História Defeated - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Romance, Sasusaku
Visualizações 377
Palavras 1.188
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabs, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sim , sim eu sei que eu disse que só postaria na sexta, mais como hoje eu não tive aula e estava com tempo livre decidi postar hoje ok? Beijoooos :)

Capítulo 9 - Não se preocupe, eu vou cuidar de você.


Fanfic / Fanfiction Defeated - Capítulo 9 - Não se preocupe, eu vou cuidar de você.

 

Confesso que fui pego de surpresa porque afinal eu não estava esperando por esse beijo, eu podia sentir que ela estava segurando em minha camisa com todas as suas forças, lentamente coloquei as minhas mãos sobre as dela e lentamente a afastei.

 

-Porque você fez isso comigo? Porque? Eu não era o suficiente para você?

 

-O que? Perguntei sem entender.

 

-Porque me traiu com ela Sasuke?

 

-Sasuke.... Sussurrei.

 

Achei que ela possivelmente estava delirando por conta da sua febre que aparentemente estava alta.

 

-Porque me traiu? Porque? Porque? Por.....

 

Fiquei em silencio apenas a observando e ela por sua vez desmaiou. Olhei para os lados e notei que não havia ninguém aqui além de nos dois e eu sabia que não poderia deixa-la aqui sozinha, pelo menos não nesse estado.

 

-Droga porque essas coisas só acontecem comigo?

 

Rapidamente peguei Sakura nos braços a joguei por cima do meu ombro e em seguida peguei a sua mala e fui com ela em direção a minha casa.

 

----------

 

Quando cheguei em minha casa, tirei os sapatos e coloquei a mala dela ao lado da porta, fechei a mesma e subi com Sakura para o meu quarto. Assim que entramos no quarto a coloquei sobre a cama, eu sabia que ela estava muito molhada e eu não poderia deixa-la com essas roupas porque possivelmente ela pegaria uma gripe, então calmamente comecei a tirar o vestido que ela vestia, confesso que ela tinha um corpo lindo, era bem atraente.... A deixei apenas de calcinha e sutiã em seguida fiquei ali olhando para o seu corpo, eu sabia que precisava fazer algo para a febre dela abaixar e como eu não tinha remédio para febre em casa decidir dar banho nela, respirei fundo, então tirei a minha camisa, abri a porta do banheiro e o box, em seguida voltei para o quarto peguei Sakura nos braços e a levei para o banheiro, a coloquei sentada no chão e liguei o chuveiro logo em seguida, me abaixei assim que a agua começou a caiu sobre a sua cabeça, lentamente comecei a tirar os cabelos que estavam a cobrir o seu rosto e então pude ver ela abrir os olhos.

 

-Sasori.... Sussurrou ela.

 

-Sim.

 

-Porque ....

 

-Não se preocupe, eu vou cuidar de você.

 

Assim que me ouviu ela abaixou a cabeça e respirou fundo. Depois desse banho de agua fria notei que a febre dela havia abaixado drasticamente então peguei uma toalha e ajudei ela a se levantar, Sakura cobriu o seu corpo com a toalha que eu havia lhe entregado e então fomos para o quarto, ela se sentou na cama e eu me sentei na frente dela.

 

-Como vim parar aqui? Como me .... Eu fiz ou falei algo para....

 

-Calma! Disse isso ao dar um breve sorriso. -Eu encontrei você na praia, você estava toda molhada e com uma febre bem alta.

 

-Eu sinto muito por isso, sinto muito por ter lhe causado algum ....

 

Antes que ela pudesse terminar de falar eu disse: -Fique tranquila! Disse isso ao olhar para baixo por um breve momento, eu não sabia se deveria perguntar, mais a curiosidade estava me matando. –Então.... Mais o que houve? Perguntei sem rodeios. –Porque você ficou jogada na praia daquele jeito? Sei que não somos amigos mais.... Eu apenas queria compreender você.

 

Ela me olhou atentamente, eu podia ver claramente a tristeza estampada em seus enormes olhos esmeraldinos.

Ela respirou fundo e então disse: -Meu marido me traiu com a minha melhor amiga. Pude notar que quando ela disse isso seus olhos se encheram de lagrima. –Eles me apunhalaram de uma maneira horrível, eu sempre confiei neles eu ... eu... eu fui uma tola, todos os sinais estavam estampados bem na minha cara e eu não conseguia ver eles. Disse ela enquanto as lagrimas escorriam dos seus olhos. – Sinto como se eles tivessem tirado toda a minha esperança, me sinto vazia.

 

Lentamente estiquei a mão e enxuguei as lagrimas dela.

 

-Sinto como se tudo o que vivi com ele não se passasse de uma farsa, se ele foi capaz de me trair com Ino.... Deve ter me traído com muitas outras e eu achando que o motivo dele estar distante era porque havia algo de errado comigo ou com o meu comportamento mais não era isso, todas as noites ele ia se encontrar com ela enquanto eu ficava em casa sozinha.

 

-Seu marido e um completo idiota como ele pode trair alguém como você? Eu acho que tanto o seu marido quando a sua “Amiga” eles não merecem essas lagrimas, não merecem sua tristeza, não merecem seu desespero. Disse isso dando um breve sorriso enquanto tocava a mão dela lentamente, eu não era muito bom nessas coisas de afeto e tal, mais tentei dar um certo apoio para ela, porque achava que ela precisava – Dê a volta por cima e mostre a eles o que eles perderam, sei que você e forte, sei que isso deve estar machucando, uma traição sempre machuca, mais eles não merecem a sua dor, se você quer chorar, chore, mais nunca na frente deles, não deixe transparecer a sua dor, seja forte. Disse isso ao dar um breve sorriso.

 

-Obrigada! Disse ela ao dar um breve sorriso.

 

-Não foi nada. A olhei atentamente. –Vou ver se arrumo uma roupa para você já que as suas roupas estão molhadas.

 

Rapidamente sai do quarto e fui em direção a sala, peguei a mala dela que estava próxima a porta, abri a mesma e notei que nem todas as roupas ali estavam molhadas, tirei um vestido vermelho que estava praticamente seco só a barra do mesmo que estava úmida e uma calcinha e os coloquei sobre o sofá, em seguida tirei todas as roupas da mala dela e as coloquei para secar, fiz o mesmo com a mala.  Subi para o quarto novamente com a calcinha e o vestido em minhas mãos, entrei no mesmo e Sakura ainda permanecia no mesmo lugar, me aproximei e coloquei a roupa perto dela.

 

-Me desculpe a intromissão...

 

-Não se preocupe. Disse ela ao pegar as roupas.

 

-Acho que precisamos sair, vou comprar um remédio para você no caminho.

 

-Sair? Para onde?

 

-Quero que o seu marido veja o que perdeu.

 

-Como assim? Disse ela me olhando um pouco desconfiada.

 

-Se sente melhor? Perguntei isso ignorando a pergunta dela.

 

-Sim eu acho.

 

-Ótimo, então vista-se. Me virei em direção ao guarda-roupas, peguei outra roupa pra mim já que eu estava sem camisa e a minha bermuda estava um pouco molhada, olhei para Sakura novamente e disse: -Eu te espero lá em baixo. Depois dessas palavras sai do quarto.

 

Troquei de roupa ali mesmo na sala e fiquei sentado esperando Sakura descer eu já sabia exatamente o que fazer para ela se sentir um pouco melhor. Pouco tempo depois pude ver ela descer as escadas me levantei e a olhei atentamente, passei a língua sobe os lábios assim que olhei para os seios dela e pude notar que ela estava sem sutiã.

 

-Pronta?

 

-Eu acho que sim….  Mais para onde vamos?

 

-Vamos restaurar a sua confiança, a sua autoestima e beleza.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...