História Desejos secretos - Capítulo 81


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Temari, TenTen Mitsashi
Tags Sasusaku
Exibições 612
Palavras 3.642
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Todas as imagens foram retiradas do google imagens, não me pertencem.

Bom pessoal, esta ai o capitulo da semana. Como disse estou sem tempo, então não tenho conseguido postar com frequencia.

Espero que entendam.

Beijos

Boa leitura.

Capítulo 81 - Minha noiva mais que perfeita.


Fanfic / Fanfiction Desejos secretos - Capítulo 81 - Minha noiva mais que perfeita.

 

Sasuke

Eu estava completamente eufórico, o dia que eu estava esperando finalmente havia chegado, em menos de 24 horas Sakura seria minha esposa ela seria finalmente senhora Uchiha e eu serei o homem mais feliz sobre a face da terra.

 

 Eu estarei me casado com a mulher da minha vida com quem eu compartilharia uma linda família.

 

Eu não conseguia me concentrar em nada que as pessoas ao meu redor diziam, somente assentia a tudo que me diziam, imaginar Sakura caminhando em minha direção vestindo um lindo vestido de noiva era a única coisa que estava em minha mente.

 

 Eu viajava com toda a imagem da cerimonia diante de mim, eu me sentia nas nuvens, todo meu passado vinha como pequenos lampejos em minha mente, eu jamais me imaginei casando, e muito menos tendo uma família.

 

 E agora eu Uchiha Sasuke estava contando as horas para que tudo isso acontecesse o mais rápido possível.

 

Ver Sakura tão encantada com tudo fazia meu dia brilhar, era como uma onda de alegria que se espalhava por todo meu mundo.

 

 Suas mãos tremiam e seus olhos brilhavam enquanto o mestre de cerimonia explicava os detalhes de toda cerimonia, ela rangia os dentes toda vez que mamãe e dona Mebuki falavam a palavra beijo e alianças ao seu lado.

 

 Ela estava tão bonitinha nervosinha que eu poderia ficar ali admirando seu nervosismo e ansiedade por horas, eu amava cada expressão de seu lindo rosto.

 

Apos todo o ensaio sentia meu corpo pesado, era como se todo mundo estivesse em minhas costas, bati em retirada vendo Sakura sendo rodeada pelas mulheres da organização.

 

 Percebi que tudo isso duraria uma eternidade, eu precisava de fato de um alivio imediato, a minha ideia estupida de esperar ate a noite de núpcias estava me matando.

 

Suspirei fundo assim que voltei para o quarto, ficar ali olhando para Sakura era como estar diante do maior desejo personificado, eu precisava me manter comportado ate a noite de núpcias se não dona Mikoto iria sumir com as minhas bolas e o taco em um passe de magica. 

 

Liguei meu notebook para verificar se Itachi havia me mandado algo do trabalho, depois de alguns minutos vagueando em alguns e-mails vi o arquivo com as fotos de Sayaka, eu olhei para as fotos e sorri internamente imaginando como ela estaria se estivesse viva.

 

Deslizei os dedos em seu pequeno rosto já sabendo que estava na hora de me desapegar de tudo que estava relacionado ao meu passado, olhei mais alguns segundos para as fotos e comecei a deletar uma por uma, ela sempre estaria viva em meu coração.

 

Apertei os lábios quando fitei uma foto no qual ela estava no colo de Ayaka no dia que ela havia vindo ao mundo.

 

 Naquele dia eu senti que minha vida não era mais somente minha, que minha vida girava em torno daquele pequeno anjo que havia entrando em minha vida.

 

 No entanto essa felicidade havia durado pouquíssimo tempo, mas havia sido suficiente para me mudar para sempre.

 

Senti meus olhos arderem imaginando a ultima a imagem de Sayaka ainda viva, dela deitada em seu pequeno berço mordendo seu pequeno coelho de borracha, essa era a imagem que eu queria levar de minha pequena filha, dela sorrindo como um pequeno anjo iluminado.

 

Entrei no chuveiro e deixei a agua lavar toda minha alma, pois eu queria estar livre de tudo para então recomeçar minha vida ao lado de Sakura, ela me merecia por completo e eu me entregaria a nossa relação inteiramente sem nada a esconder.

 

Eu seria um marido completamente transparente, eu seria somente dela e ela somente minha, seria um verdadeiro pai de família, participaria na criação dos nossos filhos e demonstraria meu amor todos os dias por ela e pelos nossos filhos.

 

Minha nova vida ao lado da mulher que eu amava estava para começar, levantei a cabeça e me retirei do chuveiro encontrando Sakura com um olhar perdido diferente do olhar que enfeitava seu rosto há alguns minutos atrás. 

 

Em um piscar de olhos meu mundo estava se quebrando escutar Sakura duvidar do meu amor era como um tiro no meio do coração, eu a amava demonstrava meu amor de todas as formas possíveis, mas ainda assim ela não se sentia segura em relação a nos, isso era como um choque de realidade.

 

Quando sai do quarto eu não pensava em nada eu só queria sair dali, meu corpo doía, minha mente estava um caos, meus olhos ardiam, eu havia sido estupidamente grosso, mas se voltasse para o quarto acabaríamos nos desentendendo novamente.

 

Eu precisava de tempo para me acalmar, eu precisava fazer Sakura entender que meu amor por ela era algo tão real que nada nem ninguém poderia nos afastar, mas para isso eu precisava estar com a minha mente boa.

 

Eu estava no carro dirigindo por Long Island sem rumo, vi a luz do meu notebook piscar, deslizei a mão abrindo o rapidamente engoli em seco quando vi a foto de Sayaka no colo de Ayaka.

 

Parei o carro a meio fio da calçada socando com força o volante, Sakura se sentia insegura porque achava que eu ainda estava preso ao meu passado, ela estava com medo, e eu era a razão de todo esse medo.

 

 Dei meia volta acelerando como um louco em direção ao hotel, Sakura precisava de uma fodastica noite de amor para entender de vez que ela era a única que dominava e consumia minha mente por completo.

 

Ela era tudo que eu desejava e necessitava ter em minha vida, ela era o motivo de eu querer acordar todas as manhãs.

 

Quando cheguei próximo ao hotel escutei buzinas ecoando pela avenida diante do hotel, estiquei meu pescoço para ver do que se tratava e lá estava Sakura atravessando a maldita avenida em direção à praia.

 

 Encostei rapidamente o carro caminhando em direção dela sem que ela pudesse me perceber, ela parou diante da imensidão azul se abraçando com força, percebi que não poderia ficar mais ali somente observando, eu queria senti la em meus braços aperta la, toca la, e ama la acima de tudo.

 

Eu amava Haruno Sakura mais que tudo neste mundo, ela era a maior perfeição sobre a terra, e cada segundo de minha vida seria dedicado a esse amor louco que me consumia de forma insana.

 

Depois que Sakura saiu de meu quarto sendo praticamente arrastada por dona Mebuki fiquei ali tomando um baita sermão de dona Mikoto, que não parava de puxar minha orelha, ela rosnou inúmeras vezes em minha orelha enquanto me estapeava.

 

- Que droga filho. Sakura não precisa ter olheiras quando estiver caminhando em sua direção, ela precisa estar linda entendeu? - me joguei na poltrona enquanto minha mãe batia o pé de forma frenética olhando para seu celular.

 

- Mãe Sakura não precisa estar linda, ela é linda. Será que você não entende que não existe ninguém mais linda do que ela nesse universo todo. – ela sorriu enquanto eu sentia meu coração acelerar já imaginando Sakura em seu vestido de noiva.

 

Ela rosnou olhando para o celular me deixando um pouco receoso, ela jogou o travesseiro na minha cara enquanto batia os pés com força contra o chão.

 

- Problemas no paraíso dona Mikoto? - bocejei vendo um olhar enraivecido se formar em seu rosto.

 

- Eu pago milhões de dólares para não ter esse tipo de imprevisto, mas pelo jeito esses imprevistos adoram me perseguir, vá tomar um banho e se vista, quero você lindo para receber os convidados. - baguncei os cabelos bocejando enquanto ela me puxava em direção ao banheiro.

 

- Mãe ainda e 8 da manhã, o casamento vai ser as 14h00min, me deixa dormir um pouco, eu vou ficar com olheiras. - ela me deu um belo tapa estalado me enfiando embaixo do chuveiro gelado.

 

- Cala a boca Sasuke, toma logo esse banho, desça para tomar seu café, os rapazes já estão todos ai. Espero que seu fraque esteja à altura de sua noiva. - arqueei a sobrancelha enquanto ela sorria encantada.

 

- O vestido e bonito mãe? Você a viu? - ela sorriu me dando outro tapa estalado nas costas.

 

- Você vai poder apreciar o lindíssimo vestido em sua belíssima noiva as 14h00min quando ela estiver caminhando ao som da marcha nupcial, agora vai logo Sasuke, eu não gosto de repetir. - suspirei fundo me enfiando no chuveiro escutando dona Mikoto resmungar ao telefone.

 

Apos alguns minutos relaxando debaixo do chuveiro sai ainda vestindo somente uma toalha de banho, minha mãe ainda continuava em meu quarto brigando com alguém ao celular.

 

 Joguei-me na cama olhando para o meu celular enquanto escutava dona Mikoto esbravejar algo sobre as flores da decoração estarem erradas.

 

Fiquei ali com o rosto enfiado no travesseiro tentando descansar um pouco já que a noite com Sakura havia sido intensa demais, senti minha mãe afagar meus cabelos beijando o topo da minha cabeça, rolei pela cama me deparando com um lindo sorriso em seu rosto.

 

- Mãe.. Obrigado por tudo isso. - ela fez um gesto de deixa pra lá com a mão enquanto se sentava ao meu lado.

 

- Eu estou tão feliz Sasuke, eu estava ficando aflita achando que você nunca se daria uma segunda chance. Agora te vendo sorrir ao lado de Sakura eu me sinto finalmente completa. - beijei sua mão suavemente.

 

- Você sempre foi tão sozinho, eu tive tanto medo de você nunca encontrar alguém capaz de lhe completar, mas agora te vejo sorrindo, seus olhos brilham sua voz e suave e calma, Sakura te faz um bem danado meu amor. - concordei internamente com tudo que ela me dizia, afinal eu havia mudado muito desde que Sakura havia adentrado a minha vida.

 

- Eu a amo mãe. Eu vou fazer dela a mulher mais feliz nesse mundo, eu não me imagino sem ela, minha vida finalmente esta completa. - ela beijou suavemente minha testa deslizando seus dedos em meu rosto com um imenso sorriso.

 

- Mas dona Mikoto obrigado mesmo por este belíssimo casamento, Sakura esta tão encantada com tudo, você não sabe como isso me faz feliz. - ela fez beicinho apertando minha bochecha como sempre fazia quando éramos pequenos.

 

- Isso não é nada, afinal estou casando meu ultimo filho. Tem que estar tudo na mais perfeita ordem. - ela passou seu braço ao redor do meu ombro me fazendo aninhar em seu ombro.

 

- Mãe Itachi esta se divorciando, logo você terá ele para casar novamente. - ela mordeu o lábio inferior me olhando com aquele olhar de mãe inconformada.

 

- Algum problema mãe? Pode falar dona Mikoto eu conheço esse olhar, droga. O que vocês estão me escondendo hein? - ela soltou um suspiro pesado batendo os dedos das mãos.

 

- Mãe? - inclinei meu rosto para ver bem no fundo dos seus olhos.

 

- Izumi.. Ela esta exigindo guarda compartilhada. - soquei a cama com força.

 

- Mas que porra e essa? Porque Itachi nem Shikamaru me falaram nada sobre isso? - levantei-me da cama caminhando de um lado para o outro no quarto.

 

- Sasuke.. Ninguém queria te importunar nesse momento, você merece ter um momento só seu Itachi achou melhor não te envolver nisso. - baguncei meus cabelos sentindo uma imensa raiva tomar todo meu corpo.

 

- Estamos falando do meu sobrinho droga, estamos falando da minha família. - ela levantou caminhando em minha direção me puxando contra seu corpo.

 

- Eu sei Sasuke, mas você esta para formar sua família, achamos que você não precisava de um estresse antes disso. - ela beijou minha testa suavemente me fitando nos olhos.

 

- E por isso mesmo, estou para formar minha família e você quer que eu deixe de lado a família que também será da minha esposa? Mas fique tranquila dona Mikoto eu vou resolver isso assim que voltar da lua de mel, vou conversar com Shika e Itachi. Afinal eu sou Uchiha Sasuke certo? - ela olhou para mim com aquele olhar desconfiado me enchendo de cocegas na barriga.

 

- Esses meus filhos como me dão trabalho, você esta para casar com a mulher mais linda e especial desse mundo Sasuke, se você pisar na bola com ela eu mesmo decepo seu taco. - arregalei os olhos escutando dona Mikoto gargalhar.

 

- Bom vou descer, Mebuki esta furiosa com o pessoal da decoração, vou la ver se consigo ajudar com algo. E você mocinho arrume se, eu quero ver você lindo naquele altar. - me joguei na cama acenando um ok com a mão.

 

Fiquei rolando pela cama quando vi o visor do meu celular se acender, e lá estava uma foto de Sakura em uma imensa banheira coberta por pétalas de rosas sendo mimada por varias mulheres.

 

 Logo abaixo da foto havia a seguinte mensagem.

 

Amor estou sendo tocada por varias mãos, mas a única mão que eu queria me tocando e a sua.. Como faremos hein senhor Uchiha? Preciso te sentir.. Quero sua boca em mim..

 

Mordi meu lábio sentindo o maldito calor se alastrar diretamente para o meu pau, Sakura conseguia içar meu membro ate com uma simples mensagem, rolei pela cama apertando minha virilha contra o travesseiro respondendo a mensagem logo em seguida.

 

Meu amor sossegue esse seu fogo se você ainda quer ter mister Uchihinha de noite em você. Caso dona Mikoto fique sabendo que andei de fodendo via mensagem ela corta minha trave e as bolas, ai não teremos mais gol e nada de mini Uchihas correndo pela nossa linda casa. rs.

 

Pelo jeito o efeito da mensagem foi direto no alvo do seu núcleo molhado, porque no mesmo instante Sakura parou de me mandar fotos de seu dia de princesa, ela amava mister Uchihinha mais que tudo e jamais colocaria em risco seu patrimônio orgástico.

 

Continuei rolando pela cama sentindo meus olhos pesarem, eu havia descansado muito pouco durante a semana, meu corpo ainda estava necessitado de um pouco de repouso, meus olhos se fecharam instintivamente me levando a um sono relaxante.

 

Acordei quando senti meu corpo ir de encontro a algo duro, tateei pela cama que já não era mais cama, mas o maldito chão escutava gritos e risadas em meu quarto, levantei ainda sonolento quando senti a mão de alguém me puxar com força me empurrando contra a poltrona.

 

- Porra maninho olha para você, já e mais de meio dia e você nem esta vestido droga. Dona Mikoto esta parindo la embaixo seu tapado. - pulei da poltrona olhando para o relógio em total desespero.

 

- Merda.. Eu acabei pegando no sono. Droga. - Naruto sorria ajeitando sua gravata diante do espelho enquanto Sai me entregava meu fraque.

 

- Vista se logo Sasuke todos os convidados já estão chegando ao Glen Cove e o noivo dormindo. - corri em direção ao banheiro e comecei a me arrumar rapidamente escutando os rapazes comentarem sobre os convidados.

 

Vesti-me como se minha dependesse de cada minuto enquanto Naruto já me estendia os sapatos e a gravata, Itachi me ajudava com a flor na lapela enquanto eu tentava ajeitar meu cabelo com os olhos fixos no relógio, eu parecia uma mulher rodeada pelas amigas enquanto escolhia o que usar em uma noite glamorosa.

 

 Itachi me ajudando com a flor, Neji apertando minha gravata e Naruto enfiando os sapatos em meus pés.

 

Deslizei minhas mãos em torno do fraque alinhando o cuidadosamente.

 

- Vamos Sasuke, sua mãe vai te comer vivo, ela estava gritando lá embaixo perguntando por você a cada cinco segundos. - suspirei borrifando um pouco de perfume me ajeitando diante do espelho.

 

- Caralho, eu já estou indo. Itachi desça lá e acalme dona Mikoto porque não estou a fim de sair daqui com a orelha vermelha. - ele gargalhou acenando um ok com a mão saindo com os rapazes me deixando somente com o tapado do Naruto.

 

- Vá logo maninho, não sei se consigo segurar dona Mikoto la embaixo, ela vai subir e comer sua trave como aperitivo. - arregalei os olhos já imaginando minha mãe com o facão de cortar o bolo decepando minhas bolas.

 

- Eh amigão esta chegando o grande momento, respire fundo e vamos encarar os convidados. - assenti rapidamente soltando um profundo suspiro.

 

Itachi havia feito o favor de levar dona Mikoto para o Glen Cove me livrando de um longo sermão e de varias puxadas de orelha, agradeci mentalmente tamanha habilidade de Itachi em convencer dona Mikoto a satisfazer seus pedidos.

 

 Quando cheguei ao Glen Cove com Naruto percebi de fato a grandiosidade da festa, dona Mebuki e mamãe haviam feito a lição de casa direitinho pelo jeito, tudo corria na mais perfeita ordem.

 

O local estava decorado de uma forma exuberante e luxuosa, uma imensa tenda alojava o altar adornado em flores brancas dando um ar puritano e romântico.

 

Estava tudo tão perfeitamente romântico que me sentia como um príncipe saído de algum tipo de contos de fadas no melhor estilo Cinderela.

 

Suspirei observando cada detalhe enquanto tentava conter meu nervosismo.

 

Circulei rapidamente entre os convidados agradecendo a presença de cada um deles fazendo um social básico antes da cerimonia, percebi o olhar mortal de dona Mikoto queimado minhas costas, continuei a caminhar cumprimentando a todos com um imenso sorriso já ansioso para ver minha noiva em seu belíssimo vestido. 

 

Vi minha mãe se aproximar com um imenso sorriso nos lábios, ela me puxou para um canto ajeitando a flor na lapela enquanto beliscava meu traseiro.

 

- O que você estava fazendo Sasuke? Deus eu achei que você tivesse fugido. - arregalei os olhos enquanto ela lançava sorrisos para os convidados que caminhavam diante de nos.

 

- Eu fugir dona Mikoto? Pirou? E mais fácil a Sakura fugir de mim do que eu fugir dela, eu sou louco por ela. Por falar nisso cadê o mestre de cerimonia? Cadê dona Mebuki e senhor Kakashi, cadê todo mundo? Quando isso começa hein? - batia meus dedos contra uma mesa cheia de aperitivos e doces enquanto ela me olhava de canto ainda furiosa.

 

- Acalme se Sasuke, esta tudo na mais perfeita ordem, tudo seguindo o cronograma, só o idiota do noivo que deveria estar aqui ao meio dia recebendo os convidados que quebrou a perfeição da minha organização. - ela bufou arrumando meus cabelos alinhando meu fraque logo em seguida.

 

- Venha os convidados já estão se acomodando, você precisa estar ali naquele altar para esperar por sua belíssima noiva, ela deve estar chegando. - engoli em seco mordendo meu lábio inferior sentindo meu corpo todo tremer.

 

- Ela já esta chegando mãe? - ela sorriu me empurrando em direção ao altar no qual meus amigos já estavam posicionados em um conversa animada.

 

- Sim Sasuke, Mebuki acabou de me ligar avisando que estão a caminho, vá tomar seu lugar.  - sorri como abobado caminhando em direção ao altar soltando pequenos suspiros já imaginando Sakura dizendo o tão esperado sim.

 

Quando me posicionei diante do altar senti um leve tapinha nas costas, me virei deparando com Itachi que me olhava com um imenso sorriso.

 

Tentei me concentrar nos convidados que se acomodavam em seus lugares tentando controlar meu nervosismo, vi dona Mebuki caminhar em minha direção acompanhada de mamãe.

 

 Ela se aproximou e sussurrou baixinho.

 

- Pronto? Ela esta linda segure sua baba rapaz. - sorri internamente enquanto dona Mebuki selava um beijo terno em minha testa.

 

 - Se não a fizer feliz eu mando você para o inferno Sasuke, eu sei ser muito malvada quando quero. - mordi meu lábio enquanto ela sorria se posicionando do outro lado do altar.

 

- E a hora filhote vai ser enlaçado de vez. Sorte sua dela ser tão linda e perfeita. - engoli em seco quando escutei a marcha nupcial ser tocada ao piano.

 

- Estou quase derretendo dona Mikoto, não me faz tremer na base. - ela gargalhou arrumando novamente minha gravata.

 

Fiquei ali ao lado de meus pais, Itachi e meus padrinhos vendo as damas de Sakura caminhar uma por uma ate o altar, meus olhos brilharam quando vi o pequeno Yugi segurando a pequena cesta com as alianças caminhando cuidadosamente contando seus passos fazendo todos sorrirem com tamanha inocência.

 

E lá estava ela a mulher da minha vida caminhando pelo corredor ao lado de senhor Kakashi, meus olhos se fixaram em sua imagem.

 

 Naquele momento eu só enxergava a minha belíssima Sakura linda em seu belíssimo vestido, mordi meu lábio inferior sentindo as lagrimas se formarem em meus olhos, ela era de fato a mulher mais linda de todo o mundo.

 

Meus pés tremiam, meu estomago doía, minhas mãos estavam suadas e meus olhos marejados, eu sorri vendo o meu maior desejo caminhando suavemente ate mim.

 

Eu amava Haruno Sakura mais que tudo no mundo, e agora eu entendia o porquê da minha vida ter sido um inferno astral, era para que quando ela adentrasse minha vida eu soubesse dar o devido valor a essa mulher mais que perfeita que estava ali diante de mim. 

 

Senhor Hatake parou diante de mim me entregando a mãe de Sakura me fitando nos olhos, ele apertou minha mão e sussurrou baixinho.

 

- Faça a feliz se não você é um homem morto Sasuke. - balancei minha cabeça levemente enquanto deslizava meus dedos em suas mãos.

 

Levantei seu véu cuidadosamente encontrando o rosto que eu tanto amava, ela estava com seus olhos marejados, apertando os lábios enquanto tentava segurar as lagrimas.

 

Quando nos olhamos ela sorriu apertando minha mão com força me fazendo sorrir, percebi naquele momento que ambos estávamos suados e nervosos com todos nos observando de forma encantada.

 

Eu amo você Sakura, isso aqui e somente o começo de tudo meu amor. Nunca me deixe. Caramba se soubesse que existia algo para descrever essa sensação eu somente diria que ela só pode ser resumida em uma palavra: Amor.

 

 

 

 


Notas Finais


Esta ai o capitulo dessa semana pessoal.

Espero que gostem.

Beijoss e ate a proxima semana.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...