História Desejo - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Yuma Mukami
Tags Diabolik Lovers
Exibições 22
Palavras 411
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Escolar, Fantasia, Ficção, Harem, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - 10


A descoberta mais chocante da minha vida não poderia ser pior, eu estava grávida! Mas como contar ao Laito? Ao sair do banheiro com o teste nas mãos me deparo com ele diante de mim para meu desespero, e quando tento esconder o teste,Laito o toma rapidamente das minhas mãos.
- Você está grávida? - Pergunta surpreso de olhos arregalados ao olhar para o visor.
- Sim. - Respondo trêmula. A expressão em seu rosto muda enquanto ele abre o sorriso mais lindo do mundo e me beija apaixonadamente como nunca antes. - Eu te amo Laito. - Digo feliz.
- Também te amo, Cherri. - Dou risada enquanto ele me pega nos braços e me leva para o quarto, me deita em sua cama cuidadosamente e me cobre se deitando ao meu lado logo em seguida se agarrando á mim.
- O que você acha que é Laito? - Eu iria adorar a ideia de ter uma filha menina mas também queria saber a opinião de Laito.
- Espero que seja um menino forte,lindo e musculoso como eu. - Dou risada de novo enquanto lhe dou um tapa de brincadeira.
- Quando vamos contar aos outros? - Pergunto.
- Talvez amanhã. - Responde sonolento enquanto me abraça mais apertado ainda e dorme logo em seguida.
Quando acordamos no dia seguinte tomo o café da manhã com Laito em seu quarto sentados nas poltronas perto das janelas.
- Essa luz do Sol é irritante. - Diz com nojo na voz.
- Mas deve ser porque não está acostumado Laito, o Sol é ótimo e hoje o dia está lindo! Tá perfeito para um passeio pelos jardins. - Digo animada.
- Mas você diz isso porque é uma mera humana, não é uma escrava da escuridão. - Apesar da raiv que senti por ter me chamado de mera humana,fico meio triste por ele ter se definido como escravo da escuridão.
- Ah Laito. - Digo pegando em sua mão. - Você não é um escravo afinal você e seus irmãos são praticamente príncipes se considerar que Karl é o rei dos vampiros. - Ele sorri com meu comentário enquanto pega em meu pulso vagarosamente.
- Posso? - Pergunta, quando entendo o que quer assinto com a cabeça e Laito ficar bebendo meu sangue por alguns segundos.
- Chega Laito! o bebê! - Ele para quando falo do bebê.
- Desculpe Bella. - Diz sorrindo enquanto me beija.
- Tudo bem. - Respondo.

Notas Finais


Comentários??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...