História Descendentes-Nova história - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Carlos de Vil, Doug, Evie, Jay, Mal, Personagens Originais, Princesa Audrey, Príncipe Ben
Tags Descendentes
Visualizações 108
Palavras 971
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Sorry se tiver erros ortográficos

Capítulo 21 - O que você acha?


*Em algum lugar*

PV. Sophia

17:00

- Nossa! Te trataram assim?

Sophia: Sim! Aquele Douglas me tratou como se eu tivesse feito algo a eles!

- E fez?

Sophia: Não!

- E fará?

Sophia: Talvez!

- Nada de talvez! Você disse que ia me ajudar!

Sophia: Tá, tá! Tanto faz.

- Ok. Volte para Auradon.

*No dia seguinte*

Auradon- 8:00

PV. Douglas

Estou andando nos corredores de Auradon, até qye esbarro na Sophia.

Sophia: Desculpa! A culpa foi minha! Eu estava distraída!(ela diz dando um sorriso)

Douglas: Deixa de ser falsa, garota!

Sophia: Do que você está falando?

Douglas: Eu não gosto de você, então para de fingir ser simpática! Que patético!

Sophia: Eu não estou fingindo ser simpática. Esse é o meu jeito.(ela diz sorrindo)

Douglas: Eu duvido! Sorrisos falsos não enganam todos, sabia?

Sophia: Mas eu não estou dando sorriso falso.

Douglas: Me poupe, garota!

Lia: O que está acontecendo?(ela diz aparecendo no meu lado)

Douglas: Nada, só estou discutindo com uma pessoa muito falsa.

Sophia: Ele está me ofendendo, Lia. Seria bom se você falasse com o seu namorado.

Lia: Ele só está falando o que pensa sobre você! Agora, se você não gosta da opinião dele, é melhor sair daqui.

Sophia: Tá. Eu tenho mesmo algumas coisas para fazer. Eu espero que sejamos amigos, Douglas.(ela diz e sai)

Douglas/Lia: Falsidade...

Douglas: Eu não confio nela!

Lia: Eu também.

Douglas: Vamos tomar café?(ela assentiu e fomos para o refeitório)

PV. Sophia

Que raiva daqueles dois! Ninguém confia em mim, além do Scott! Mas tudo bem. Estou com a cara fechada, sentada em um banco.

Scott: O que aconteceu?(ele diz se sentando ao meu lado)

Sophia: Quê?

Scott: Por que você está com essa cara de raiva? Aconteceu algo?

Sophia: Não. Está tudo bem.(digo sorrindo)

Scott: Então tá. Quer andar por aí?

Sophia: Claro!

Scott: Então vamos.

PV. Mal

Estou dormindo na boa, até que um ser humaninho, chamado Evie, começou a me xaqualhar.

Mal: Me deixa dormir!(digo bufando e colocando a coberta sobre minha cabeça.)

Evie: Não! Você já dormiu muito! Levanta!

Mal: Tá!(digo me levantando e entrando no banheiro. Depois saio dele vestida e com o cabelo arrumado.)

Evie: Vamos dar uma volta?

Mal: Você me acordou só para darmos uma volta?

Evie: Talvez sim. Talvez não. Mas vamos?

Mal: Vamos.(ficamos andando sem rumo, quando encontramos com o John)

John: Bom dia, meninas!

Evie/Mal: Bom dia!

John: Onde estão indo?

Evie: Para nenhum lugar. Estamos andando sem rumo.

John: Entendi.

Mal: E você?

John: O mesmo.

Evie: Você mudou, hein, John?

John: Como assim?

Evie: Mudou. Agora, você está legal. Antes nós não gostávamos de você, mas agora gostamos.

John: Ah, tá. E como vai o seu lance com o Doug?

Evie: Ah!(ela revira os olhos) Na mesma. Ele quis ficar com a Jolie.

John: Eles não estão namorando.

Evie: Eu sei. Ele não gosta de mim. Eu achava que ele era diferente, mas não, ele é como os outros garotos.

Mal: E se você estiver enganada e ele ser mesmo diferente dos outros garotos?

Evie: Acho que não.

John: Se eu fosse você, falava com ele.

Evie: Será?

John: É o que eu acho. Bom, deixe-me ir. Tchau.(ele sai)

PV. John

Saio do local onde a Evie e a Mal estavam andando. Eu realmente mudei; agora eu não gosto da Mal. E eu, realmente, acho que a Evie deveria falar com o Doug.

John: Oi, Jolie!(digo quando a vejo sentada na grama sozinha)

Jolie: Oi!

John: Você causou problemas, hein?

Jolie: Do que você está falando?

John: Do Doug.

Jolie: Ah! Ele!(ela revira os olhos) Ele é muito chato!

John: Então por que fez ele terminar com a Evie?

Jolie: Para ser um casal normal.

John: Como assim?

Jolie: Nenhuma outra garota iria querer ficar com ele, então eu quis "ficar" com ele. 

John: Que ideia, hein?

Jolie: Pois é.

John: E o que você faz aqui sozinha?(sento ao seu lado)

Jolie: O que você acha?

John: Eu acho que você está admirando a paisagem sozinha, porque outros não estão falando muito com você.

Jolie: Exatamente! Minha tia já fez o mesmo com meus pais. Eles demoraram muito para se reconciliarem, pois a minha tia não confessou que não gostava do meu pai.

John: E você? Vai fazer o mesmo que sua tia? Não vai confessar?

Jolie: Eu não sei.

John: Eles são seus amigos, Jolie! Não merecem ficar sofrendo!(ela dá um longo suspiro)

Jolie: Tem razão.

John: Então vamos falar com eles?

Jolie: Vamos.(fomos até o quarto do Doug e batemos na porta, e ele atende)

Doug: Falem.

Jolie: Eu queria pedir desculpas para você e para a Evie.

Doug: Pelo quê?

Jolie: É que eu só fiquei dando em cima de você para você e a Evie brigarem.

Doug: Por quê?

Jolie: Não importa!

Doug: Eu acho que ela não acreditaria que eu não falei nada quando terminamos porque você falou uma mentirinha.

Jolie: Mas você pode tentar.

Doug: Ok.

PV. Doug

Fui no quarto da Evie e da Mal, porém ninguém atendeu. Então fui andar por aí, quando encontro com a Mal e a Evie.

Doug: Evie! Posso falar com você?

Evie: Não!

Mal: Evie, fala com ele. Boa sorte, Doug.(ela sai)

Evie: O que você quer?

Doug: Esclarecer tudo.

Evie: Como assim?

Doug: Você achou que eu, quando terminamos, já queria me separar de você, mas não é verdade. É que a Jolie disse que você havia comentado que não gostava mais de mim, que eu era um chato, feio... Então eu não falei nada.

Evie: Mas por que ela fez isso?

Doug: Não sei. Mas você poderia me dar uma segunda chance? Mais uma chance para Devie?

Evie: Por que não?(nos beijamos)

Doug: Que bom! Porque eu te amo!

Evie: Eu também.

 

 

 

 

 

 

 

If you can dream it, you can do it!


Notas Finais


Espero que tenham gostado!

Eu acho que ficou meio estranho o término de Devie, mas me digam vocês.

Beijos!😘 Até o próximo cap.💞💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...