levantando

-Finalmente ela disse algo que presta- Graysson disse sarcástico

-Vamos começar agora,mas vamos para um lugar mais arejado- Ethan segurou em minha mão e tudo ficou meio abstrato até que eu vejo árvores. Ao sentir seu toque em minha mão eu pude sentir uma dor que ele sentia e era forte,eu não sei explicar,estava me machucando na área do peito e parecia como se estivessem passando a faca pelo seu peito lentamente. Assim que enxerguei que estavamos no parque eu soltei rapidamente sua mão  e me ajoelhei no chão colocando minhas mãos no peito.

-O que foi isso? -Graysson pergunta e me levanto indo até Ethan que olhava sério para tudo que acontecia e coloco minha mão em seu peito mas parecia tudo normal. O que aconteceu?.

-O que aconteceu?-pergunta Ethan sem entender nada

-Quando a gente veio pra cá eu senti uma dor vindo de você,era como se estivessem passando uma faca no seu peito e brincando,desenhando sabe?

-Será que não foi uma visão?-Graysson disse surpreso 

-Não pode ser,duas em cem porcento das pessoas com poderes podem ter visões-Ethan disse negando com a cabeça

-Acho que ela faz parte desse dois porcento-Me surpreendi com Graysson já que ele é sempre um babaca

-Ok vamos esquecer isso e mostre o que consegue fazer!-disse Ethan. 

-Mas eu até hoje só sei fazer fogo e água aparecerem na minha mão

-Beleza então suas bases são o fogo e a água. Tenta fazer o fogo se espalhar pelo seu corpo e não só pela sua mão-disse Graysson- Tenta imaginar como ele deve ser,imagina que você é uma pessoa curiosa e quer sentir o fogo.

Primeiramente comecei fazendo ele aparecer em minhas mãos e logo eles foram passando para os meus braços,pescoço,cintura,perna... e eu estava pegando fogo. Acho que o fogo não me afeta pois eu não senti nenhuma mudança de temperatura no meu corpo. Senti um cheirinho de queimado e vi minha blusa ficar com algumas marcas laranjas e desfiz o negócio que eu fiz.

-Muito bem,mas seu fogo e bem mais quente que o normal.Você não sentiu algo de diferente no seu corpo? como ele estava mais quente?

-Não Ethan não senti nada e sobre a temperatura eu não sei se isso é algo meu ou sei lá mas eu sempre estou com calor e não sinto frio nem muito calor.Quanto a isso do fogo,bem pra mim ele estava meio morno.

-ela deve ter como base mesmo o fogo,ela não sente frio,não sente muito calor e aquela porra tava morna pra ela-Graysson se queixa 

-Pode ser bro. Agora tenta fazer outra coisa,tenta ver o que eu vejo-disse Ethan

-Não. Veja o que eu vejo-Graysson esticou seu braço para que eu pegasse já que seria mais fácil.Vou até ele e pego direto sua mão não seu braço o que o deixa meio sem jeito. Entrelacei nossos dedos e fechei os olhos para me concentrar. -Eu serei seus olhos e você me diz o que você vê-disse com uma voz rouca que só por deus.

-Tá....eu-forcei mais para enxergar algo.- Vejo uma pedra,vejo sua mão com alguns desenhos- forcei mais e escutei ele falando para o Ethan fazer alguma coisa - Eu ouvi você falando pro Ethan fazer alguma coisa-ele solta minha mão  e eu abro meus olhos vendo os dois me olharem estranho.

-Ele não disse para eu fazer alguma coisa-disse e eu fiquei com medo

-Eu juro que ouvi ele falar pra você fazer algo!

-Eu tava pensando em falar isso pra ele-disse Graysson - acho que deu por hoje né,vamos levar ela pra casa-disse e segurou em minha mão dessa vez. Senti que ele  estava nervoso,ou timido não entendi. 

-Por que você é tão grosso comigo?-perguntei enquanto estavamos nos teletransportando.

-Não sou grosso só....sei lá- agora sim ele ficou mais timido.

-Ok-chegamos em casa e ele sumiu de volta,acho que foi embora.


Notas Finais


Desculpa o cap bostinha mas vai melhorar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...