História Desejos Reais - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias 1 Litro de Lágrimas (Ichi rittoru no namida)
Visualizações 0
Palavras 1
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Margarida sai correndo para avisar o rei.
Diana deita a cabeça no peito da mãe e chora.

Os sinos tocam e todos percebem que a rainha morreu.
Laura chega na cozinha assustada e diz:

- A senhora viu que estão tocando os sinos mamãe?
- Quando o sino toca 7 vezes significa que alguém do palácio morreu.
- Eu ouvi falar que a rainha estava muito doente.
- Infelizmente ela deve ter morrido.

Na sala de estar Liana está lendo um livro quando escuta o sino tocar pela quarta vez, ela estranha e pergunta para o filho que está passando por ali:

- Onde você vai meu filho?
- Não se preocupa minha mãe, vou apenas na cozinha.
- Você sabe que não devemos trabalhar durante três dias de luto.
- Quem morreu minha mãe?
- Não sei dizer, acho que foi a rainha já que tinha ouvido falar que ela estava doente.
- Eu vou na cozinha, prometo não sair hoje.

Eliano chega na cozinha e olha com admiração para Laura que está olhando na janela para o céu. Laura sem perceber a presença de Eliano ela diz:

- Mamãe o céu tá tão lindo, pena o ar de tristeza não combinar com ele hoje.
- Concordo plenamente, esse céu tão azul e essas flores tão perfumadas não combinar com esse ar de tristeza que circula sobre esse reino.
- Eliano! (Risada) Sempre com belas palavras para afastar a dor, pena o rei não ter a sorte de desfrutar de sua presença.
- E você linda e sabia como sempre.
- Mas me diga, o que faz na cozinha?
- E a dona Silvia onde está? Vim atraído por esse aroma de doce de jabuticaba que só ela sabe fazer.
- Nossa, obrigada pela parte que me toca (risada).
- (risada) Você faz doces divinos porém eu prefiro as tortas que você faz melhor que ninguém.

Silvia chega em casa e vê Laura e Eliano rindo em frente a janela e diz:

- Eliano! O que faz em casa essa hora?
- Olá dona Silvia, minha mãe me proibiu de sair, por causa do luto.
- Tem toda razão o luto.
- E dês de já peço para que a senhora e Laura não saiam de casar nem trabalham esses dias.

No palácio todos estão na sala do trono em volta do caixão de vidro da rainha. Muito triste é chorando Diana percebe a ausência do pai e pergunta para sua dama:

- (baixinho) Mirela? Onde está meu pai?
- (baixinho) Ele não apareceu aqui princesa.
- Acho melhor mesmo, não gostaria de olhar para a cara de sínico dele.

No outro canto da sala conversam Margarida e Porfilho. Margarida sussurrando diz olhando para a princesa:

- Coitadinha da princesa, estão tão tristonha.
- Ela acabou de perder a mãe, não deve estar sendo fácil para ela.
- Porfilho?
- Sim?
- Percebeu que o rei não apareceu até agora?
- Deve estar sendo mais difícil para ele e não quer mostrar sua tristeza em público.
- Acho que não, ele esteve tratando de assuntos do reino durante a doença da rainha.
- Eu não sei o que pode ter acontecido.

Con...

Capítulo 7 - O velório da rainha


Fanfic / Fanfiction Desejos Reais - Capítulo 7 - O velório da rainha




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...