História Desejo. - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias O Diário Secreto de um Adolescente, Pretty Little Liars
Tags Desejo, Drama, Romance Gay
Exibições 22
Palavras 735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


COMO PROMETIDO mais um capítulo pra vocês <3
~Desculpa a demora!

Capítulo 4 - Será Amor?



   Anteriormente...
Se eu encontrar o Raul no caminho, na escola, no pátio, em qualquer lugar eu iria com certeza ficar mudo, ele não respondeu mais minhas mensagens, Nada. Entro na sala e Raul entra logo depois, rindo ao lado de Jéssica. Sinto um ciúmes intenso subir pelo meu corpo, e aí estava a perfeita prova de que... Realmente estava gostando de Raul...
[Começo do Capítulo...]
  Tento disfarçar e Raul me olha, me fazendo mais uma vez ficar tímido, então pego minhas coisas e ponho em cima da carteira começando a anotar o que estava no quadro.
-Hoje eu vou na sua casa pra nós continuarmos o trabalho... - Ele sussurra próximo ao meu ouvido, que me faz ter um arrepio gostoso. -Okay. - respondo e volto a copiar o quadro.
  Depois de mais um dia entediante, vou pra casa com Raul, sem notar que Taylane estaria nos esperando no pátio. Entro em casa com Raul e mais uma vez, direto pro quarto.
-Me desculpa pelo beijo de ontem... - digo fechando a porta do quarto. -Tá tudo bem... - ele sorri e eu sorrio logo depois. -Eu posso te dar outro? - digo mas logo coro, ele percebe e vem em minha direção, me dando um beijo intenso. Retribuo meio surpreso e agarro a nuca dele, explorando cada canto da boca dele. -Eu queria poder fazer isso todo dia... - sussurro e Raul me olha. -Poderiamos fazer coisas mais quentes que isso... - Raul sussurra em meu ouvido.
   Fico meio sem jeito e sento na cama pegando meus livros, e pelo menos uma vez na vida, Raul trouxe o livro dele.
-Dada a sua preeminência militar, Esparta era reconhecida como... - começo a pronunciar minha fala e Raul me dá outro beijo, mais intenso me puxando mais pra perto.
-R-Raul, temos que continuar o trabalho.... - tento falar entre o beijo. -Vamos Pêh... Nós dois sabemos que você quer isso... - ele sussurra e eu fico sem jeito de novo. -Raul, nós temos que terminar esse trabalho, depois nós podemos... Bem... Ah deixa pra lá... - suspiro ainda corado. -Okay... - ele responde e olha o livro dele estudando a fala.-
[No dia seguinte...]
   E novamente Raul e Jéssica coladinhos, até que eu vejo Jéssica roubar um selinho dele. Eu fico sem ação... Parado que nem uma estátua... Será que ele está apenas brincando com meus sentimentos, ou realmente... Ele gosta de mim também?

Avisto Taylane de longe e corro para abraça-lá mesmo sem estar com animo, Também, quem fica animado quando vê a pessoa que você supostamente gosta está com outra? 
-Oi sua lindaa! - grito rindo e abraçando ela. -Saai vai atrás do seu Raulzinho vai. - ela resmunga fazendo cara feia, então me lembro que nós iriamos sair juntos, mas acabei indo somente com Raul. -Me desculpa Tay, por favor eu nunca mais faço isso! - faço um biquinho fofo implorando para que Taylane me perdoasse, ela olha meu biquinho e ri. -Awww, só por causa desse biquinho. - rimos. -Se você me trocar pelo Raul você vai ver... - diz ela fazendo drama. -Não se preocupa, eu nunca mais vou esquecer de você, minha bebezinha... - rio e dou um beijo na bochecha dela. -Agora vamos pra sala que o sinal já vai bater. - puxo Taylane até a sala e me sento na minha carteira tirando minhas coisas da mochila e desenhando algo no caderno de desenho.

Sempre que Taylane chegava cedo na escola eu ia direto pra sala com ela, ficar desenhando, Resenhando. Mas depois desse meu desejo por Raul eu e Taylane parecemos que nos afastamos, não estávamos tão juntos como antes.
-E se os Espartas tivessem perdido a guerra? - rimos sem saber o sentido da piada que eu fiz. -Você quer ir a minha casa hoje? Tipo ficar lá sem fazer nada, nadando na piscina... - ela fala e eu assinto com a cabeça. -É... faz um mês que vou.... - o sinal bate e Taylane ajeita sua carteira na fileira, e então Raul entra na sala e levanta o olhar para mim, viro a cara e volto a olhar minha carteira.
-Eu e Jéssica não temos nada. - ele sussurra em meu ouvido e senta na carteira dele. Consigo sentir a respiração dele em meu pescoço então fecho os olhos e a professora de Espanhol entra aos berros na sala, Como toda santa 5ª Feira.
 


Notas Finais


Beijos no mamilo esquerdo (Noussa) e até amanhã!
~Horário em que os Capítulos serão liberados... ~19:00hrs por que é por ai que tenho MUITA criatividade...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...