História Demons of Darkness - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Beemo "BMO", Dona Tromba, Finn, Hudson Abadder, Jake, Lady Íris, Marceline, Mordomo Menta, O Lich, Personagens Originais, Princesa De Fogo, Princesa Jujuba, Rei Gelado, Sr. Porco
Tags Finnceline, Finnfleme, Finnjuba, Hora De Aventura
Exibições 60
Palavras 1.429
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Isaac é o rapaz da foto com o Dracula

Capítulo 8 - Isaac !



Finn acorda com uma dor do caralho na coluna , e por isso começa a se levantar lentamente , depois que se levanta ele anda em direção ao banheiro , desliza a mão esquerda na maçaneta da porta fazendo-a abrir , aos poucos ele entra no banheiro , liga a luz do banheiro , fecha a porta e a tranca. Então começa a tirar sua roupa até ficar completamente nu, após isso, Finn vai até a banheira e liga a água , e como Finn estava sem um pingo de paciência por causa do seu irmão, ele usou uma magia para encher a banheira de uma vez, então ele desliga a água , pega o sabão, bucha de banho azul , shampoo e condicionador. 

      .....Após o banho.....  

Finn já estava de banho tomado e de dentes escovados , e logo saiu do banheira com a toalha amarrada em sua cintura e se teletrasporta para seu quarto onde seu irmão gêmeo dormia tranquilamente , o que deixou Finn com raiva e com muita vontade de bater em seu irmão , mas não o fez , pois sabia que se ele batesse em Dracula , ele iria sentir também , se não fosse por isso ele estaria esmurrando Dracula sem dó nem piedade. Finn vai até seu guarde roupa e pega uma cueca boxer preta , uma calça jeans preta , um cinto branco , uma bota de couro preto e um casaco preto de pele vinho avermelhado com capuz  (com zíper) , pois fazia frio aquela manhã. 

Logo Finn desce para fazer o café da manhã , ele iria fazer panquecas de toucinho e café c/ açúcar , em uma boca do fogão ele colocou o café , e o na outro ele fazia as panquecas de toucinho . Como o café era de se fazer pouca coisa , ele o fez primeiro , e como ele já tinha experiência para fazer as famosas panquecas de toucinho , ele fez 10 bem rápido e colocou-às na mesa. Neste momento , Dracula desce as escadas com um casaco de couro preto(com zíper), uma calça jeans preta , um cinto branco e tênis Alls Star preto de couro. E então os dois ao mesmo tempo sentaram-se nas cadeiras sincronizadamente , cada movimentos que um fazia o outro também fazia , faziam movimentos espelhados ,não era de propósito para um irritar o outro , era natural deles fazer movimentos espelhados.  

Finn : E então ? , como está a comida ?  

Dracula : Ótimo Alucard. 

Finn : Que bom que gostou Dracula. 

Dracula : Já tá pra casar , hahahaha. 

Finn : Hahahaha, não é pra tanto. 

Dracula : Como não é pra tanto ? , você faz comida super bem, lava roupa, limpa a casa, conserta os móveis da casa, canta super bem , passa a roupa , lava a lousa e é um ótimo guerreiro. 

Finn : -_-' , nunca prestei atenção. 

Dracula : Jura ? -_-'  

Finn : Como vão as coisas estre você e o Isaac ?  

Dracula : Vão ótimas - fala sorrindo. 

Finn : Vocês estão namorando já faz quanto tempo ?  

Dracula : Vão fazer três anos. 

Finn : Uau , pelo menos você sabe manter a sua relação por muito tempo.  

Dracula : O que você quer dizer com isso ?  

Finn : Você tem sorte de conseguir ter um namoro duradouro , já eu.... 

Dracula : Poxa Alucard , não fica assim não. 

Finn : Não tem problema não Drac. 

Dracula : Alucard....., eu gostaria de sua bênção. 

Finn : Bênção ? , para que ? 

Dracula : Quero pedir o Isaac em casamento. - fala empolgado. 

Finn : Cara..., mas é óbvio que eu vou dar minha bênção - fala se levantando e indo até Dracula para abraçá-lo e logo o abraça e Dracula retribui - Quando você vai pedir ele em casamento ? - fala saindo do abraço. 

Dracula : Pois é , foi por esse motivo que vim atrás de você , eu iria primeiro pedir a bênção de nosso pai para isso , mas aí eu me lembrei que ele é um bebê gigante agora , então eu fui pedir a sua bênção , e eu gostaria que você me ajudasse a ter umas idéias de como eu poderia fazer o pedido. 

Finn : Eu acho que daria um clima muito romântico se vocês o levassem a uma colina a noite , monta uma mesa com vela em uma noite enluarada , um jantar para dois , e coloque a aliança no vinho dele , e quando ele estiver bebendo o vinho , ele sentir algo diferente , e quando ele ver a aliança... 

Dracula : Boa idéia , mas a parada da aliança no vinho não vai prestar. 

Finn : Pensando bem...., você tem razão , não vai prestar mesmo. 

Dracula : Além disso, eu preciso que você volte comigo para a dimensão dos demônios. 

Finn : Que ? , mas eu acabei de chegar aqui em Ooo. 

Dracula : Você precisa voltar , os Drakes estão querendo assumir o trono. 

Finn : Eles não.....- fica sério. 

Dracula : O trono por direito é seu e não meu , mas eles querem matar eu e você para isso , para que eles assumam o poder da dimensão dos demônios. 

Finn : Temos que voltar para lá , agora eu vejo a gravidade da situação de lá. 

Dracula : Temos que voltar o mais rápido que pudermos. 

Finn abre o portal em um estralar de dedos , Dracula o olha surpreso , em quanto Finn mantia a seriedade em seu rosto, então os dois entram no portal , dava de se ver todo o fogo , o caos , os gritos , as trevas e demônios negros para todo o lado , dava para sentir o fedor daquele lugar , lá era o verdadeiro inferno , muito pior que a Noitosfera , se fosse comparar a Noitosfera com aquele lugar , diria que a Noitosfera é mais calma e menos caótica que essa dimensão dos demônios , a dimensão dos mais perversos dos demônios , mas para Finn , os demônios mais perversos eram as... 

Finn : Succubus !? , mas que merda , CORRE !!! - fala Finn correndo, pois ao olhar para trás, viu uma bela mulher com asas de demônio e calda e com o corpo semi-nua 

??? : Hahahaha, me príncipe , não tem porque você fugir de mim , hahahaha.  

Finn : Tenho sim sua maluca !!! - fala correndo e Dracula logo atrás. 

Dracula : Deixa a gente em paz Naja!!! - fala em quanto corre. 

Naja : Hahahaha ,Só quando Alucard aceitar ser meu marido. - fala com uma voz psicótica. 

Finn : EU PREFIRO MORRER !!! - berra ainda correndo. 

Naja : HAHAHAHAHA - risada maligna  

Dracula : Xô Satanás no corpo de mulher , VAI EMBORA CAPETA !!! - berra em quanto corre ainda mais. 

Naja : Vocês são uma grassa...HAHAHAHAHA. - fala descendo até Finn.  

Finn : Sai daqui sua maluca do caralho!!! - fala correndo ainda mais.  

Então Dracula segura a mão de Finn e teletrasporta eles dois para o castelo , um castelo muito enorme feito das pedras do inferno , um castelo lindo e aterrorizante da cor negra , que estava cheio de guardas demônios , que ao ver Finn/Alucard e Dracula abriram os enormes portões , que davam para um enorme e belo jardim , embora lá seja o inferno , lá também tinha suas belezas , o jardim era composto por várias variedades de flores , com fontes e estátuas , e depois do jardim tinha mais dois grandes portões feitos por ouro , que se abrem sozinhas. Finn e Dracula entram no castelo , estão no salão principal , mas quando eles olham para o altar , tem uma das piores surpresas de suas vidas. 

Isaac : DRACULA!!!SOCORRO!!! - berrava , pois estava amarrado e com uma faca preste a cortar lhe a garganta. 

Dracula : SOLTEM ELE!!! ISAAC!!! - berrava indo em sua direção.  

Finn : DRACULA PARA!!! É UMA ILUSÃO!!! - berrava tentando alcançá-lo. - MALDITO SEJAM VOCÊS DRAKES !!! - berrava de ódio ao ver um demônio do clã Drake. 

??? : HAHAHAHA - ri e aos poucos desaparece com Isaac. 

Isaac : SOCORRO!!!DRACULA!!! - berrava entre lágrimas e logo desapareceu. 

Dracula : ISAAC!!! NÃO!!!!! - berra entre lágrimas. 

Finn : Drakes...., vocês acabaram de iniciar uma guerra...., vão se arrepender por terem capturado meu cunhado.... - falava queimando de ódio... 





 





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...