História Deixe os Problemas para mais tarde - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Problemas, Taeseok, Vhope
Visualizações 62
Palavras 600
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Comédia

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Blah :v

Capítulo 1 - Capítulo Único


Problemas? Todos temos, diferentes, porém existentes. Mas o que é realmente importante nós ignoramos, afinal, são problemas demais com que temos que nos preocupar. A vida se torna curta quando resolvemos parar para resolver cada um desses problemas, pequenos, grandes e, na maioria das vezes, sem solução.

Minha vida não tem sido tão divertida como costumava ser. Eu decidi que prestar mais atenção nos meus problemas e tentar resolvê-los era mais importante do que viver como um adolescente normal. Era mais importante perceber o quão eu sempre fui usado pelas minhas “amizades” das quais eu costumava confiar fortemente, mais importante perceber a infantilidade de todos os meus colegas, que preferiam as brincadeiras do que a matéria importante que o professor se esforçava para ensinar. Era mais importante perceber que eu estava completamente sozinho no mundo e que nada nem ninguém poderia me entender como eu realmente queria.

Mas a vida tem suas jogadas, sejam elas certas ou erradas para nós. Somos apenas objetos nas mãos da vida, mas não é ela quem decide o que fazer. É a consciência. Eu acabei por perceber tarde demais que meus problemas se tornariam irrelevantes, se por acaso eu vivesse como deveria realmente viver, como uma pessoa normal, que não pensa nos problemas e sim apenas na diversão. E por ser tarde demais eu perdi qualquer um que um dia poderia ter chamado de “amigo”.

Hoje, agora, até mesmo um pouco antes de acordar, idiotice faz parte de mim. Descobri quando me vi completamente sozinho naquele quarto gelado completamente bagunçado. Nenhuma notificação no meu celular, nenhuma correspondência no correio. Nada. Isso sempre me faz pensar, que diferença eu tenho para o mundo? Se não faço falta para ninguém?

Problemas são como uma doença, tem cura, mas uma cura que nem todos podem ter, apenas o esforço pode tornar essa cura acessível. Amizade, família, romance, vida social, são algumas opções para conseguir acessar essa cura para os problemas. Esquecer também, mas não é uma cura, é um remédio que torna ausente por um momento, torna dormente aquela doença, mas ela vai continuar ali, mesmo que não pareça.

Uma nova fase talvez possa ser considerada como uma cura também, tentar tudo de novo, desde o começo, tentar cobrir aquele buraco que você sozinho construiu, difícil? Com toda certeza, mas não impossível.

O que realmente me trouxe a pensar, refletir profundamente sobre isso foi encontrar aquele que me fez melhorar instantaneamente com um “olá, você é novo por aqui?”. Essas poucas palavras me fizeram parar de andar, prestar atenção naquele sorriso gentil, olhos brilhantes e curiosos e as bochechas coradas.

— Sim, eu estou procurando uma sala.

— Está cursando o que?

— Psicologia.

— Ah! É naquele prédio, tem uma moça na recepção, ela pode te dizer onde é. — mais uma vez pude apreciar aquele sorriso gentil ao final dessa fala. — Aliás, meu nome é Hoseok. Estou cursando enfermagem no prédio ao lado.

— Kim Taehyung, é um prazer te conhecer Hoseok, e obrigado. — Tentei meu melhor sorriso, que nem de longe poderia se comparar ao dele, tão brilhante e caloroso.

Foi isso, esse pequeno diálogo, tornou tudo diferente, saímos nos conhecemos, ele me apresentou os amigos que por acaso faziam cursos completamente diferentes, me tornei amigo de todos, jurei para mim mesmo que deixaria de lado qualquer reclamação que meu cérebro faria da personalidade de cada, pois foi exatamente isso que me fez perder quem eu tinha antes. E Hoseok? Bom, ele se tornou alguém mais do que especial para mim e posso dizer que tenho mais do que orgulho de ter aquele sorriso muitas das vezes apenas para mim.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...