História Destination Traced {Jikook,Namjin e Vhope} - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 62
Palavras 687
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - De onde se conheçem?


            Flashback on

Eu estava cansado, trabalhava em uma sorveteria não muito perto de casa, ficar servindo pessoas, muitas das vezes sendo humilhado, ficar atrás daquele balcão em pé o dia todo. Hoje meu chefe me humilhou muito, cheguei a chorar, mas aguentei firme por que hoje eu vou fazer uma surpresa para meu namorado, Taehyung. Depois de longas 8 horas de serviço, finalmente saio desse brejo. Só estou aqui para comprar as coisas para ele.
Passo na joalheria, compro nossas alianças, as mais lindas que acho. Mando gravar nossos nomes e vou todo feliz para casa. Entro em silêncio. Tem uns barulhos vindo do  quarto, mas imagino que ele esteja arrumando lá.
Quando eu entro no quarto, logo meu sorriso some, sinto a dor enorme invadindoeu corpo, me sinto fraco. Já penso que não tenho motivos para viver mais. Vejo Tae  tranzando com.... Não acredito. É o Bambam. Simplesmente o menino que bate nos "gayzinho", como ele nos chama.
E agora ele está aqui, tranzando com meu namorado, ou melhor.. Ex.
Nãoatrás.  nada, não tenho forças para isso,eu esqueci todas as palavras naquele momento. A única coisa que consigo fazer é sair dali e batendo a porta.
Aqueles gemidos nojentos ainda ecoavam alto nos meus ouvidos.
Me sento no sofá e começo a chorar. Quando sinto uma mão em meu ombro e uma voz, a voz que antes,me acalmava, agora eu simplesmente tenho nojo.
-chimchim? -disse ele com voz de choro.
-SAI DAQUI TAEHYUNG, NÃO QUERO MAIS TE VER, VAI EMBORA, VAI PRA SUA CASA.
-me escuta por favor -ele dizia calmo como se nada tivesse acontecido.
-NÃO QUERO SABER DE NADA QUE SAI DESSA BOCA NOJENTA SUA. -e eu so conseguia grirar - E QUER SABER? -limpo minhas lágrimas e me acalmo      -Toma isso - jogo a caixinha com as alianças na cara dele e o empurro para fora de minha casa junto com aquele imundo.  
          Flashback off

Jimin não parava de olhar para Taehyung e ali tava um silêncio angustiante.
-de onde se conheçem?

Nenhum dos dois responde
Jimin simplesmente sai dali andando e eu vou atrás.

-Jimin. Me conta de onde você e o Tae se conheçem? Pareçe que vocês não se dão bem.
-não mesmo Kook. -diz ele com lágrimas nos olhos.
-eei.você está chorando?
-n-não, diz ele limpando as lágrimas e fitando o chão.

Levanto o pescoço dele, olhando fixamente em seus olhos e com o rosto dele quase colado aos meus.

Depois de um tempo, ele acabou de me contar o que aconteceu e eu estou com cara de retardado agora. Nunca imaginei isso de Tae. Será que ele trai Hoseok também? Balanço a cabeça afastando meus pensamentos e dou um abraço em Jimin, que já chorava horrores. Sinto suas lágrimas molhares minha camisa social e fina da escola.

-olha, não chora Jimin, sei que não é facil mas eu estou aqui para te ajudar. Vamos, vamos beber uma água.

Nos levantamos e fomos beber água e ele se acalma.

-obrigado Kook, eu não sei o que ia fazer sem você -ele me abraça e eu sinto um choque percorrer no meu corpo.  Devolvo o abraço e um tempo depois ele sai dos meus braços e olha pra mim, novamente olhando no fundos dos meus olhos, que brilhava ao ver ele. Ele foi se aproximando devagar e sinto sua respiraçao em mim, não demora muito para eu sentir seus lábios colados nos meus. Os lábios dele são quentes, macios, gosto de morango. Meu coração acelera e ele me puxa pela cintura, colando assim, mais nossos corpos. O beijo que era calmo, passou para um beijo feroz, necessitado. Ele pediu passagem com a língua e eu cedi. Ele ia subindo minha blusa e passando a mão em meu abdômem e eu segurava no cabelo dele. Por ele ser bem menor que eu, ele pula no meu colo, traçando suas pernas em minha cintura, sem parar o beijo. O maldito ar nos falta e temos que parar o beijo que eu não queria parar nunca. Nos encaramos e ele daz carinho no meu rosto, ainda com as pernas em volta da minha cintura.


Notas Finais


Obrigado por lerem até o próximo cap. ♡♥ me desculpem por qualquer erro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...