História Depois da guerra - Vida Nova - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Angelina Johnson, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Carlinhos Weasley, Cho Chang, Córmaco Mclaggen, Dino Thomas, Dominique Weasley, Draco Malfoy, Duda Dursley, Fleur Delacour, Fred Weasley Ii, Gina Weasley, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Horácio Slughorn, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Neville Longbottom, Percy Weasley, Rita Skeeter, Rolf Scamander, Ronald Weasley, Ted Lupin
Tags 19 Anos Depois, Amo Harry Potter, Amor, Amor Potter, Beijo, Depois Da Guerra, Gina, Gina Weasley, Ginevra, Ginny, Ginny Potter, Harry, Harry Potter, Hina, Hinny, Já Leu Cursed Child?, Potter, Romance, Romione, Sra Weasley, Weasley
Exibições 64
Palavras 861
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Decidi postar ao menos um, já que vocês não responderam...

Capítulo 17 - Como se Já não soubéssemos


Então todos acabaram. 


- Ahh! Que refeição hein? ! - disse Rony - mamãe, cê manda bem. 

- Obrigada. - Agradeceu ela. - Agora, você e Harry podem botar os pratos na pia? Só isso para que eu possa lavar. 

- Claro! - afirmou Harry. 

- Com licença, Sra. Weasley, - pediu Mione - mas eu posso lavar os pratos se a senhora quiser. 

- Faria isso por mim? - perguntou 

- Claro que ela faria! E eu também! - respondeu Gina. 

- Eu também posso. - disse Luna. 

- Obrigada! Como eu amo vocês!

Disse ela se levantando e abraçando as garotas.

- Comigo não tem toda essa demonstração de amor. - reclamou Rony. - Nem sua, Mione!

- Ah é? - perguntou ela. 

Ela se levantou lentamente e abraçou o ruivo por trás. 

- Só assim, não é? - perguntou ele. 

- Não reclame. - respondeu ela.

- Por quê todo esse agarramento aí? - perguntou Gui

- Não falei...- disse Harry baixinho. 

- É... bem...- Começou Hermione - Nós... fala, Ronald!

- Eu? -perguntou ele.

- Ronald é um frouxo! Ele não vai falar nada! - concluiu Gui. - Fala aí, Harry. 

Harry olhou eles dois, que retribuiram o olhar. 

- É isso que vocês estão pensando -falou ele finalmente.

- FINALMENTE! - gritou Jorge

- Já bem assim, Jorge? - perguntou Rony - Já está gritando desse jeito...

Jorge mostrou a língua. 

- Ele tem vários motivos pra estar bem. Apesar dos que não tem. - disse Luna confundindo a quase todos. 

- Isso aí, Di-l... - ele parou, todos entenderam o que ele iria falar. Gina o fuzilou com o olhar - digo, isso aí Luna!

Luna abriu um sorriso.

- Finalmente oquê, hein, Gui? -perguntou Rony. 

- Meus amores, deixe- me explicar... - Começou Gina - bem, não sei como não explicar sem que Hermione fique envergonhada. 

-Mas é pra ela ficar! - Gritou Carlinhos - e Roniquinho também! 

- Essa é a graça. - riu Harry. 

- E-expliquem por favor... - pediu Hermione. 

- É assim, Mione... - Começou Luna - já meio que imaginávamos...

- Quê? 

- Assim, querida. - disse Gui - Desde a primeira vez que eu te vi eu te achei legal e tudo mais...

- E então descobrimos que apesar de você, Rony e Harry nunca se separarem já sentíamos algo que não envolvia todos vocês. Apenas Roniquinho e você. - Explicou Carlinhos. 

- E então, só no olhar de Rony, descobrimos uma forte e linda paixão pela sua melhor e inteligente amiga. - Completou Jorge em tom de deboche. 

- E aquele Beijo na Sala precisa confirmou tudo o que pensávamos. - respondeu Gui.

- Só deixando claro que eu percebi antes de todos vocês. - disse Gina.

- Eu soube primeiro! - respondeu Harry. 

- Vai achando. - disse ela sorridente 

Ele não pôde deixar de retribuir o sorriso. Então lembrou que ela ainda tinha algo a lhe dizer. 

- entenderam agora? - perguntou Luna.

- Se não entenderem sinto em dizer mas voltem a primeira série da escola trouxa. - disse Jorge.

- Entendemos... eu acho. - respondeu Mione.

- Bem, isso não enteressa! Sabe por que? Por Mione? - Perguntou Rony

Ela balançou a cabeça em sinal de "não".

- Ler! - exclamou ele puxando ela pelo braço e a levando para a sala.

- Eu ouvi direito? - perguntou a Sra. Weasley. 

- Acho que eu não ouvi. - falou Harry - e olha que eu estava do lado dele. 

- Eu estou tão feliz! - Sra. Weasley deu um pulinho.

- E por que essa felicidade toda? - Perguntou Carlinhos

- O amor muda as pessoas, e está mudando o Ronald. Isso me deixa feliz! - explicou ela

- Realmente, mamãe. - disse Gina abraçando-a. - que tal dar uma saidinha? Você volta mais tarde, se arruma e depois sai com o papai. 

- Boa ideia! - respondeu ela estalando os dedos e subindo. - Tchau, tchau!

- Tchau! - respondeu Luna

-Bem, agora é só lavar os pratos e curtir! - disse a ruiva - MIONE PODE VIR QUE EU NÃO VOU LAVAR NADA SOZINHA! 

Todos riram. 

- Ah! Que almoço! - disse Gui. - Tchau, gente! 

- Já vai? - perguntou Harry

- Sim, a Fleur tá me esperando em casa.

- ata. - respondeu Harry e com um estalo ele desaparatou

- Vou para a sala. - disse Luna e sem mas foi.

- Bem gente, eu vou logo à casa da Tia Muriel, - falou Carlinhos - ela disse que precisa de um homem que entenda de coisas fora do país... ninguém merece...

- Tia Muriel é Tia Muriel. - falou Gina

- Como assim? - perguntou Carlinhos. 

- Nada não. 

- Então tá. - respondeu ele - Xau! 

E também foi embora. 

- MIONE! EU JÁ TE CHAMEI!

E então ouviram a voz da mesma respondendo. 

- JÁ VOU!

Segundos depois Harry disse:

- Que dona de casa, hein? -Disse Harry. 

- Ah é? -perguntou ela.

Ele nada respondeu. 

Gina então pegou o purê em cima da mesa e começou a jogar na direção do moreno que tentava desviar. 

Mas um pegou bem em cheio na sua bochecha e ele caiu. 

Ele e Gina riram, logo depois Mione entrou na cozinha com Luna.

- Que é isso? Outra guerra bruxa? - perguntou ela.

Todos riram mais ainda.


Notas Finais


Bem, até o próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...