História Demônios entre Humanos..... - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 17
Palavras 1.312
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, FemmeSlash, Ficção, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi pessoas não me odeiam ok?,queridinhos e queridinhas :3

Capítulo 2 - A morte de Sans,e um novo começo


Fanfic / Fanfiction Demônios entre Humanos..... - Capítulo 2 - A morte de Sans,e um novo começo

                                                               Sans on

 olho diretamente para Chara ele olhava como se fosse me matar...olho confiante e uso um ataque de ossos,ela desvia de todos rapidamente uso Gaster Blasters,ela também desvia,ela tenta me atacar com aquela faquinha desvio eu dou um chute em suas costas,ela cai mas levanta,uso duas vezes gaster blasters,fico cansado um pouco suspiro ofegante

-E tudo isso que consegue comediante?-pergunta Chara saindo da fumaça

quando ela fala uso um ataque de ossos e depois rapidamente gaster blasters não vejo ninguém na fumaça e penso que Chara já morreu,eu me assunto sério a Chara volta inteira sem nenhum arranhão,ela ataca  com cinco facas e erra uma erra a outra quando chega na 4 e 5 ela acerta alguns facas em  mim,vou andando até Frisk me sentia vendo o meu pai... o WD.Gaster

-M-me prometa a-algo o-k K-kid?,F-fala p-para a Toriel que eu a amo...e foi u-um....-falo antes de sentir tudo ao meu redor se apagando sorriu ...

                                                             (Sans of)Toriel on

Fico preocupada já era 4:40 da tarde e Sans nem Frisk voltaram,tive que voltar para casa...mas agora estou preocupada onde eles estão?,tento manter a calma até que Frisk chega estava cheia de machucados e com a blusa de frio do Sans nos ombros ,ando até Frisk,que estava muito triste e magoada

-O que foi minha criança?-pergunto recebendo um olhar de choro

-M-mãe o S-sans n-não t-tava l-lá!,s-só p-pó, e-e e o a-agasalho d-dele-fala Frisk falando em choro

a abraço,limpando as lágrimas que predominavam em sua face ,dei um pequeno sorriso para a minha pequena criança 

-Parece que aqui não e mais seguro Frisk..-falo a colocando no sofá-pode fazer um favor por mim?

-C-claro-ela fala ainda em choro

foi para o quarto de Frisk e peguei sua mochila,coloquei roupas,agasalhos,cremes,sabonetes quando terminei de pegar tudo isso coloquei 7867 reais $,dentro da mochila,parecia tudo certo voltei para a sala,coloquei a bolsa ao lado de Frisk e a mesma se assustou 

-Frisk ..você terá agora uma verdadeira aventura ok?-falo sorrindo-Mas você não poderá mais voltar aqui ...

Ela sorriu,senti algo estranho como ela tivesse algum tipo de poder,mas logo pensei''humanos não tem poder...'',entreguei a mochila para a mesma ela começou a andar com passos largos ,deixei ela com o agasalho que Sans usava ...

                                                              (Toriel of)Frisk on

Sai da casa da Toriel,e resolvi ir para um canteiro que ficava a 8 quadras dali,quando chego reparo a variedades de flores mas uma flor erra diferente uma flor amarela?,era plantadas flores de cor roxa e vermelha como uma flor amarela nasceu ali?,cheguei perto dela ela podia ser uma falha mas era linda

-Oi!,sou Flower a Flor...nem preciso me apresentar né?,você já sabe quem eu sou mas estou no meu formato de planta!,criança...vou te ajudar...a Chara e rígida de mais!, e resolvi a me retirar daquela oferta!...mas isso não e tão preocupante eu notei que você tem uma alma muito forte!,forte até demais humanos não deveriam ter isso mas você tem!,você pode derrotar Chara  mas aceita minha oferta?-pergunta Flower ele parecia machucado-v-você tá olhando meus ferimentos né?,Chara me bateu me socou deu murros ela quase me matou ela me traiu por Love,Love significa Level Obtido por ViolÊncia....deixando isso de lado você também está machucada né?,você tem Love?

-Aceito...enquanto ao Love não tenho...-falo e ele fica despontado

-....Ok Frisk vamos para algum lugar né?, só me espera 8 segundos-fala ele indo debaixo da terra e se transformando em humano

ele estava vestido um terno caia bem nele,seu cabelo loiro arrumado,ele me olhou e deu um sorriso de leve e começou a andar e abrir um buraco na terra ,e me deu a mão nós estramos era diferente todos estavam desanimados ,alguns estavam chorando e outros rindo mas não tinham nenhuma emoção

-Frisk aqui e de gente boa!,vamos almoçar no restaurante MTT,e do Mettaton,ele até tem um programa de Tv!-Flower fala e eu me animo-Mas..aqui o Mettaton e um  robo assassino de humanos!,tome cuidado ele fica insano...

-COMO ASSIM INSANO!,O METTATON ELE E  LEGAL E NUNCA FAZERIA ISSO!!-falo e Flower rí

-Aqui Frisk  e  MATAR OU MORRER,mas abri uma acessão a você chame esse lugar de inferno-falou Flower sorrindo e arrumando a gravata deixando ela mais reta que estava

Fomos em qualquer restaurante porque Flower,falou que não era tão seguro aqui comemos no restaurante e saímos e Flower ,logo percebemos que estávamos sendo seguidos paramos e vemos,Chara ela parecia irritada e estava bufando

-O que faz aqui Chara?,já falei não quero fazer parte disso e ainda mais você me trocou por Love-fala Flower com  um ar de seriedade 

-Não tenho culpa de você não querer participar porque dei uma surra em você....mas como você mesmo já falou Nesse mundo e matar ou morrer-fala Chara sorrindo-mas parece que decidiu mudar de lado?,desde quando você e do bem?,sei a resposta nunca!

-Pessoas mudam Chara...-fala Flower sorrindo e pegando uma pistola branca e mirando para Chara

-Então que e assim você passara por maus tempos Flower e todas a pessoas ao seu redor!...-fala Chara e Flower atirou a nela mas era tarde demais Chara já tinha sumido

-Não liga Frisk o que ela diz vamos continuar?-fala  Flower-ai podemos cuidar de seus machucados

-vamos-falo sorrindo

Flower abriu outro portal mas dessa vez era do mundo normal eu estranhei porque ele mudou de mundo mas começamos a andar até uma mansão totalmente preta cheia de Flores amarelas,Flower pega e chave e destranca ela fala para esperar um minuto para destrancar tudo,algum tempo depois Flower volta  e me leva a um quarto feito de madeira,tinha algumas armas e bonecos de luta feitos de madeira e tinha algum tipo de báu

-Olha vou te fazer algo muito simples pega a Katana de madeira e bata no boneco ok?,assim você poderá fazer isso em  outras vezes e ganhar Love,sei que você não quer machucar ninguém mas e a única forma de você sobreviver-Fala Flower me dando uma Katana de madeira

quando me aproximo para bater no boneco,me sinto culpada largo a arma e começo a falar com o mesmo,após alguns minutos Flower olha como se estivesse feito algo errado

-OS  BONECOS SÃO PARA BATER E NÃO PARA CONVERSAR!-fala Flower mas logo sorri-Mas você resolveu o ´´problema´´ pacificamente  então isso também vale mas agora,vou cuidar de seus machucados

Flower me pede para sentar,ele abre o bau e pega uma caixinha que tinha alguns curativos,após ele colocar curativos no macucados ,fico com sono e peço para ele me levar para o quarto ele me leva era grande a casa e tudo branco a mansão por dentro ele me leva no quarto do segundo andar na primeira porta era um quarto simples,uma cama de solteiro,e um armário ,com uma mesinha com um espelho quebrado,deito na cama Flower fala bons sonhos desliga a luz e fecha a porta do quarto...

                                                                       (Sonho de Frisk)

Estava em uma casa,era assustador o quanto estava cheia de sangue em moveis retratos de família e espelhos,começo a pedir por ajuda ouso sons de passos lentos ,vejo o Sans mostrando apenas a cabeça na porta mas estava diferente,seu cabelo que era albino estava com uma suja camada de sangue seu olho estava vermelho mas dentro dele estava azul e sua boca que estava sorrindo estava com sangue dentro da boca e seus dente estavam afiados igual uma navalha,ele da mais um passo mostrando no outro lado do corpo dele um estava igual um esqueleto com  seu cranio quebrado no lado do seus olhos ,que não tinham brilho era o nada estava tudo coberto de sangue,Sans vestia um vestido que estava coberto de sangue ,mas era o mais assustador que o Sans estava com um machado atrás de usas costas amarrado em uma corda  e em sua mão que estava a cabeça de seu irmão Papyrus 

-Ei Kiddo porque pediu ajuda?-pergunta Sans forçando um sorriso mais ainda-não precisa ter medo de mim...sou eu Sans ...aquele que fazia papel de pai para você...venha me abraçar....sei que você está com saudades...

Continua?

 


Notas Finais


Sei que fiz o Sans morrer mas fazer o que?,até outro dia pessoas queridas

Não me odeiam por isso ;-; sou do bem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...