História Desde a Infância - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Baekyeol, Chanbaek, Exo, Hunhan, Kaisoo, Sulay, Xiuchen
Exibições 136
Palavras 1.158
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 24 - Capítulo Vinte e Três


Logo atrás dele vejo Chanyeol e meu cu foi parar no coração. Escutei KyungSoo me chamando mas ignorei, não conseguia pensar em nada, pelo jeito que Chanyeol conversava com ele, eles pareciam ser amigos faz tempo. Quando ele me viu, pareceu paralisar também, Chanyeol olhou estranho pra nós dois mas logo começou a falar

       -    Como vocês sabem, JongDae mudou de sala então eu precisava por mais uma pessoa aqui. Esse é Kim JunMyeon também conhecido como SuHo - Então é ele com quem o Chanyeol divide apartamento, quando nos conhecemos ele ainda não tinha esse apelido - KyungSoo, LuHan, Minseok - Falou apontando para cada um dele - E esse é Ba… - Antes dele terminar de falar JunMyeon atrapalhou

       -    Byun Baekhyun - Chanyeol o olhou confuso - Eu conheço ele - Falou dando um sorriso e a cara do Chanyeol não foi muito agradável com isso

       -    Que bom que vocês se conhecem - Falou e vi sua boca formar um 'eu acho' - Vou para minha sala.

Por sorte - sente a ironia - a mesa do JunMyeon era bem do lado da minha e isso facilitou para ele ficar me comendo com os olhos

*Flashback on*

Um dia calorento, com um sol que ta rachando a calçada, minha mãe manda eu ir no mercado que fica na puta que pariu apé, porra mãe. Cheguei no mercado e ainda bem que ele estava vazio, assim que entrei senti o ar condicionado e fiquei na frente dele por alguns minutos, até as pessoas me olharem estranho, ai eu comecei a comprar oque tava na ''pequena'' lista da minha mãe. Estava escolhendo alguns chocolates quando alguem bate com a roda do carrinho no meu calcanhar

       -    Puta que pariu - Sussurrei passando a mão no calcanhar

       -    Eita moço. Desculpa ai - Olhei pra trás e vi um Deus..QUE? Quer dizer, vi um menino.

       -    A-a não foi nada - Porque caralhos eu gaguejei. Ele deu um sorriso e saiu do mercado. Quando eu olho pro chão eu vi sua carteira, peguei e corri atrás dele mais ele tinha sumido. Fiquei pensando em como devolver pra ele, queria perguntar pras pessoas se alguém conhecia ele, mas não reparei muito bem em seu rosto.

Depois de pegar tudo e ir embora, falei pra minha mãe sobre a carteira e ela falou para eu deixar no mercado de novo que o dono aparecia. Eu subi para meu quarto e abri a carteira, por sorte achei um numero nela, espero que seja dele.

Eu: Oi?

Depois de 5 minutos chega uma mensagem nova

Moço da carteira(?): Oi! Quem é?

Eu: Desculpe perguntar, mas você estava no mercado agora pouco e trombou com o carrinho em um menino?

Moço da carteira(?): Sim.

Porque?

Eu: Então, tipo assim, eu sou o menino.

E você deixou sua carteira cair lá no mercado

Eu corri pra te devolver mais você ja tinha sumido

Moço da carteira!: Oh sim, sabia que estava sentindo falta de algo

Muito obrigado por me avisar!

Eu moro bem perto do mercado, você poderia vir aqui me entregar?

Eu: Okay, vou sim. Me espera na frente do mercado

*Flashback off*

E foi assim que eu conheci JunMyeon. Depois desse dia, nós começamos a conversar, viramos amigos, e namoramos… Sim, namoramos. Mais não deu muito certo por causa de umas coisas.

Depois de fazer tudo o que tinha que fazer, estava prestes a ir almoçar, JongDae me chama falando que Chanyeol queria falar comigo. Fiquei na frente da porta e dei uma batida, escutei ele falando entre, mas quando entrei não o achei na sala. Osh! Cade esse homem. Sentei na cadeira na frente da sua mesa e ele saiu de uma sala qualquer

       -    Desculpe a demora, estava falando com meu pai - Ele falou e em vez de se sentar na cadeira dele, se sentou do meu lado - De onde você conhece o SuHo? - Ele me perguntou e não tive a certeza se falaria a verdade. Mas se ele não descobrisse por mim, iria descobrir pelo JunMyeon então achei melhor falar

       -    A gente já… namorou - Falei dando uma pausa. Seu olhar mudou pra mais serio do que antes

       -    Faz muito tempo? Como vocês se conheceram - Perguntou se levantando e indo pra cadeira dele, oque há de errado com o Chanyeol?

       -    Faz uns 4 anos que a gente terminou, depois disso nunca mais vi ele. Bom, até hoje - Eu estava me assustando com a cara do Chanyeol, ele estava completamente serio e sem expressão - A gente se conheceu por acaso no mercado, quando ele derrubou a carteira dele. E depois disso começamos a nos falar

       -    Quanto tempo esse namoro durou? - Eita, interrogatório agora?

       -    Mais ou menos 1 ano e meio

       -    E você ainda gosta dele? - Perguntou e eu fiquei chocado, não acredito que ele esta me perguntando isso

       -    Que? Nossa, não vou nem te responder isso Chanyeol - Ele me encarou serio

       -    Pelo jeito que vocês se olharam lá na sala de baixo parece que se gostam ainda - Eu estou começando a ficar irritado já

       -    Eu só fiquei meio ''assustado''. Fazia muito tempo que a gente não se via e ele apareceu do nada

       -    Você sentiu alguma coisa quando viu ele?

       -    Caralho Chanyeol - Me exaltei - Eu não gosto dele caramba, pode ter certeza. Mais que droga, porque você ta me perguntando isso agora? - Ele não ia parar com essas perguntas. Não sei o que deu nele, ele estava diferente

       -    Legal saber que quando eu estava sofrendo por estar longe de você, você estava se esfregando com outro - Falou e eu o olhei irritado

       -    Eu não estou acreditando no que estou ouvindo - Falei e me levantei da cadeira batendo a mão na mesa - Você acha que eu não sofri também Chanyeol? - Quase gritei - Esse foi um dos motivos porque a gente terminou. Eu não estava mais conseguindo ficar com ele, eu comecei a namorar com ele, porque queria tentar te esquecer. Mas você não saia do meu pensamento. Droga Chanyeol, eu cheguei a chamar seu nome no meio de uma relação - Ele me olhou com os olhos arregalados - Eu estou inacreditado com oque você acabou de falar - Falei e quando ia abrir a porta pra sair, ele me puxou pelo pulso.

       -    Você fez o que? - Perguntou e seu olhar tinha mudado completamente, estava mais ''divertido'' agora

       -    Nada - falei e abaixei a cabeça envergonhado. Eu não deveria ter falado que eu fiz isso, mais porra, ele me deixou muito irritado.

       -    Olha pra mim Baekkie - Balancei a cabeça negando. Ele colocou a mão no meu queixo e a ergueu. Ele ficou me encarando por um tempo e eu estava começando a corar, quando eu ia abaixar a cabeça de novo ele me beijou…


Notas Finais


Revelações ksdjlsdjk
Desculpe pelos erros ><
Até o Proximo ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...