História Deixa ele sofrer - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel, Sting Eucliffe
Exibições 88
Palavras 1.126
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ola, minna como estão?

Bom não vos vou deixar sofrer, então boa leitura e desculpem qualquer erro ^_^

Capítulo 1 - Deixa ele sofrer


Talvez devesse ter ouvido as minhas amigas mas o que eu poderia fazer, estava tao iludida na minha historia de amor que não reparei na verdade. O Natsu estava me traindo com Lisanna, talvez devesse chorar como aquelas garotas dos filmes, mas eu não sou qualquer uma apenas vesti um vestido preto com detalhes prateados que deixava as minha curvas bem definidas, coloquei uns saltos e está pronta para a noite. 

Tranquei a porta do meu apartamento e está ali as minhas amigas: Erza, Levy e Juvia. Entrei no carro BMW serie 7 prateado, da minha melhor da Erza e fomos falando de assuntos sem sentido. Quando dei conta já estava na balada mais famosa de Magnólia a Fairy Tail.  

Entramos com se estivéssemos a desfilar e nos dirigimos ao balcão, onde se encontrava a Mira uma garota lá do colégio. Sentamo-nos e cada uma pediu um copo de whisky. Quando olho em volta á procura de um gato que me satisfaça esta noite, um grupo de rapazes entrou no estabelecimento, porem quando reparei era Natsu e o seu grupinho. 

"MAS QUE DROGA, NÃO ME POSSO DIVERTIR QUE ELE TEM QUE APARECER"- pensei. 

Mas Deus deve-me odiar. Eu a desejar que eles não nos reparassem porem, o maldito da Gray deu uma cotovelada no Natsu e apontou para mim, porem eu me viro e finjo que não os vi e pedi mais um copo 

-E então que me dizem de ir pegar um gato por ai?- perguntei tentando sair daquele lugar antes que Natsu viesse ter comigo  

-Claro, não podemos perder a nossa noite só a beber.- disse Erza se levantando 

A gente foi para a pista e dançavamos como se não fosse nada, porem alguém tocou no meu ombro eu dou de caras com um loiro, alto, de olhos azuis 

-E ai gata, o que faz um anjinho no meio de uns pervertidos?- perguntou com um sorriso malicioso no rosto 

-Desculpa, mas deves ter me confundido com alguém e não um anjinho. -disse piscando o olho  

-E que tal a gente se pirar daqui?- perguntou colando o meu corpo ao dele, no momento seguinte os nosso lábios estavam juntos mas não de um gesto calmo mas, sim um beijo feroz e cheio de prazer- Topas?- quando ia a responder sinto alguém me puxar para trás indo contra um outro corpo 

-Não ela não topa, e agora baza.- disse uma voz que eu reconhecia em algum lugar, quando olho para cima dou-me de caras com o Natsu- Porque é que estavas com aquele tipo?- disse irritado 

Eu soltei-me dos seus braços e viro costas sem lhe responder a nada, porem o mesmo agarrou o meu pulso, só que desta vez apertou com mais força, mas não a necessária para me magoar, apenas para prender-me 

-Larga-me!- exigi- Quem é que tu pensas que és?- perguntei com uma pilha de nervos, para alem de ter estragado a minha noite ainda tinha que lhe dar uma explicação 

-Eu sou o teu namorado.- disse alto, só que eu comecei-me a rir deixando-o com a sobrancelha arqueada- Posso saber o que ter tanta graça?- perguntou-me 

-O facto de eu já não ser tua namorada, porque é que não vais ter com a Lissana, ela de certeza que deve estar á tua espera, e agora larga-me o braço. -disse me afastando dele, porem ele continuou a segui-me -Não me vais deixar em paz?- disse começando a stressa-me 

-Eu nunca concordei com isso. -disse nervoso 

-Tenho muita pena se és surdo, mas se quiseres eu posso voltar a repetir?- disse  

Ele apenas colou os nosso corpos e me deu um beijo sem o meu consentimento, bem que tentem me afastar mas ele e agarrou de tal maneira que era impossível eu sair.  

-Eu ainda te amo. -explicou-me 

-Eu acho que vou ter que te berrar..- comecei a andar em direção ao palco onde se encontrava a Cana a cantar uma musica, pedi ao dj para colocar a faixa 5 e quando olhei em direção ao Natsu vi que ele estava com cara de duvida- Isto é para todas as garotas que os seus amores trocaram  por outra e para piorar uma puta.- exclamei bem alto e ouvi vários gritos vindo das garotas e assobios vindo dos garotos e comecei a cantar 

Deixa ele chorar, deixa ele chorar 
Deixa ele sofrer 
Deixa ele saber que eu tô curtindo pra valer 
Deixa ele chorar, deixa ele sofrer 
Deixa ele saber 
 
Falei, que pra mim ele não é rei 
Tudo que eu podia falei 
Não ia ficar assim 
Se depender de mim 
Ele vai enlouquecer 

Nesse parte da musica sai do palco ainda ao movimento da música e como o vestido era bem curto vi vários homens a assobiar, porem eu me dirigi á pessoa para quem a musica era cantada, e foi quando olhei para o Natsu, que estava com cara que fosse me matar, mas eu  
apenas o ignorei e comecei a danar mesmo á sua frente ao ritmo da musica que o deixava, em transe 
 

Pode implorar meu prazer 
Que eu não vou me arrepender 
Eu não sou tão fácil assim 
Já acabou pra mim 
 
Falou pra todo mundo que não me quer mais 
Que amor e compromisso não te satisfaz 
Agora feito bobo vem correr atrás 
Sai me deixa em paz (sai me deixa em paz) 
 
Agora se prepara, cê vai me encontrar 
À noite, nas baladas, em qualquer lugar 
Com a pessoa certa, pronto pra me amar 
Pra me amar 

Deixei de brincar com o  corpo e mente do Natsu e foi ter com as meninas, empurrando-as para o palco e começamos todas a cantar 

Deixa ele chorar, deixa ele chorar 
Deixa ele sofrer 
Deixa ele saber que eu tô curtindo pra valer 
Deixa ele chorar, deixa ele sofrer 
Deixa ele saber 
 
Falei, que pra mim ele não é rei 
Tudo que eu podia falei 
Não ia ficar assim 
Se depender de mim 
Ele vai enlouquecer 
 
Pode implorar meu prazer 
Que eu não vou me arrepender 
Eu não sou tão fácil assim 
Já acabou pra mim 
 
Então, falou pra todo mundo que não me quer mais 
Que amor e compromisso não te satisfaz 
Agora feito bobo vem correr atrás 
Sai me deixa em paz (sai me deixa em paz) 
 
Agora se prepara, cê vai me encontrar 
À noite, nas baladas, em qualquer lugar 
Com a pessoa certa, pronto pra me amar 
Pra me amar 

Deixa ele chorar, deixa ele chorar                                                                                                                                                                       Deixa ele sofrer 
Deixa ele saber que eu tô curtindo pra valer 
Deixa ele chorar, deixa ele sofrer 
Deixa ele saber (deixa ele sofrer) 
Deixa ele saber 

Olho para a cara do Natsu e apenas pico-lhe o olho e mando um sorriso maldoso. 

Afinal como diz a musica: "Deixa ele sofrer" 


Notas Finais


E então gostaram?

Nao se esqueçam de ver as minhas outras historias


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...