História Dengerous Secret - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Naruto, Sasunaru, Yaoi, Yuri
Exibições 29
Palavras 2.645
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OOOOIIIIII tudo bem com vcs? Espero que ss ^^
Estou aqui com mais um cap para vcs ;) Divirtam-se....

Capítulo 2 - Naruto


—Como assim não faz ideia do que ela gosta?! -gritei revoltado. Que legal! Minha irmã, a melhor amiga da garota que eu gosto, não sabe nada sobre os gostos da garota. -Achei que vocês eram melhores amigas.

—E somos. Mas só por que somos melhores amigas eu tenho que ser uma enciclopédia ambulante que sabe tudo sobre ela?! Fala sério Naruto. Não precisa ficar preocupado,  vai dar tudo certo. -disse ajeitando a gola da minha camisa.

—Se as coisas saírem fora de controle eu vou te ligar, tenha certeza disso.

—Não se atreva! Eu estarei trabalhando. Não posso ficar atendendo ligações desesperadas de um irmão desesperado.

—Você é má. -fiz bico. Sabia que ela não resistia as minhas atitudes infantis.

—Isso não vai mais funcionar comigo. -ou não... - Naruto é só ficar calmo e não bancar o idiota.

—Vai ser meio difícil.

—Estou falando sério. -não é muito legal deixar minha irmã irritada. -Eu também quero que vocês se deem bem. Agora me ajuda aqui. -me entregou duas fitas de cabelo azul e se virou de costas.

—Você não sabe mesmo onde Kiba vai nos levar?

—Eu tentei de tudo para descobrir, mas parece que nem com Shikamaru ele falou a respeito.

—Isso só me deixa mais nervoso.- dei um laço em cada uma das marias-chiquinhas.

—Você não tem jeito mesmo.- ela se virou e pôs as mãos em meus ombros. -Vai ficar tudo bem. Se te servir de consolo, acho que Kiba sabe escolher lugares agradáveis para encontros.

—Espero. -Naruko me sorriu e me deu um beijo na bochecha.

—Eu vou indo. Konan me pediu para chegar mais sedo por causa da minha fantasia. E sim, pode me mandar mensagem perguntando algo ou querer algum conselho.

—E por isso que eu te amo, maninha. -dei-lhe um abraço de urso tirando ela do chão.

Naruko pode parecer durona, mas no fundo é uma pessoa bem amável. Ela nunca me deixou na mão. Lembro-me uma vez, quando ainda estávamos no primeiro ano do colegial que uns garotos implicavam comigo dizendo que éramos tão igual que eu poderia virar travesti que ninguém não faria diferença. Eu não liguei muito, até achei que era um elogio, pois vários garotos diziam que ela era a mais bonita da escola. Mas Naruko já viu pelo lado real e não pensou duas vezes em esmurrar o coitado. Ela sempre mostrou um jeito amável com todos, por isso foi chocante vê-la fazer isso, mas também nunca mais falaram nada de mim, pelo menos não que escutassemos. Esse ocorrido só nos aproximou mais ainda.

—Naruto... Não consigo respirar... -gemeu ainda enquanto eu a apertava.

—Hehe. -soltei ela e dei um beijo no topo de sua cabeça. -Bom trabalho.

—Bom encontro. -despediu já fechando a porta da casa.

Fiquei esperando mais uns vinte minutos e sai para buscar Sakura na casa dela. Ela estava usando uma blusa solta de alças e uma calça jeans azul-escuro. Sem muita maquilhagem. Pelo que sei, ela não gosta muito de usar.

—Boa noite Naruto. -me comprimento entrando no carro.

—Boa noite Sakura-chan. Você esta linda.

—O-obrigada. -ela respondeu envergonhada. Ela, como minha irmã, pode ser durona, mas sabe ser fofa quando quer. -Já sabe onde vamos?

—Não. Kiba só me disse para encontrarmos ele e Hinata na frente da empresa da família dele.

—Pra que tanto suspense?

—Acho que ele só quer que seja perfeito.

—Ele tem medo?

—Só de não dar certo. Ele gosta mesmo dela. E quando ele põe uma coisa na cabeça, não há quem tire.

—Igual alguém que conheço. -e deu uma risadinha tímida.

—Eu não sou assim. -inflei as bochechas, mas no fundo estava rindo também. Esse é meu jeito, não posso negar.

~~~~~~///////~~~~~~

—Você só pode estar brincando! -disse espantado. Estava revoltado, mas ao mesmo tempo feliz dele ter escolhido justo este lugar.

—Não, não estou. -Kiba me respondeu sério depois suspirou. - Eu só não consegui colocar o nome dos dois na lista. Então esperamos na fila com vocês. -Sakura, Hinata e eu nos olhamos e começamos a rir. -Do que estão rindo?

—Não precisamos ficar na fila, Kiba-kun. -Hinata foi a primeira a conseguir parar de rir.

—Como? 

—Depois eu te explico. -disse já me dirigindo a portaria da boate. Sério mesmo? De tantos lugares para ir ele escolheu justo a Akatsuki? Ele pelo menos sabe que minha irmã trabalha aqui?

Eu e Sakura fomos na frente e paramos à portaria onde um cara loiro com a franja cobrindo um dos olhos segurava uma prancheta cheia de nomes.

—Nomes? -ele perguntou sem olhar para mim.

—Boa noite, Deidara. -disse não respondendo sua pergunta.

Ele tirou os olhos da prancheta e os depositou em mim espantado. Assim que viu que era eu abriu um sorriso e colocou uma das mãos na cintura.

—Olha só se não é Kyuby macho. Faz tempo que não aparece por aqui.

—É faz um tempo sim. Posso perguntar o tema de hoje?

Ele olhou para Sakura ao meu lado e logo depois Hinata e Kiba atrás de nós. 

—Aposto que será de seu agrado. Foi Konan que escolheu, inclusive as fantasias. Kyuby-chan ficou igualzinha à personagem. 

O olhei fuzilando. Esse cara tem quase, o quê? 32 anos e fica se engraçando pra cima da minha irmã. Isso eu não vou permitir. Ele deu risada e nos deu passagem.

—Deixa eu adivinhar? Ele gosta dela. -Sakura disse com um sorriso malicioso.

—Eu nunca deixaria um cara desses se envolver com a minha irmã. Ele é estranho. Notou as mãos dele? Quem em sã consciência tatua bocas nas mãos? 

Ela deu uma risada mínima e eu sorri. Acho que estávamos começando a nos dar bem, exatamente o oposto do casal atrás de nós. O clima entre eles estava meio sem sal. Kiba é mesmo um idiota! Hinata estava muito bonita com um vestido azul cobalto tomara-que-caia curto com contas no busto. Aposto que foi Naruko que escolheu, ela tem um ótimo senso de moda, por isso vivo pedindo conselhos para ela. Então, por que raios ele não a elogia?? Sakura pareceu ter notado também, então tentou puxar algum assunto.

—Como acham que Naruko deve estar? -por que o assunto tinha que ser justo minha irmã?? Fale alguma coisa sobre eles dois, não minha irmã!!

—Tenho certeza que estará linda. -Hinata disse sorrindo. Ela parece gostar da minha irmã, afinal quem não gosta? Ela é uma pessoa maravilhosa, na maior parte do tempo.

—Espera! Naruko? Naruko, sua irmã, Naruto?

—Ela mesma. Ela trabalha aqui vai fazer 10 meses.

—E ninguém nunca me disse isso! -ele pareceu ter ficado irritado.

—Achávamos que você sabia. -respondi o encarando foi então que ouvi o suspiro de surpresa das meninas.

O salão estava todo enfeitado como um conto de fadas todo misturado. Nessa hora pude imaginar a fantasia que minha irmã estaria usando. 

Já havia várias pessoas no local, mesmo que, em minha opinião, estivesse cedo. Um garoto ruivo veio em nossa direção vestido de Pinnochio. 

—Sasori! Como vai? -disse gritando, tentando sair mais alto que a música.

—Bem, e você, Naruto?

—Ótimo. Onde está Naruko?

—Ela está no bar. Aqui. -entregou quatro pulseirinhas azuis para nós. - A área VIP e por aqui. -começou a andar para um lugar mais alto que a pista.

—Eu vou cumprimentar os outros, podem ir sem mim. 

—Nos vemos depois então. -Kiba seguiu Sasori. Vi Sakura correr em minha direção para não se perder.

—Não vai com eles?

—Talvez se deixarmos eles sozinhos aconteça alguma coisa. O clima entre eles esta meio tenso. 

Acenei com a cabeça sorrindo. Cumprimentei a todos que eu conhecia que trabalhavam lá. Devem estar se perguntando: como eu conheço os amigos de trabalho da minha irmã? Fácil! Eu que a trazia e buscava antes dela retirar a carteira de motorista. E eu não iria deixar ela voltar de ónibus sozinha as 3:30 da manhã! Agora a pergunta que não quer calar: como ela conseguiu esse emprego? Isso vocês devem perguntar para ela, pois a única coisa que ela me disse foi "Naru, eu consegui um emprego!!". Claro que o último lugar que fui foi o bar. Ele estava enfeitado com cogumelos gigantes e as garrafas na prateleira estavam com fitas escritas "Drink me".

"Alice" pensei dando uma risada contida "é o preferido dela." Vi Itachi no balcão, vestido de chapeleiro, entregando algumas cervejas para um grupo de amigos.

—Yo. -acenei me aproximando.

—Naruto? O que faz aqui?

—Só passando o tempo. 

Ele olhou para Sakura destraída tentando identificar o conteúdo das garrafas e sussurrou um "Sei". Naruko apareceu por uma porta atrás  do bar carregando uma caixa com taças variadas. Nota: lembrar de forçá-la e se fantasiar de Alice mais vezes. Minha irmã está parecendo uma loli de animes!!!!!! Embora ela tenha 22 anos. As marias-chiquinhas, que fez mais cedo não valeram de nada, já que ela estava com os cabelo presos apenas por uma fita preta. SE eu não à conhecesse, diria que ela tem no máximo 12 anos. Mas acho que a maquiagem também ajudou, quem diria que as marquinhas que tínhamos poderiam desaparecer com um pouco de base?

—Tachi, por que não trouxe as taças antes. Teria me poupado de quase derru... -Olhou direto para mim depois de colocar a caixa no chão. - Naru? Sakura? O que...? Não, espera! Kiba?

—Exatamente. -acenei com a cabeça.

—Aquele baka!

—E ele não sabia que você trabalhava aqui.

—Ninguém mandou ele ficar babando na Hinata e não prestar atenção. -cruzou os braços no peito, mas logo os descruzou quando uma garota, mais ou menos da sua idade pediu para tirar uma foto dela.

—Quantas ja foram? -perguntou Itachi limpando as taças com um pano.

—15 -suspirou limpando o balcão com um pano.

—15? 15 vezes que pediram para tirar uma foto sua? -disse exaltado. Com que direito eles tem para tirar foto da minha irmã sem minha permissão???

—Isso acontece sempre quando se trabalha numa boate temática. 

—Ou quando se é gentil de mais ao ponto de não conseguir dizer "Não". -Itachi preparava alguma coisa atrás do balcão. 

—Eu não tenho culpa de ser assim. -ela deu um suspiro então olhou para o nada como se pensasse em algo. -Tachi...

—Já estava fazendo. -respondeu ele enfeitando uma taça com uma bebida meio rosa meio azul no balcão logo em seguida colocou em direção à Sakura.

—O que é isso? -perguntou ela analisando a bebida.

—Experimenta. -disse Naruko atendendo um grupo que chegou.

—Vocês deveriam pedir isso à Naruto. Eu não sou uma boa degustadora. 

—Não é uma questão de degustar esse drink -Itachi colocou o conteúdo em mais uma e entregou para mim. -Kyuuby me disse que você não gosta muito de bebidas alcoólicas, então decidi tentar mudar seus conceitos. -olhou para Naruko e piscou com um dos olhos. Ela parece não ter visto, ou fingiu não ter visto, se distraindo com um cara que parecia cantá-la. Eu até faria alguma coisa se não fosse uma garota que arrastou o homem, que parecia já estar bêbado, pela orelha.

Ri dando um gole na bebida e me espantei com o toque altamente doce dela. Sakura pareceu notar, então sua curiosidade à levou a dar um gole.

—Parece com aqueles sorvetes azuis que comprávamos para pintar a língua, quando crianças. -ela disse espantada e completou - É muito bom.

—Nem da para sentir o sabor do álcool. -completei.

—Até você Naru? -ela desanimou e vi Itachi com um sorriso que ficou parecendo mais o gato de Cheshire do que o Chapeleiro.

—Dois coelhos com uma cajadada só? Quem diria? -ele riu atendendo um casal. Alguém pode me explicar o que esta acontecendo aqui por favor???

—Me lembre de nunca mais apostar nada com você. -ela bateu nele com o guardanapo e ele riu.

—Apostar? -Sakura e eu repetimos em uníssono.

—Ela também me disse que você tem o paladar muito apurado pra tudo, Naruto. Então apostei que eu faria alguma coisa que você não reconhessece o sabor. -Ele sorriu colocando outra dose nas taças. -Obrigado por me poupar no próximo final de semana, Sakura.

—Quer mesmo aproveitar agora? -perguntou Naruko ainda emburrada.

—Meu irmão esta cobrando minha presença a muito tempo. E por falar nele, vou combinar com ele depois te aviso. Ou você gostaria de falar com ele pessoalmente? Ele veio hoje com uns amigos.

—Deixo em suas mãos, embora, agora, não confie tanto nelas. Droga gente! Achei que podia confiar fielmente em vocês. 

—Não sabia que tinha um irmão Itachi. -disse fingindo não ter entendido o que eles apostaram. Eu posso ser meio tapado, mas quando se trata da minha irmã eu me transformo num dragão que protege a princesa de "príncipes encantados" em seus cavalos brancos. Bom... O Itachi é uma boa pessoa, só espero o irmão dele ser igual, se não, pode apostar que conhecerá o inferno mais cedo.

—Sim, eu tenho. Ele tem a mesma idade de vocês. Acho que você deve conhecê-lo, Naruto, ele está no último ano de administração. - O cara tem minha fixa completa, é isso??? Não que não confie nele, mas é meio estranho um ex criminoso saber da sua vida. - Uchiha Sasuke.

Oi??? Ele é irmão mais velho de Uchiha Sasuke??? Eles não tem nada à ver!! Talvez a aparecia, um pouco, pois  personalidade é totalmente diferente. Sasuke é calado e frio até com os professores, já Itachi é alegre e consegue cativar todos com seu jeito gentil. Concordo que as vezes ele é meio estranho, mas trata todos com muito carinho. 

—Sasuke é seu irmão?! -acho que disse um pouco alto de mais.

—Naruto, é aquele Sasuke que você disse que parece que todo dia esta de luto?

—E eu conheço outro? -disse irónico. Ta bem... Nunca que eu vou deixar esse cara sair com ela. Nem que caia uma raposa gigante encima de mim.

—Sim, você conhece outro. -Respondeu ela. -Lembra daquele garoto moreno que vivia grudado com a gente no fundamental? Kurama e eu estávamos separando nossas coisas para a mudança e achamos algumas fotos.

—Não me lembro... -menti. Sim eu lembrava daquele garoto e sabia seu nome, mas eu queria esquecê-lo por causa de um desentendimento que tivemos que sempre escondi de todos.

—Bom... O nome dele também é Sasuke.

—Fundamental? Que escola vocês estudaram? -Itachi ficou interessado derrepente.

—Academia de Konoha. -Cala a boca Naruko!!

—Acho que é o mesmo Sasuke. -sorriu. Droga! Agora fodeu! Meu pesadelo vai voltar, que maravilha! -Que bom que já se conhecem. 

—Haha. Que conhecidencia. -sim estou nervoso. Uma coisa que eu sou péssimo é esconder as coisas. E estou com um péssimo pressentimento quanto à isso. -Foi bom conversar com você Itachi, mas acho melhor irmos se não Hinata e Kiba vão ficar preocupados. Até mais. -Segurei a mão de Sakura e sai andando em disparada de volta para a área VIP. 

Só pode ser brincadeira! Depois de anos com tudo indo bem, esse miserável volta pra atazanar a minha vida! Sempre soube que era ele que estava na mesma sala que eu durante esses 3 anos e meio, mas ele está diferente daquela época. Está mais afastado e infeliz. Eu só espero que ele não tenha me reconhecido. 

—Naruto? O que foi isso agora a pouco? -Sakura perguntou enquanto ainda estava a puxando.

—Podemos não falar sobre isso?

—Você não gosta dele não é? 

—Não é bem isso, tivemos alguns problemas e acabamos nos afastando.

—E você não quer que Naruko descubra... -Ela puxou minha mão me fazendo olhar para ela. - Sou a melhor amiga dela, mas se isso a fizer mal não contarei nada. -e sorriu.

—Sakura... -a abracei forte- Obrigado.

Era a primeira vez que me comportava assim diante de uma garota sem ser Naruko ou Kurama. Era constrangedor, mas ao mesmo tempo confortante. Eu me senti bem abraçado à Sakura daquela maneira. Por mim ficaria daquela forma com ela o resto daquela noite.


Notas Finais


Por hj é só, espero ve-los no proximo ;* Jya ne o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...