História Deep Inside - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 56
Palavras 351
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drabble, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Lemon, Musical (Songfic), Orange, Romance e Novela, Slash, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, olá, muito obrigado a Ksis e a Prilicia que me incentivaram muito nos comentários <3 eu amo muito vocês <3
E essa one é dedicada pra vocês <333
Boa leitura!

Capítulo 2 - Your arms released me


Sua calda em tons turquesa se movia inquieta sob a água, ao longe seus olhos dourados enxergavam velas negras sem nenhum tipo de identificação. Com a aproximação pôde ver uma forma semelhante à sua entalhada na frente do navio. Já era possível ouvir os gritos da tripulação, e a criatura submergiu mais no oceano, nadando até a parte rochosa perto da costa. Observando dali, via tantas faces diferentes, ao mesmo tempo que eram tão semelhantes em seus gestos, mas um marujo em especial pegou sua atenção, seus cabelos loiros bagunçados e a devoção que havia em seu olhar ao que fitava a imensidão azul. Seu corpo aparentava ser frágil demais para estar entre um bando de saqueadores que arriscavam suas vidas diariamente, mas a paixão que emanava dele já explicava qualquer dúvida que o tritão pudesse ter.

A criatura sentia pena daquele humano, tal devoção não era sentida por si há tanto tempo que ver aqueles olhos castanhos tão cheios de dor e paixão, tocou-lhe. Quando o navio ancorou perto dos rochedos não pôde mais contemplar o humano, mas a distância não duraria muito. O loiro foi um dos últimos a desembarcar, e um frio correu pela espinha do ser sem nome, levantando suas escamas ao que se questionava se valia mesmo a pena arriscar-se por um simples humano. E quando o mesmo lançou um olhar doloroso para a água, não querendo abandona-la, decidiu-se que salvá-lo valeria todos os riscos.

Emergiu levemente, deixando seus orbes brilhantes à mostra, preparando-se para fugir caso algo desse errado. Mas seu humano foi o único a fitar-lhe, numa expressão de choque, andando para o mar em gestos automáticos como o outro sabia que ele faria.

Abraçou o humano com cuidado para não quebrá-lo, parecia ainda mais frágil de perto. Lentamente foi afundando com ele em seus braços, não deixando de olhar em seus orbes castanho-claro, e sorriu ao sentir os dedos finos em seus longos cabelos.

No completo silêncio do mar, a criatura beijou os lábios do humano, apertando-o um pouco mais naquele abraço desajeitado, libertando de toda dor e sofrimento. Libertando-o para o oceano. 


Notas Finais


Tema 2 - Sereias/tritões, relacionado ao fundo do mar
Espero que tenham gostado, e comentem por favor <3
Beijos e até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...