História Descendentes: A Vingança de Uma (pausada) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Carlos de Vil, Doug, Evie, Jane, Jay, Lorrie, Mal, Personagens Originais, Príncipe Ben
Visualizações 224
Palavras 540
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - 01x03 - Lei de Murphy


Narrador: Chloe

Vocês já ouviram falar na lei de Murphy? aquela que diz que se algo pode dar errado, vai dar. Pois é. Foi exatamente isso que aconteceu hoje.

Depois que acabamos de nos arrumar, eu, minha mãe, tia Evie e Sofia fomos direto para o local onde seria a coroação encontrar meu pai e Adam. Todas as nossas roupas foram feitas pela tia Evie e pela Drizzy, uma amiga dela e de minha mãe. O meu vestido era um azul com uns detalhes dourados, as cores de Auradon, e eu nunca tinha vestido algo tão deslumbrante em toda minha vida; eu havia pedido para tia Evie se superar e ela realmente se superou. Sofia sabia (e apenas ela sabia) o porquê desse vestido ser tão especial. Hoje tudo tinha que ser maravilhoso (mas não foi). Eu tinha chegado à conclusão que estava mais do que na hora de me declarar. Sofia e eu passamos dias planejando isso.

Chegando no castelo, lá estava ele. Josh. Tem nome mais lindo que esse? Josh. Josh. Josh. A única coisa mais linda que o nome é o dono dele. Ele é alto, moreno, tem uns traços meio asiáticos, olhos claros; mas o que  mais me deixa encantada com ele é seu sorriso, o qual ele abriu quando me aproximei

-Chloe. E aí? Você está linda

- Obrigada, Josh. Você também está ótimo

-Ah, valeu

Então eu fiquei sorrindo como uma boba para ele. O vestido desempenhou seu papel, chamou a atenção dele. Agora falta só a minha parte: falar com ele. Vamos lá, Chloe. Não é tão difícil. Então tomei coragem e comecei a falar

- Sabe, Josh, desde quando nós nos conhecem...

Minha fala foi interrompida por uma voz estridente

- Hello, amores!!!

Era Clary, filha da princesa Audrey e o principe Chad. Pense em uma garota insurpotável. Ela estragou meu momento. Ficou lá puxando assuntos bobos com o Josh enquanto eu olhava com um olhar furioso para ela.Não satisfeita, foi me abraçar e "sem querer " derrubou o copo de vinho que tinha nas mãos. Ahhhhh. Que ódio daquele menina. Ahhhh

-Querida, me perdoe, eu não tive intenção

A minha vontade era de mandá-la para muito longe. Mas como a princesa que sou, mantive minha postura

- Tudo bem. Apenas chame minha mãe, por favor

- Claro

Quando ela saiu, eu e Josh ficamos sozinhos novamente mas o clima já tinha acabado totalmente.

- O que você ia falar mesmo?

-Ah. Nada importante. Depois a gente se fala

- Beleza. A gente se vê por aí

Então ele foi embora

Depois disso, as coisas aconteceram bem rápido. Minha mãe, com a ajuda da tia Evie consertou meu vestido. E então, tive que ficar ouvindo os sermões da Sofia que só se calou quando foi anunciado que a coroação iria começar 

Eu e minha família já sabiamos como seria a coroação. Tudo foi ensaiado durante meses. Meu pai começaria falando sobre como Auradon fora fundada e as responsabilidades de ser um rei. Minha mãe contaria sua história e concluiria que tudo é possível. Eu ficaria sorrindo. Então, a Fada Madrinha abençoaria Adam e ele seria o nosso novo rei.

Mas a lei de Murphy se aplicou de novo e tudo deu errado......

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...