História Depois de tudo - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção
Personagens America Singer, Anne, Aspen Leger, Carter Woodwork, Celeste Newsome, Kriss Ambers, Lucy, Marlee Tames, Mary, Maxon Calix Schreave, May Singer, Rainha Amberly, Rei Clarkson, Shalom Singer
Tags América, Amexon, Maxerica, Maxon
Visualizações 78
Palavras 2.100
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Amanhã começa uma nova vida, a segunda temporada vai ser narrada pela America, Maxon, Max e mais alguém...
Amanhã será o primeiro capítulo da segunda temporada.
Espero que fiquem comigo na segunda temporada porque eu realmente preciso de voces para continuar o vosso apoio é incrível e muito obrigada por tudo mesmo!

Capítulo 29 - A vida continua...


Fanfic / Fanfiction Depois de tudo - Capítulo 29 - A vida continua...

Clarkson- America posso falar consigo? 

America- Clarkson? Sim pode o que quer falar comigo? 

Clarkson- Bem eu quero....

Clarkson- Bem eu quero pedir desculpa. (Pera que?)

America- Pelo que fez?

Clarkson- Por isso e por não ter escutado voces.

America- Por causa da proposta idiota do casamento? 

Clarkson- Também...foi por minha culpa que a Audrey foi raptada...

America- Quem tem mais culpa é a Kriss.

Clarkson- Ja mandei irem atrás dela.

America- Ainda bem...

Clarkson- Eu estou arrependido por tudo o que fiz a ela...

America- Se um dia ela voltar vai continuar com proposta idiota do casamento?

Clarkson- Não, eu agora só quero encontrar ela.

America- Ela fica aqui certo Clarkson? 

Clarkson- Sim fica...

Maxon- America, agradecia que volta se para o quarto.

America- Eu ja ia voltar meu querido.

Max- Mamãe, pro-me-teu não sair...

America- Eu sei meu amor eu prometi mesmo e eu vou voltar agora mesmo...tenha uma boa noite Clarkson. 

Chegando ao quarto e olhei para o relógio eram 3 horas da manhã, tinha demorado 1 hora, perdi a noção do tempo, senti a mão de Maxon no meu ombro esquerdo e uma mão pequenina no meu ombro direito.

Maxon- Não vem se deitar minha querida? 

America- Sim vou, só estava vendo as horas.

Max- Vem mamãe...

America- Sim lindo, vamos dormir...

Max- Mamãe a mana es-tar bem, mana vol-tar.

America- Voce acha?

Max- Sim...

America- Espero que sim meu amor.

Maxon- Vamos bebé? 

Max- Sim papai...

Um mês depois 

Se passou um mês desde que a Audrey desapareceu, todos em Illea sabiam do acontecido, já os reis voltaram para Inglaterra e começaram as buscas, até agora não tinhamos notícias deles e a Audrey não tinha sido encontrada ainda.

Max- Mamãe a mana ain-da vai vol-tar?

America- Eu não sei lindo, mas eu acho que essa possibilidade não vai ser possível...

Max- O papai es-tar mal.

America- Um pouco lindo, estamos todos mal...

Max- Kriss...foi ela mamãe.

America- Sim foi meu amor, foi mesmo.

Maxon- Eu queria dar banho ao Max...

America- Mas essa é minha função.

Max- Os dois mamãe...

Maxon- Os dois lindo?

Max- Sim papai eu que-ro os dois.

America- Então voce vai ter os dois sim?

Max- Sim mamãe!

Fomos até ao quarto e Max sorria com a nossa presença, ia ser o primeiro banho que iamos dar ao Max juntos, sentia falta da minha filha das vezes que ela batia no Maxon só porque sim sem nenhum motivo, só por diversão mesmo, queria pelo menos saber se ela estava viva, não confio na Kriss ela roubou a minha filha não podia tratar dela.

Maxon- Eu juro filho vamos encontrar a Audrey e ela vai voltar.

Max- Audr...

Maxon- Voce consegue filho, tente.

Max- Audrey!

America- Ele disse!

Max- Con-se-gui!

Maxon- Já tomei uma decisão.

Max- O que papai?

Maxon- Vamos a Inglaterra.

America- Voce acha que a Kriss foi para lá? 

Maxon- Não sei, mas pode ser que tenhamos sorte.

America- Sim mas precisamos de avisar a...

Maxon- A Elisabeth e o Edward eu ja avisei e eles estão mesmo dispostos a ajudar nos.

Max- Papai por-que va-mos?

Maxon- Procurar a mana!

Max- Procurar a Audrey?

America- Sim meu amor procurar a Audrey, sua irmã.

Maxon- Mas primeiro vou avisar o avô.

Max- Eu tam-bem vou papai?

America- Claro meu amor vamos os três.

Maxon- Mas agora vamos sair do banho.

Max- Não que-ro!

Maxon- Voce não quer?

Max- Não...

Maxon viu que Max não queria sair do banho e começou a fazer cosigas na barriga dele, o riso de Max era lindo os seus olhinhos brilhavam mas ainda escondiam tristeza ele sentia falta de Audrey todos sentiam, até o Clarkson. 

Maxon On 

Assim que consegui tirar o Max do banho com ajuda da America ele fazia força para não sair, agarrava o cabide (saudades cabide) fortemente fazendo com que eu e America não conseguise mos tirar ele, mas no final ele saiu, enrrolei Max na toalha e como era grande coloquei uma parte da toalha na cabeça dele secando o pouquinho de cabelo que estava crescendo, o cabelinho castanho (ou loiro mas voces já sabem como eu penso) ele ri-a do meu jeito de secar seu cabelinho, vi que com a toalha não conseguia optei pelo secador mas tinha medo de queimar a cabecinha dele.

America- Pods usar Maxon.- Riu.

Maxon- Não vai fazer mal a ele?

America- Não, mas tem de ter cuidado.

Maxon- Eu vou ter, tentar pelo menos...-Ri nervoso.

Peguei o secador e já fui ligando ele na tomada me assustei com o barulho, Max riu do meu susto e eu com certeza tive medo de ter feito algo errado.

America- É assim, não se preocupe!- Gritou.

Maxon- Obrigado!- Gritei de volta.

Continuei secando o seu cabelo com cuidado, estava com medo movia a mão se segurava o secador para o lado esquerdo e ele se contorçia sentindo o ar quente que sai-a, quando terminei desliguei e coloquei minha mão na cabecinha dele e estava quente.

Maxon- O que é que eu fiz com voce?

America- Está tudo bem?

Maxon- A cabecinha dele está quente.

America tocou a na cabecinha dele e Max nos olhou confuso e pegou na minha mão.

America- Sabe porque está quente? 

Maxon- Não...

America- Está sequinho, e o meu amor já está quentinho não é? 

Max- Sim...

Max estava distraído olhei para America já perguntando se era normal ele estar assim pois Max nunca foi de ser distraído e sim Audrey que era, sentia falta da minha filha o dia em que ela ficou brava comigo e com America por causa de não querer usar vestido, do dia em que ela nos apanhou quase fazendo aquilo e do dia em que eles fizeram aquelas perguntas dos bebes, sentia falta das perguntas bizarras que fazia uma menina de 1 ano e 2 meses fazendo aquelas perguntas, afastei esses pensamentos quando senti minha mão a ser puxada e olhei para o lugar. 

Max- Papai...- Estendeu os bracinhos para mim e eu peguei nele.

Maxon- Antes do bebe ir dormir....

Max- Não eu que-ro dormir com o papai e a mamãe!

Maxon- Sim voce vai dormir connosco meu amor, mas primeiro vamos falar com o avô por causa da viagem a Inglaterra sim?

Max- Sim papai.

Fui até ao trono e ele não estava lá, fui até a sala de reunião e também não estava lá decidi desistir mas Max apontou para a a porta do quarto de minha mãe e de meu pai, bati a porta e minha mãe abriu falando algo ao meu pai.

Maxon- Voces estavam discutindo? 

Amberly- Seu pai é teimoso!

Maxon- Não é novidade mãe!- Ri.

Clarkson- Podem parar se me insultar?

Maxon- Estamos só a dizer os seus defeitos.

Clarkson- O que voce queria Maxon?

Maxon- America, o Max e eu vamos a Inglaterra, pode ser que a Audrey e a Kriss estejam lá. 

Clarkson- Vai deixar Illea? 

Maxon- Eu vou de visita pai, depois voltamos.

Clarkson- Quanto tempo?

Maxon- Uma ou duas semanas.

Clarkson- Já avisaram o Edward e a Elisabeth?

Maxon- Sim e eles concordaram.

Clarkson- Otimo...

Fiquei tirando algumas dúvidas ao meu pai durante um tempo e finalmente saí fui para o quarto Max já estava mexendo na minha orelha revelando sono o sono que tinha.

America- Ele vai dormir connosco?

Maxon- Sim vai...

Max- Eu que-ro mamãe! 

America- Eu sei lindo e voce vai dormir connosco.

Maxon- Já tenho data para irmos.

America- Ah é, e quando vamos?

Maxon- Daqui a dois dias, é bom para voce?

America- Claro meu querido..

Maxon- Não está muito convencida...

America- E se não a encontramos?

Maxon- Temos de ser positivos minha querida.

America- Eu sei...

Londres Inglaterra 

Finalmente chegamos a Inglaterra fomos para o palácio assim que chegamos ao aeroporto, minha vontade era de andar por Londres inteira a procura de Audrey mas ela podia não estar em Londres ainda há varias cidades para procurar e o pior se ela não estiver em Inglaterra e sim em outro país ou se ela não estiver viva se a Kriss a matou, se deu a outra pessoa para cuidar ou ate mesmo matar ela não suporto a ideia de não a ter não quero isto, não aceito que minha filha esteja longe de mim e da America. 

Maxon- Podemos ir agora?

Elizabeth- Mas vocês acabaram de chegar, não preferem antes descansar? 

Maxon- Não muito obrigado Elizabeth pela preocupação mas agora eu estou mais com vontade de ir encontrar ela do que descansar.

Edward- Os nossas guardas estão a fazer buscas por Inglaterra inteira e alguns estão em outros países da Europa.

Maxon- Voces fizeram isso?

Edward- Sim Maxon, queremos ajudar e também a Audrey é importante para nós, não por a proposta do Clarkson.

Maxon- America já me disse e obrigado!

Edward- De nada Maxon, mas agora por favor vocês precisam de descansar amanhã mesmo começamos. 

Kriss On 

Kriss- Voce está proximo dela.

Ian- Eu gosto dela e vou ser eu a contar a verdade a ela.

Kriss- Voce não vai contar nada!

Ian- Voce sabe que vou contar, olhe para ela é idêntica ao Rei Maxon.

Kriss- A cara dela pode mudar ao longo do tempo.

Ian- E eu sou o coelhinho da Páscoa, por deus Kriss a carinha da Audrey não vai mudar nem um pouco.

Kriss- Eu sei que vai.

Audrey- Ian?

Ian- Sim querida?

Audrey- Onde es-tar? 

Ian- Em Londres querida...

Audrey- Va-mos vol-tar?

Ian- Posso prometer um coisa a voce?

Audrey- Sim...

Ian- Nós dois vamos voltar e voce vai ver o seu ir...

Kriss- Cale a boca! 

Ian- Nada me vai impedir de contar a verdade a ela.

Kriss- Eu vou!

Ian bufou, ele gostava da Audrey já Kriss não sabia se tinha relação de amor e odio com Audrey, ela tinha pena de Audrey e isso fazia com que ela gosta-se dela e por outro lado ela era filha de America e Maxon e a odiava por isso, não fazia questão de cuidar de Audrey isso era trabalho de Ian, ele era teimoso e queria muito contar a Audrey a verdade, Ian era um alemão que foi para Illea a procura de um futuro melhor, encontrou Kriss e ficaram amigos, Ian tinha olhos esverdeados e cabelo castanho não muito escuro mas também não muito claro, era alto e de personalidade forte e meiga, ele adorava Audrey e a tratava como se fosse sua filha mas ele sabia que não era e sabia o quanto era importante para Illea, só não entregava Audrey porque Kriss andava sempre a visia lo.

Maxon On 

1 Ano depois 

1 ano se passou, não encontramos Audrey em Londres as buscas ainda continuavam, e em Inglaterra também haviam pessoas que diziam que tinham avistado Audrey com um homem alto e sempre acompanhada com uma mulher baixa, Max agora tem 2 anos e estou mais próximo dele e quero continuar a estar proximo dele.

Max- Papai a mana não volta?

Maxon- Não sei filho, não sei...- Abracei ele e as lágrimas começaram a descer dos meus olhos.

America- Maxon...- Ouvi America me chamar chorando.

Maxon- Algum problema? 

Clarkson- Voce deveria ver isto...

Olhei para uma Tv que tinha no palácio que tinha um canal de notícias de todo o mundo de todos os países que existem.

Reporter da TV- Estamos no local onde uma bebe que aparenta ter 2 anos de idade foi encontrada morta em uma floresta no fim de Londres.....

Maxon- Não pode ser...

America- Ela morreu Maxon...

Maxon- Não ela não pode ter morrido....não pode!

Max- Papai? A mana?- Max me abraçou e começou a chorar acompanhei ele e America nos abraçou.

Não pode ser a Audrey tinha morrido, não pode, minha filha ela matou-a a Kriss matou a minha filha, fui para o quarto acompanhado de America e Max chorei muito nesse dia era minha filha, não sai mais do quarto não conseguia me mexer, não mais....

16 Anos depois (agora voces me perguntam tanto tempo assim? Faz parte na segunda temporada voces vão entender )

America On 

Se passaram 16 anos desde do dia em que soubemos que Audrey não estava viva, hoje ia fazer 16 anos que não tinhamos notícias dela, eu e Maxon somos Reis agora e Max cresceu bastante está quase do tamanho do Maxon ele estava realmente um príncipe charmoso, seus olhos azuis brilhavam cada vez que nos olhava, seu cabelo castanho claro sempre arrumado era lindo aquele estilo, estavamos na Seleção dele, mais especificamente A Elite e minha preferida era a Alison a filha de Carter e Marlee.

America- Vai sair com ela?

Max levantou a cabeça e sorriu, me encarou e continuou sorrindo. 

Max- Sim, vai ser o nossa terceira saída. 

America- Vai escolher ela?

Max- Não sei ainda mãe, ainda tenho tempo certo? - Perguntou um pouco aflito.

Maxon- Claro que tem tempo, mas também precisa de fazer a escolha. 

Max- Eu sei...- Andou até a saída e parou.

America- Onde vai?

Max- Vou tentar encontrar o Alex!- ri.

Maxon- Boa sorte para encontrar o ninja!- ri.

Max saiu e Maxon veio até mim, o olhei desconfiada mas ele ignorou o meu olhar e me beijou, durante estes anos Maxon e eu não tinhamos tido muito tempo mas agora iamos ter mais mas a mágoa e a tristeza da notícia de Audrey ainda incomodada ainda não acreditada que tínhamos perdido a nossa filha, afastei esses pensamentos negativos e ergui minha cabeça, agora tinha de pensar na Seleção de Max e em reinar Illea juntamente com Maxon e Max...


Notas Finais


E assim termina a primeira temporada, a Audrey é a bebe da reportagem? Saberemos amanhã na segunda temporada, amei escrever esta temporada e vou amar escrever a segunda que como ja disse também vai ter cenas Amexon mas também vai ser focada na Seleção de Max mas Amexon vai ter por isso não se preocupem.
Espero que fiquem comigo na segunda temporada e que me apoiem também porque preciso também do vosso grande apoio.
Espero que gostem! 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...