História DEATH NOTE - Lados Opostos - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Death Note
Personagens Beyond Birthday, L Lawliet, Matt, Mihael "Mello" Keehl, Nate "Near" River, Personagens Originais, Watari
Tags Akemi, Anime, Beyond Birthday, Death Note, Lawliet, Policial
Visualizações 41
Palavras 1.032
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Depois de muitos dias sem atualizar aí está ... Espero ter gostem ❤ desculpem pela demora...

Capítulo 9 - Tortura


Fanfic / Fanfiction DEATH NOTE - Lados Opostos - Capítulo 9 - Tortura

-Você irá pagar Helena... Irá aprender à me obedecer!


Gritou Beyond segurando meu rosto com ambas as mãos, o mesmo então abriu um sorriso sínico e aproximou os lábios do meu ouvido.


-Você tem me aborrecido muito nestes últimos dias... Eu poderia ficar aqui e continuar à bater em você, porque é isso que animais e traidores como vocês merecem... Mas tenho uma ideia melhor.


Disse o mesmo puxando meus cabelos em um ato inesperado.


-AI!!! 


Gritei por conta da dor, Beyond pareceu não se importar e me arrastou até a porta de sua sala, tentei me afastar e me livrar dele porém fui impedida por um soco no estômago. Qualquer movimento para resistir seria inútil.

O mesmo abriu a porta e passou à me arrastar pelo corredor vazio e escuro cercado por portas de metal que mais pareciam grandes cofres blindados. Meu corpo doía à medida que minhas pernas e braços arrastavam no chão, já com lágrimas nos olhos pude ter uma noção do que Beyond pretendia fazer comigo.

Fui arrastada até uma sala que conhecia bem, a sala de experiências. 


-Está preparada Helena?


Perguntou Beyond com um ar sério, o mesmo então me jogou com força contra a parede, senti o sangue escorrer do canto da minha cabeça por conta da batida, me sentia fraca e meus olhos pesavam. Vi Beyond dar alguns passos em direção ao armário de ferramentas e equipamentos para tortura e após pegar algumas delas o mesmo andou até mim.


-Não vou mentir... Isso vai doer... E muito... Mas você pediu... E então? Está preparada Helena?


Disse ele passando a ponta de um canivete sobre meus lábios fazendo meus olhos lacrimejarem.


* Akemi off *


* Carly on *


Havia acabado de sair de mais uma seção da experiência de Beyond. À cada ida até aquela sala sentia que estava perdendo cada vez mais as poucas memórias que eu tinha  sobre meu passado, sobre quem eu realmente era.

Eu já tive uma casa? Já tive amigos? Já tive família? Essas eram algumas das perguntas das quais eu nunca teria as respostas. Beyond havia apagado minhas memórias e sentia que aos poucos eu seria apenas como uma máquina sem lembranças e sentimentos que poderia ser facilmente controlada por ele.


-AAAAHH!!! 


Despertei de meus pensamentos ao ouvir gritos que pareciam ser de dor vindos do lado de fora, provavelmente de alguma sala ali perto. Por estar trancada em meu próprio quarto não pude saber o que estava acontecendo, mas conseguiria distinguir a voz dona daqueles gritos de longe, Helena, alguém estava fazendo algo à ela, estavam machucando ela.

Não aguentava mais ver as pessoas que amava sofrendo, meu maior desejo era me livrar de Beyond de uma vez por todas.

Sem ter o que fazer para ajudar Helena apenas me ajoelhei em frente à cama e juntei as mãos.


-Por favor... Não deixe nada acontecer com ela... Não deixe ela morrer... Ela é a única pessoa que eu tenho... Por favor...


Falei com lágrimas nos olhos enquanto Helena gritava cada vez mais.


* Carly off *


* L on *


Após receber tratamento e cuidar dos ferimentos que o tiro no ombro havia me causado fui encaminhado até um quarto de hospital, segundo a enfermeira eu ficaria em observação por alguns dias e depois receberia alta.

A imagem de Akemi não saía de minha cabeça, ainda não conseguia processar o que havia acontecido mais cedo. Akemi, minha Akemi estava viva, durante dois meses acreditamos que a havíamos perdido e como num passe de mágica Akemi retorna à nossas vidas da maneira mais inesperada possível. Por algum motivo a mesma estava trabalhando para Beyond, meu maior inimigo. Não entendia o porque de tudo aquilo, Akemi estava diferente, a Akemi que conhecia nunca nos trairia daquela forma. Porém algo naquele reencontro inesperado me chamou atenção.

Quando a chamei por seu nome a mesma pareceu confusa. " Não sei do que está falando ". Essas foram suas palavras antes de atirar em mim. Aquilo me deixou intrigado, poderia Akemi estar falando sério? Ela realmente não sabia do que eu estava falando? Ela não se lembrava de seu próprio nome? Com certeza Beyond havia feito algo com ela, algo que mexeu com sua mente e isso não iria ficar assim.


-Lawliet?


Ouvi uma voz familiar e me virei em direção à porta vendo Naomi e Nathan entrando pela mesma, Naomi correu até mim e com cuidado me abraçou. Nathan apenas sorriu e andou até nós.


-Que bom que você está bem... Ficamos preocupados...

-Foi só um tiro no ombro, eu não corria riscos...

-De qualquer forma acho que devemos falar do que aconteceu mais cedo, não acham? 


Perguntou Nathan.


-Acho melhor não Nathan... L acabou de sair de uma cirurgia e...

-Tudo bem Naomi...

-Tem certeza? Acha que está pronto para falar...

-Sobre Akemi? Estou sim, quero descobrir o que aconteceu, o porque de mesmo estando viva esse tempo todos ela não tenha voltado para nós, o porque ela estava contra nós e atirou em mim, com certeza deve haver uma explicação lógica para isso...

-É claro que tem...  Akemi está trabalhando para Beyond... Isso é evidente...

-Mas... Por que ela faria isso? Akemi nunca nos trairia...

-Foi exatamente o que pensei e após analisar a situação cheguei à uma conclusão... Podemos estar lidando com alguma perda de memória... Akemi parecia não saber quem era e só estava seguindo ordens, tenho certeza de que Beyond fez algo à ela...

-Mas por que ele faria isso? Por que não a matou quando teve chance? E se Akemi tiver mesmo perdido a memória... Como isso aconteceu?

-Essas são perguntas que podemos demorar à achar a resposta, mas precisamos tentar de tudo para tirar Akemi de perto de Beyond... Essa é nossa prioridade agora... 

-Mas Lawliet, olhe só pra você... Não está em condições de...

-Near...

-O que?

-Near receberá alta dentro de vinte e quatro horas segundo as informações de um de seus homens, por isso tomei a decisão de colocá-lo em meu lugar até que eu possa trabalhar de novo... Ele será o responsável pelas buscas de Akemi e vocês obedecem à ele de agora em diante...


Falei, todos pareceram um pouco surpresos mas acabaram aceitando facilmente, afinal, Near era meu substituto.


-Certo Lawliet... Faremos de tudo para achar Akemi... Vamos tirá-las das garras de Beyond...


Disse Nathan sorrindo, retribuí o sorriso, eu confiava neles, e tinha certeza de que em breve teríamos Akemi de volta.


 


Notas Finais


Obg por lerem ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...