História Despertar - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Vhope
Visualizações 14
Palavras 1.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoal 👼
Esse vai ser um capitlo de passagem apresentando um pouco da relação do Jin e do Jimin.
Obrigada por estarem acompanhando a história até aqui ❤
Boa leitura.

Capítulo 4 - Beber para esquecer


Fanfic / Fanfiction Despertar - Capítulo 4 - Beber para esquecer

[Um dia antes: Sexta-Feira]


    SeokJin acordou naquela manhã de sexta realmente preocupado, saindo de casa as presas, precisava checar em Jimin e ver se o mesmo estava bem. Correndo pela rua deixava o vento frio bater sobre seu peito enquanto pensava o que Yoongi teria aprontado desta vez? Ele não teria realmente feito… aquilo…?! Parou afobado na frente do prédio do amigo, acenou para o porteiro que já o conhecia e deixou o loiro entrar prontamente. O apartamento do amigo ficava no último andar; na cobertura, por isso tinha dois andares de apartamento. Bateu na porta rapidamente, não obtendo resposta… ainda bem que guardava uma cópia da chave. Adentrou na casa, estava um clima sinistro.


Será que alguém morreu? Perguntou mentalmente, desde que a casa costumava ser animada com os dois lá. Foi aí que o loiro notou, não havia mais os dois, nem fotos de Yoongi pela casa, estavam todas rasgadas no meio, parecia que um animal selvagem entrou na casa e destruiu tudo que tinha dos dois lá.


Ele realmente tinha feito aquilo.

- Jiminie-ah! Onde está? - SeokJin suava frio pensando no que havia ocorrido com Jimin - Me responda!

- Pare de gritar Hyung. - A voz de Park se fez presente no cômodo, ele descia as escadas com um roupão e um copo de café em suas mãos. Seu estado estava lamentável; os cabelos bagunçados e os olhos inchados, parecia que ele tinha apanhado até desmaiar. Jimin costuma ser uma pessoa arrumada e sempre cheirosa, mas naquele dia a coisa não havia nada nele em um estado comum. - Eu estou aqui. O que faz na minha casa a essa hora? Te disse para não vir… não quero que me veja nesse estado.

- Jimin! O que aconteceu aqui? Por que esta desse jeito? - Jin perguntava aflito, se aproximando de seu amigo e tocando-lhe os ombros acariciando levemente a face inchada, o ruivo estava em um péssimo estado. Ele sabia bem o que estava acontecendo. - O que houve ontem a noite? Onde está Yoongi?   

- Espero que ele esteja queimando no inferno - Disse friamente. - Ele chegou em casa ontem… - Estava díficil falar, sentia as lágrimas voltarem a seus olhos e o nó em sua garganta apertar cada vez mais. - Ah Hyung… porque fui me envolver com esse babaca? Ele sempre hesitava em falar que me amava, quando pedia pra ele fazer amor comigo, porque nunca duvidei? Ele fugiu, foi pro Japão, aceitou a droga de uma proposta de emprego e não pensou duas vezes antes de me abandonar. - As lágrimas escorriam pelo seu rosto freneticamente começou a ficar vermelho e seu coração voltou a doer.

- COMO ASSIM ELE FUGIU? - SeokJin esbravejou, detestava quando machucavam seu amigo, não esperava que Yoongi realmente fosse fazer aquilo. Ele fazia tão bem para Jimin e seus sentimentos pelo ruivo aparentavam tão reais… Realmente só aparentavam. - EU VOU MATAR AQUELE DESGRAÇADO NÃO SE PREOCUPE JIMIN!

- Yah! Hyung! Pare com isso. Não quero que o mate, não vou ficar chorando aqui por ele pra sempre, eu ia te ligar agora pra pedir pra… - Suspirou pesadamente. - Me ajudar a esquecê-lo, me leve pra esse lugar ai, acho que preciso beber um pouco. - Olhou seu Hyung, ele estava triste só de ver a situação de seu amigo, faria de tudo para garantir que o mesmo se divertisse.

- Jiminie-ah… Eu prometo que vai se divertir - Falou docemente. - ...Mas primeiro temos que fazer algo a respeito dessa sua aparência. - Disse em um tom mais alegre tentando mudar o clima da conversa, falou puxando o rapaz para o andar de cima. - Vêm, vêm, vamos tomar um banho e trocar essa roupa que ainda temos aula!

- Sim, obrigada por cuidar de mim Hyung… - Jin percebeu como o garoto estava sensível, mas nunca deixava de ser doce. - É… Que horas você marcou na festa e quem exatamente vamos encontrar…?

- Marquei as nove, vão dois calouros amigos meus, vai gostar deles, são divertidos. Se encontrarmos eles nos corredores te apresento.


SeokJin esperava o amigo sair do banho, estava sentado na ponta da cama olhando ao redor do quarto: Tudo estava igual a antes, só um pouco mais vazio, antes boa parte da escrivaninha era ocupada pelo computador e o material de música de Yoongi que não estavam mais lá, no lugar agora tinham vários livros e diferentes tipo de papéis e no canto o computador de Jimin. Uma coisa peculiar chamou a atenção do mais velho: sobre o criado mudo tinha um envelope vermelho, com a assinatura de Jimin em tinta preta no canto direito do papel, se aproximou, Jimin não costumava escrever cartas para ninguém. Esticou o braço para pegar o papel quando ouviu a porta do banheiro se abrir e o mais novo rapidamente sair de lá já trocado e com os cabelos molhados.

- Que feio Jinnie-ssi, mexendo nas coisas dos outros - Falou brincando com seu Hyung. - Quem disse que essa carta é pra você?

- Desculpe Jiminie, acho que o papel chamou atenção… - Coçou a nuca um tanto envergonhado, Park nunca escondia nada dele, mas o mesmo não parecia querer explicar o motivo da carta.

- Não precisa se desculpar. - O mais novo se aproximou de Jin tirando o envelope das mãos do mesmo e guardando no mesmo lugar que estava antes. - Gosto de escrever pra mim mesmo quando estou nervoso, é uma forma de liberar os sentimentos ruins, ou tentar… - Riu sem graça. - Vamos Hyung não podemos nos atrasar.


Já na faculdade os olhos de Jin procuravam loucamente por Taehyung ou Jungkook mas sequer tinha sinal deles. Mas onde aqueles dois se enfiaram? Mais tarde no dia que conversou com Jungkook foi apresentado a Taehyung, os dois se deram incrivelmente bem, SeokJin era bom em lidar com pessoas extrovertidas como Kim. Pegou o celular tratando de encher Jungkook de mensagens sobre como tinha perdido a chance de conhecer o crush dele. De Repente sobre seus pensamentos pairou aquele novo fato que poderia mudar o jogo: Jimin estava solteiro. Poderia ser uma ótima chance para Jeon se aproximar, mesmo sabendo que Park possivelmente não vá querer se envolver com ninguém no momento.

- Mas que droga! - O mais velho bufou ainda procurando os calouros.

- Que foi Hyung? - Park estava limpando os óculos antes de pegar o material no armário.

- Aqueles dois pestes não estão em lugar nenhum, queria apresentá-los a você… - Fez um bico olhando para o mais baixo que ria.

- Não se preocupe Jinnie. Vou ver eles hoje de qualquer forma, preciso ir pra sala. Hoje vou sair mais cedo pra me arrumar e… Arrumar minha casa… Até mais Hyung te mando uma mensagem quando puder me buscar!

- Okay! Até mais. - Jin estava pronto para colocar seu plano em execução, iria fazer Jungkook se aproximar de Jimin custe o que custar.

[...]


Como falado, Jimin saiu mais cedo da aula e foi em direção ao seu apartamento. Tomou um banho e se arrumou, logo após acabar se olhou no espelho com um pouco de maquiagem, pela primeira vez em muito tempo estava se arrumando para si mesmo, sempre que se arrumava dessa forma era pra Yoongi ou para seus pais, mas dessa vez não, dessa vez ficou bonito para si mesmo. Ficou na sala esperando SeokJin chegar, olhava o cômodo agora sem fotos de seu ex-namorado.


É vou ter que me acostumar a chamá-lo assim.


Riu tristonho e começou a ler um livro para se distrair. Pouco tempo depois ouviu a porta ser aberta, seu coração pulou rapidamente, é claro que no fundo Jimin esperava que ele fosse voltar correndo para seus braços mesmo sabendo que obviamente isso não iria conhecer. SeokJin adentrou o quarto chamando o mais novo.

- Olha só todo bonitão - Riu caçoando o mais novo que fez uma cara emburrada. - Para quem se arrumou tão bem assim, hm?

- Pra ninguém. Dessa vez eu estou assim para me agradar. - Falou confiante. - Vamos Hyung já são oito e meia não quero me atrasar.

- Aish relaxa, Jimin-ah. São calouros podemos fazer eles esperarem quanto tempo for necessário, além do mais a boate é aqui perto. - O mais velho falava enquanto arrumava o cabelo. Park estranhava ele, Jin não costumava atrasar daquele jeito.

- Ei Hyung, afinal, com quem estava pra me deixar esperando tanto tempo assim? - O mais velho olhou Park com uma cara surpresa, o mais velho ponderação de havia demorado tanto assim. Jin não queria que Jimin descobrisse agora que estava saindo com alguém, ainda mais nesse momento pós-término.

- N-ninguém! Vamos Jiminie-ah, vamos! - Pegou a mão do mais novo e sai puxando-o para fora do apartamento. Estava de costas para Park assim ele não notaria sua feição completamente vermelha que aos poucos se recordava do que estava fazendo para demorar assim.











A boate estava movimentada naquela noite. Jimin via alguns rostos conhecidos da faculdade, vários jovens bebiam e dançavam. Park sentia o peso do olhar tanto de homens quanto mulheres em seu corpinho malhado. Olhava SeokJin que se aproximava de dois corpos em uma mesa bebendo.


- Kook-ah! Taehyung-ssi! Quero apresentar vocês ao meu amigo aqui. Esse é Park Jimin. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo. O próximo terá muita interação do Jimin e do Jungkook e é a partir daí que eles começam a se aproximar 🌸
Comentem o que estão achando.
Até o próximo capítulo.
Bejocas ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...