História Decidi escreve um diário mt troxa da minha vida merda - Capítulo 4


Escrita por: ~, ~Harley_quinnn, ~OtakudaSilva e ~B1SC0170

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial Loco, Desenhos, Maconha Suave, Nerdisse, Pão, Retardadas, Trouxas
Exibições 15
Palavras 384
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Desculpa por não ter postado capítulo mais pensem

Semana de prova + enjôo + curso

Fica meio pesado

Capítulo 4 - TIU LÚ ATACA


Tava aqui mexendo no pc e pá quando de repente

— TUUMMMMM - bateu uma fodida vontade de vomita

— huuummm blus *le ingole vomito- Vóoooo

-vó-— que foi filha

— cadê aquele remédio pra enjôo de ontem? (Sim eu to passando mal faz uns três dias)

-Vó-— ta na pratilera

—ok, vo toma banho antes

Ai que começa as trolagens do tiú lu (sp, quem entender comenta, please)

Coloquei a melhor música do fuking mundo "BREAK MY MIND" VERSÃO PT BR, HUEHUE

—ENTÃO SEGURE FIRME SUA UNICA MUNIÇÃO, OS CORREDORES SÃO CHEIOS DE MEDO E ESCURIDÃO. . . .

—O PUSHTREP NÃO ESPERA FIQUE ATENTO OU JÁ ERA, OBSERVE A CADEIRA QUE O TEMPO JÁ SE VAI

—FORÇAS A RETORNAR PARA EM SEUS SONHOS TE ATORMENTAR, NÃO HÁ COMO ESCAPAR, SÓ CHORAR E SE DESESPERAR

—QUEBRE, QUEBRE, QUEBRE MINHA MENTE, QUEBRE ATÉ DESCONTROLAR, LEVE MINHA CABEÇA A UM DELÍRIO OU ME DEIXE EM PAZ. . . .

Ai meus amigos eu vo e desligo o chuveiro e no primeiro passo que eu do pra fora a música trava, ai bate

—TUUMMMM - corro pra pia e do uma gorfada segurando pra não vomita, até porque ta sem comida aqui em casa. . . . .

Me visto e vo na cozinha e tomo o remédio com vontade de chora porque odeio toma remédio. . .

Me sentei na minha poltroninha do século 20 antes de Cristo e olha pra cozinha e na mesma hora a porta abre e eu com toda minha santa inteligencia vo até lá LIGO a luz da cozinha e olho o relógio 21/37.

Ai do nada tio lu fica entediado e faz a porra do relógio girar au contrario, AO CONTRARIO, tá.

Só que o filho da puta caiu

—HAAAAAAAAAIAAA - (juro que gritei mais fino que o Cellbit)

-vô-— se ta bem ??!!

-Vó-— filha, meu deus

A minha vó veio e passo a mão na minha cabeça, eu tava chorando muito, mais não por causa do susto e sim porque uns cacos de vidro pegaram minha perna e cortaram meu joelho esquerdo e arranhado todo o resto. . . . . ai ai

—fung* . . q-que bo-bosta haha

To cheia de curativo agora

—ok, tá tudo bem, calma filh- PUTA QUE PARIL - todos os meus cadernos tavam jogados e tinha a porra de uma barata em cima deles

— quer saber, Foda-se, vô durmir.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...