História Irmão, eu me apaixonei por você - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Bts, Kookmin, Mpreg, Namjin, Vhope
Exibições 645
Palavras 3.263
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie voltei ¬u¬

Gostaria de agradecer ao favoritos, muito obrigada :3

Bom... eu não tenho muito o que falar, apenas... espero que gostem do capítulo e.e'

Capítulo 13 - Acordo


Capítulo anterior

O jantar estava animado, todos contavam suas histórias e riam. Yoongi e Kyungsoo se encaravam, até Kyungsoo tomar a frente e chamar a atenção dos demais.

- Bom.. Eu só queria dar a noticia que... Eu e Yoongi estamos namorando – Kyungsoo estava receoso, sabia que Jimin sentia uma certa raiva de Yoongi, pois o mesmo ficou com seu alfa. Não sabia qual seria a reação do garoto.

Capítulo atual

Todos encaravam surpresos para o casal, MinA foi a primeira a comemorar o namoro dos dois, depois todos os outros os felicitaram. Jimin ainda estava sentado olhando para o nada, parecia confuso.

- Minnie...? – Kyugsoo o chamou e o ômega olhou o irmão

- Sim? – Jimin sai do transe

- Não vai dizer nada? – Yoongi estava relutante

- Er... – Jimin coça a nuca – Parabéns – sorriu terno

- Sério? – Um grande sorriso surgiu no rosto de Kyungsoo e Yoongi

- Claro, não tenho nada contra – Jimin riu e Kyungsoo abraçou o pequeno, seguido por Yoongi

O resto do jantar passou normalmente, Hyerin tentava a todo custo chamar a atenção de Jungkook, o que já estava deixando Jimin irritadiço. Jungkook apenas ria discretamente do ômega enciumado, Jimin estava sentado ao lado alfa com a cabeça encostada no braço do mesmo, estava com sono, não tinha conseguido dormir a noite inteira por conta da preocupação com o irmão mais velho.

- Park Jimin, me responda! – MinA praticamente grita com o acinzentado que estava quase dormindo ao lado do alfa.

- O que? Desculpe tia, estou cansado – o ômega ri nervoso e coça a nuca

- Aish... Você não tem um alfa? – o garoto ficou um pouco mais nervoso, ele tinha... mas não podia dizer que era o próprio irmão

- N-não – sorriu fraco e olhou discretamente para o Jungkook, que desviou o olhar.

- Nossa, você é tão lindo, como não encontrou um alfa ainda – MinA parecia surpresa, e Hyerin sorria debochada

- Acho que os alfas não pensavam assim – Hyerin encara Jimin, que apenas revirou os olhos ignorando o comentário da prima

- Bom, é isso tia, os alfas só gostavam de mim pela minha beleza, e não pelo que sou – o acinzentado coçou a nuca

- Chanyeol não pensava assim – Taehyung comenta, fazendo Jeon o fuzilar e Jimin bater na própria testa

- Taehyung! – O acastanhado encarou o menor risonho

- Chanyeol? Quem é Chanyeol? – MinA sorria maliciosa

- Um amigo nosso – Hoseok responde com um sorriso

- E onde ele está? Era bonito? – Taehyung assente

- Não sei onde ele está, faz um tempo que ele se recusa a sair com a gente, só não sei porque – Jimin suspira e Jungkook se levanta

- Eu vou para o quarto, estou cansado – Sem esperar uma resposta, o alfa vai para o quarto, Jimin faz o mesmo

- O que deu neles? – Junhyung pergunta para Kyungsoo, que dá de ombros.

Ficaram mais um tempo conversando, e depois os meninos foram para suas respectivas casas. Jin e Namjoon em nenhum momento conversaram, Namjoon sempre olhava para Jin, podia perceber o quanto o ômega também estava abalado, mas não demonstrava.

Em sua casa, Namjoon pensava em como reconquistar Jin, pensou em escrever uma música para o ômega, mas não conseguia pensar em nada; pensou em ir na casa do mesmo, mas com certeza ele o expulsaria de lá; pensou em pedir ajuda de Taehyung e Jimin, mas os dois estavam com raiva dele, não adiantaria de nada. Ainda tinha que recuperar a confiança de todos os outros, apenas Yoongi que ainda falava com ele, pensou em pedir ajuda ao beta, mas o garoto não era nada romântico.

Por outro lado, Jin queria fazer Namjoon provar que havia mudado, o alfa já havia o mandado várias mensagens pedindo perdão, pedindo para que o ômega voltasse para ele, que havia mudado, mas Jin duvidava um pouco disso, ainda tinha medo de Namjoon, de fazer tudo de novo. Kidoh, um amigo de infância de Jin, disse que o ajudaria a fazer Namjoon provar que havia mudado, começando pelo ciúme, Kidoh e Jin fingiriam que estavam namorando, e Jin o apresentaria para o grupo, sabia que o alfa estaria junto por causa de Yoongi, o beta nunca deixou ele sair do grupo, ninguém o contrariou, afinal, Namjoon ainda era amigos deles, mas estavam todos chateados com ele.

- Kidoh, o que faz aqui? – Jin pergunta olhando o garoto na porta de casa, sentado na escada, estava frio, o que o alfa estava fazendo na frente de sua casa naquele frio?

- Jinnie – o alfa estava com uma expressão triste, sem pensar duas vezes, o ômega abraçou Kidoh e acariciou os fios do mesmo. Estava realmente preocupado com o alfa.

- Vamos entrar, farei um chocolate quente e você vai me contar o que está acontecendo – Jin se levantou junto de Kidoh e abriu a porta de casa.

Jin trancou a porta e foi para a cozinha, Kidoh ficou sentado no sofá da sala olhando os quadros com varias fotografias de Jin e seus pais, algumas só, algumas ele e Kidoh. Sorriu fraco, lembrava muito bem de sua infância, Jin sempre bancando a Omma dele, era divertido viver com Jin.

- Se lembra desse dia? – Jin pegou um porta retrato com uma foto dele e do alfa com um sorriso no rosto.

Estavam numa sorveteria com seus pais, os alfas conversavam sobre negócios e as ômegas sobre shopping, festas e outras coisas. Jin e Kidoh apenas desfrutavam de seus sorvetes, enquanto Jin tomava o maior cuidado para não se sujar, Kidoh se lambuzava todo, sendo repreendido por Jin. O ômega pegou um lenço e limpou a boca do alfa – que estava toda suja de sorvete de chocolate – e o mesmo corou levemente.

- Parem de ser fofos – a mãe de Kidoh apertou as próprias bochechas encarando os menores

- Não, não parem, eu amo isso – a outra ômega ri e pega uma câmera, tirando uma foto deles, que saiu um Jin com a cara toda vermelha e um Kidoh rindo e apertando as bochechas do ômega.

Foi um dia espetacular para os dois. Pena que era o último dia de Jin em Gwacheon

Kidoh assentiu rindo de leve e pegou a caneca de chocolate quente da mão do ômega. Jin sentou ao lado do alfa e tomou um gole do chocolate.

- Lembro muito bem, foi uma pena você ter se mudado no dia seguinte – Kidoh encostou a cabeça no ombro do ômega e seu sorriso foi sumindo aos poucos e sua expressão triste voltou.

- Kidoh, o que aconteceu? Por que está tão triste? – Jin envolveu o alfa em um abraço reconfortante

- Eu recebi uma noticia muito triste... Para mim e para você – Kidoh levantou a cabeça e encarou o ômega, Jin se assustou com a frase. Kidoh respirou fundo e colocou a caneca na mesinha de centro, fazendo o mesmo com a de Jin

- Você esta me deixando preocupado, Kidoh – Jin sentia um nó na garganta, não sabia o porque de seus pais virem em mente.

- Nossos pais... Eles faleceram, Jinnie... - Kidoh suspirou vendo a expressão surpresa do ômega, Jin havia paralisado, não conseguia falar nada, não conseguia nem respirar direito, apenas desabou em lágrimas e abraçou o amigo.

Kidoh, por outro lado, não derramou nenhuma lágrima, apenas retribuiu o abraço e beijou o topo da cabeça do ômega. Tinha que manter-se forte, por Jin, o ômega passou minutos chorando no ombro do amigo e acabou dormindo. Kidoh levou Jin para o quarto e ligou para seu melhor amigo, JiHo, avisando que não iria para aula no dia seguinte pois viajaria para Gwancheon, onde seria o velório e enterro de seus pais. Pediu para JiHo avisar aos amigos de Jin que ele havia viajado com ele, mas não dizer o motivo, mesmo que seja um momento triste, ele ainda ajudaria Jin a fazer Namjoon sentir ciúmes.

Deu uma última olhada para o ômega e desceu, pegou as canecas de chocolate e lavou, não tomaram quase nada. Depois de lavar as caneca, subiu e pegou um cobertor, deu um beijo na bochecha de Jin e ia sair, mas fora puxado pelo ômega e caiu deitado na cama.

- Dorme aqui comigo – Jin sussurrou e passou os braços pela cintura do alfa, estava necessitado de carinho

Kidoh não recusou, se cobriu e abraçou o ômega, fazendo um carinho nos fios rosas do ômega. Jin sorriu e ainda de olhos fechados e se aconchegou nos braços do melhor amigo, Kidoh fechou os olhos lentamente e dormiu.

------

Jimin estava fazendo o café da manhã com a ajuda de Ye-Won, queria impressionar sua tia, já estava arrumado para ir para a escola, uma saia rosa, uma blusa social branca, e um casaco preto com listras também rosas, e uma gravata da mesma que a saia.

- Querido, vá chamar os outros, eu termino tudo aqui – Ye-Won diz sorrindo, Jimin assente, dá um beijo na bochecha da mais velha e logo em seguida corre para o quarto de Jungkook o chamar.

Chegando no quarto encontra o alfa já em pé e arrumado, faz bico e cruza os braços. Jeon encara o mais novo e ri, indo em sua direção.

- O que foi pequeno? – Jungkook deixa um selar na testa do ômega

- Eu queria acordar você – Jimin responde e olha para trás, logo dando um selinho no mais velho, Jeon sorri abraça a cintura do menor, fecha a porta de sela seus lábios com os do acinzentado.

Jimin sorri entre o ósculo, enlaça os braços no pescoço do maior e aprofunda o beijo, o alfa aperta a cintura de Jimin e anda até a cama se sentando na mesma com Jimin no colo. Quebra o ósculo e desce para o pescoço do mesmo, sabia que podiam ser pegos, mas não ligava, apenas queria desfrutar daquele momento com seu ômega. Jimin também nem se importava em ser pegos ou se ficaria marcas dos chupões em seu pescoço. Estava se divertindo com isso, poderiam entrar a qualquer momento, Jimin estava adorando o perigo, deixava o clima ainda melhor. Empurrou o alfa, fazendo-o se deitar na cama e colocou as mãos no peito do mesmo, sorrindo malicioso, Jeon estava surpreso com a atitude do menor, não sabia que o garoto poderia ser tão ousado assim.

Jimin começou a rebolar no membro coberto do moreno, Jeon gemeu baixinho e apertou ainda mais a cintura do ômega, olhou em seu celular e viu que ainda tinham bastante tempo para a escola, sorriu de lado e se sentou novamente, empurrou o ômega para baixo, fazendo o menor sentir ainda mais sua ereção, Jimin mordeu o lábio inferior aumentando o ritmo das reboladas. Jeon jogou a cabeça para trás gemendo um pouco mais alto, tendo sua boca tapada pela mão pequena de Jimin, este que mordia os lábios com tanta força, já podia sentir o gosto metálico do sangue, Jungkook tirou a mão do ômega de sua boca e capturou os lábios do menor, em um beijo cheio de luxuria e desejo. O ômega quebrou o ósculo, recebendo resmungo de reprovação do alfa, sorriu e desceu os beijos para o pescoço do mesmo, distribuindo selares, chupões e mordidas, Jeon não aguentava mais, queria foder aquele ômega sem se importar com os outros. Jimin negou com a cabeça, apesar de estar desejando o mesmo que Jungkook, não podiam, não naquele momento. Jungkook grunhiu, estava muito duro, Jimin riu fraco e mordeu o lábio inferior e saiu do colo do alfa, Jungkook tentou puxar o ômega novamente, mas este correu até a porta rindo.

- Você vai mesmo me deixar nesse estado? – Jeon pergunta olhando indignado para o irmão e apontando para a calça colada, sua ereção era bem visível.

- E quem disse que ia sair, Jungkookie? – Jimin pergunta com uma voz sexy, nunca havia provocado Jungkook, mas estava adorando, trancou a porta e andou em direção ao alfa lentamente. – Que tal faltarmos hoje, Jungkookie? – Jeon sorri e puxa o ômega para seu colo novamente

- Eu adoraria – Jeon jogou o ômega na cama, ficando por cima, iam começar um beijo, mas foram interrompidos por batidas na porta

- Meninos, vamos logo, irão se atrasar – Ye-Won os chamava

- Nós não vamos hoje Ye – Jeon responde com a voz rouca

- Ah, mas vão sim, vamos logo, saiam – A mais velha se altera e Jungkook bufa

- Já vamos Ye, não se estresse – Jimin diz calmo

- Rápido! – ouviram passos se distanciando e se encararam.

- E agora? – Jungkook pergunta para o ômega, que sorri de lado e empurra o moreno na cama, ficando por cima

- E agora isso – Jimin tira a calça do alfa, junto da box e engoliu o que conseguia do membro do moreno.

Jeon acaba soltando um gemido alto e colocou sua mão na boca, não sabia onde Jimin havia aprendido isso, mas estava adorando. Jimin começou os movimentos de vai e vem rápidos, levou sua mão ao seu membro e começou a se masturbar no mesmo ritmo do vai e vem que fazia em Jungkook. Jeon segurou  os fios acinzentados do menor e ditou os movimentos, Jimin não se importava se o membro o alfa estava o engasgando, Jeon – praticamente – fodia sua boca, e Jimin achava isso ainda mais excitante. Jimin fora o primeiro a gozar em sua mão, seguido de Jeon, em sua boca. Jimin não hesitou em engolir tudo, e encarou Jungkook, tirou sua mão de dentro da calcinha que usava e levou até a boca, chupando os dedos com o liquido branco e viscoso. Jeon ainda com a respiração descompassada, subiu a box e a calça e deu um último beijo no ômega, sentindo o próprio gosto.

- Seu gosto é bom – Jimin diz após o ósculo.

- Tudo em mim é bom – o alfa sorri convencido e Jimin ri

- Okay, senhor convencido, vou no meu quarto rapidinho, me espere lá em baixo – Jimin se levanta andando em direção a porta

- Mas estou mentindo? – Jungkook pergunta rindo

- Não – Jimin responde e ri

-----------

- Por que vocês demoraram tanto? – Kyungsoo repreendia os dois pois nem tomaram café da manhã por conta do horário

- Desculpa hyung – Jimin pediu e deitou a cabeça no peito do namorado.

- Aish... Da próxima vez, eu entro lá e puxo os dois pelos cabelos – Jimin colocou as mãos no cabelo, como se estivesse os protegendo, fazendo Jungkook ri

- Acho melhor não entrar no quarto quando demorarmos – Jungkook comenta

- Por que? – Kyungsoo pergunta com uma sobrancelha arqueada e Jungkook o encara – Vocês...  Jeon Jungkook! – Kyungsoo entendeu o que o alfa quis falar e Jungkook riu

- A culpa não foi minha hyung – Jungkook ria sem parar e Jimin corou – Jimin que me provocou – olhou para o ômega, que fez bico

- Meu Deus, Jungkook – Kyungsoo passou as mãos nos fios negros – Você transformou nosso irmão em um pervertido – Jimin cruza os braços e se ajeita no banco

- Eu? Eu não fiz nada -  Jungkook riu e levantou as mãos – Ele que chegou no quarto e começou a me provocar – Jimin olhou com uma sobrancelha arqueada para Jungkook

- Hyung, foi ele que começou – Jimin menti apontando para Jungkook, queria permanecer inocente na frente de Kyungsoo – ele me transformou em um pervertido

- O que? Jimin! – Jungkook fica boquiaberto e Kyungsoo fica sério, mas acaba rindo

- Eu sei bebê, Jungkook é muito pervertido, e acabou transformando você em um também – Kyungsoo apertou as bochechas de Jimin e o abraçou logo em seguida

Passaram o caminho todo conversando, primeiro deixaram Jimin e depois Jungkook, Kyungsoo foi para a empresa, estava um pouco atrasado e nem deu tempo de conversar com Yoongi.

-----

Os meninos estavam no intervalo, Taehyung reclamava que queria conversar com Jin, mas o mesmo havia faltado, e que ia bater no mais velho por conta disso. Hoseok ria do ômega e conversava com Jungkook. Yoongi estava conversando com Namjoon mais afastado.

- Hey, vocês são os amigos do Jin, não é? – Um beta com o cabelo platinado se aproxima do grupo

- Sim, aconteceu algo com ele? – Jungkook pergunta preocupado

- Nada demais, é que Kidoh pediu para avisar que eles viajaram, por isso o Jin não veio hoje  – o beta responde e olha Namjoon

- Kidoh? Para onde eles fora? – Namjoon estava começando a se alterar, Yoongi colocou a mão no ombro do amigo

- Isso não é da sua conta – JiHo diz ríspido e Namjoon rosna, Jungkook e Hoseok se levantam prontos para segurar Namjoon, caso o mesmo atacasse o beta, mas nada acontece, Namjoon apenas suspira e entra na escola fazendo todos se encararem e JiHo sorri vitorioso, o plano de Jin e Kidoh estava dando certo – Bom... Era só isso, até mais – O beta sorri e sai, deixando os outros confusos.

Tinham certeza que Namjoon atacaria o beta, mas o alfa não fez nada, ficaram felizes em saber que Namjoon estava começando a se controlar, assim era capaz de Jin voltar para ele.

-----

No fim da aula, todos foram buscar Jimin na escola e depois foram para casa. Jimin ficou preocupado com o amigo, mas se divertiu conversando com os garotos. Hyerin e Junhyung se juntaram ao grupo, para a infelicidade de Jimin e Jungkook, pois além de Hyerin ficar querendo se mostrar para os alfas, especialmente para Jungkook, Junhyung ficava encarando Jimin, parecia o comer com os olhos. Jungkook estava para dar na cara do alfa, e Jimin estava ficando cada vez desconfortável, apenas Jungkook podia o olhar daquele jeito, o desejar daquele jeito.

Depois de horas conversando, todos vão embora, os outros garotos jantaram e subiram para o quarto, Jimin não queria dormir sozinho, então pediu para o irmão dormir com ele, que aceitou imediatamente. Hyerin apenas os observava.

- O que você está fazendo ai? – Junhyung aparece atrás da ômega, a assustando

- Idiota! Não me assusta assim – Hyerin bate no irmão e o mesmo ri

- Desculpa – Junhyung levanta os braços em rendição – Mas então, o que você esta fazendo? – olha para o mesmo lugar que Hyerin, vendo Jungkook carregando Jimin e entrando no quarto do mesmo – Que feio Hyerin, espiando os outros

- Aish... Cala a boca, olha acho que eles tem alguma coisa – A ômega encara o irmão com os braços cruzados

- Acha? Eu tenho certeza – Junhyung ri – ‘Tá na cara, Jungkook nem deixa eu chegar perto do Jimin direito, quando eu o olho, ele fica me encarando, só falta me matar – o alfa se encosta na parede ao lado da irmã

- Com o Jimin é a mesma coisa, os dois vivem enciumados – a ômega bufa e encara Junhyung – Você quer alguma coisa com o Jimin, não é?

- Claro, o tamanho daquela bunda dele, deve ser muito bom foder aquele garoto – Junhyung morde os lábios imaginando Jimin nu em sua cama

- E o Jungkook... Ele deve ser muito bom na cama – Hyerin se encosta na parede sonhadora, Junhyung a encara e sorri diabólico

- E se nós... Fizéssemos um acordo? – Hyerin o encara

- Que tipo de acordo? – pergunta a ômega

- E se... Nós separássemos eles? – O alfa pergunta novamente, fazendo Hyerin sorri diabólica

- Essa é uma boa ideia, assim terei o Jungkook só pra mim, e você o Jimin – Junhyng ergue a mão para a irmã

- Então, acordo feito? – Hyerin sorri e aperta a mão do alfa

- Acordo feito – Junhyung ri e vai para o quarto, Hyerin faz o mesmo, com uma única coisa em mente

Separar Jimin e Jungkook.

Capítulo 13 – Acordo - Fim


Notas Finais


Jimin safadinho ¬u¬ ADOROOO

Kidoh e Jin são tão fofinhos *u*

Hyerin e Junhyung... Ai meu Santo Yoongi, iludidos de primeira, NINGUÉM SEPARA NOSSO QUERIDO JIKOOK

Espero que tenham gostado 'u'

Se quiserem que eu melhore em algo, é só dizer.

Fanfic nova, "Coração de gelo", é Jikook, espero que gostem 'u' Até agora só tem o prologue

https://spiritfanfics.com/historia/coracao-de-gelo-7196061


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...