História Desejados (Luke Hemmings) - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Calum Hood, Luke Hemmings, Personagens Originais
Tags 5sos, Hemmings, Luke, Luke5sos, Lukehemmings
Visualizações 75
Palavras 328
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


VOLTEIIII
Boa leitura ❤

Capítulo 15 - Nova Iorque é linda


Fanfic / Fanfiction Desejados (Luke Hemmings) - Capítulo 15 - Nova Iorque é linda

Duas semana depois:

Luke:

Tudo aqui em Nova Iorque é lindo. O meu emprego, o meu apartamento, a cidade, a minha secretária. 

- O nome dela é Lucy. E acho que eu estou apaixonado - falo jogando uma almofada em formato de bola pra cima.

- Ham - Hanna responde.

Nós estávamos deitados na cama, um do lado do outro, eu falando e ela mexendo no celular.

- Vou chamá-la para jantar de novo.

- Faz isso.

E de repente nossa amizade voltou. Pelo menos pra mim.

Não transamos mais, não nos beijamos mais. Não ficou nada estranho. Eu falei uma vez: Talvez o que temos seja uma amizade colorida.

- Amanhã a chamo para sair. Me deseje sorte.

- Claro. Boa sorte.

Já estava à noite, na hora de dormir. E aquela foi a única vez na semana toda em que Hanna pegou suas coisas pra dormir na sala.

- Ei? - falo quando a mesma vai saindo e fechando a porta.

- Boa noite, Luke.

- Deita aqui. Fica comigo.

Ela me ignora totalmente e fecha a porta. 

Hanna:

Parece que não deu certo. Ele me usou. Meu próprio melhor amigo. Nem sei o que ele é mais. 

Não queria dizer nada, não queria atrapalhar a vida dele. Mas eu sofri. Eu chorei noites e noites. Agora eu estou pouco me fodendo pra isso. Deixa ele viver a vida dele como bem quiser. A canalhice dele não merece minhas lágrimas.

×××××××××××××××××

No dia seguinte eu decidi procurar um emprego. Fui em vários lugares, entreguei currículos e foi puxado. 

Senti que já tinha sido rejeitada por todos, até que me ligaram.

- Hanna Hall Miller?

- Sim, eu mesma.

- Aqui é a Duny, gerente do Europa Café. Queria dizer que está contratada, e que começa amanhã. Chegue às seis da manhã e procure por Wesley Tucker, ele te explicará tudo.

- Okay, agradeço desde já.

Desligo já pulando de alegria no sofá.

×××××××××××××

Era meia-noite e Luke ainda não tinha chegado. Não ia mais esperar por ele, tinha que ir dormir. PRA ACORDAR CEDO E TRABALHAR.

E foi isso que eu fiz.


Notas Finais


WESLEY CHEGOU NA FIC, GENTE.
Eu conheci ele numa fic que comecei a ler hoje, jdbdjdh.
Se vocês não conhecem, já já conhecerão.
(Ele é um gato)
Mas enfim, o cap de hoje foi pequeno e sem graça, mas super necessário. Logo logo tem mais um. Talvez hoje ainda ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...